R.B. 16/JUL/20 "Nefasta, inexplicável e quiçá até suspeita"


"Nefasta, inexplicável e quiçá até suspeita"

São Paulo, 16 de julho de 2020 (QUINTA-FEIRA).


Mercados e Economia:

Hoje (1) a BOVESPA deve seguir em alta, para fechar em território positivo pelo terceiro pregão consecutivo, com “boas chances” de zerar as perdas acumuladas no ano (-12,0%) ainda neste trimestre, desta vez beneficiada pela divulgação de dados melhores do que o esperado da economia chinesa, principal destino das exortações brasileiras e (2) o DÓLAR pode cai, acompanhando a trajetória internacional da moeda norte-americana e a esperada manutenção do “humor positivo” na bolsa tupiniquim.

Ontem, no BRASIL, (1) a BOVESPA subiu 1,3% (aos 101.790pts), impulsionada pela valorização das commodities, pela expectativa de retomada das atividades comerciais e pela crescente entrada de novos investidores na bolsa tupiniquim diante do baixo patamar da taxa básica de juros (2,25% ao ano) e (2) o DÓLAR subiu 0,7% à R$ 5,38, ignorando o otimismo da bolsa tupiniquim e na contramão da trajetória internacional da moeda norte-americana, diante das “apostas” de novo corte na taxa básica de juros brasileira na próxima reunião do Copom que acontecerá nos dias 4 e 5/AGO/20.

Também ontem, nas principais bolsas (1) da ÁSIA, em tendências totalmente opostas, Japão 1,6%, acompanhando o movimento ascendente das bolsas de NY no dia anterior e com destaques de alta para as exportadoras do setor de tecnologia e China -1,6%, prejudicada pelas crescentes tensões entre o país e os EUA, (2) da EUROPA, Inglaterra 1,8%, França 2,0% e Alemanha 1,8%, em sintonia com o movimento ascendente das bolsas norte-americanas e também impulsionadas pelo otimismo dos investidores com as vacinas contra o coronavírus e (3) dos EUA, S&P 0,9%, DJ 0,8% e NASDAQ 0,6%, impulsionadas pela divulgação de dados da produção industrial do país e por balanços corporativos melhores do que o esperado.

Endurecendo o jogo contra a ditadura chinesa, Trump, presidente dos EUA e CPT do mundo, assinou uma legislação para impor sanções a autoridades e entidades da China envolvidas na aplicação da nova lei de segurança nacional em Hong Kong e um decreto para encerrar o tratamento especial que Washington concedia à Hong Kong.

Responsável pela pandemia do coronavírus, a China anunciou na manhã de hoje que, superando as “apostas do mercado” (2,5%), no segundo trimestre deste ano seu PIB cresceu 3,2% na comparação com o mesmo período de 2019.

Cobertíssimo de razão, Paulo Guedes, ministro da economia, alertou que as críticas à gestão ambiental do governo Bolsonaro são exageradas e influenciadas por interesses de outros países que querem competir com o Brasil no comércio global, principalmente no agronegócio, impondo medidas protecionistas.

Desafiando os profetas do apocalipse, logo após o Ministério da Economia manter sua perspectiva de retração de -4,7% para a economia neste ano, Adolfo Sachsida, secretário de Política Econômica do governo Bolsonaro, “avisou” que quem “apostar” que o PIB tupiniquim cairá -6,5% em 2020 terá que rever esse número com razoável grau de certeza.

Em uma guerra causada principalmente pela “nefasta, inexplicável e quiçá até suspeita” decisão tomada pela CVM, que em 2011 impôs a injustificável regra de exclusividade aos Agentes Autônomos de Investimentos, ontem o gigantesco e admirável escritório de AAIs chamado EQI anunciou que está saindo da XP para se filiar ao BTG, que por sua vez apoiará seu novo parceiro no processo de criação de uma corretora.

Escancarando mais uma pilantragem e safadeza regulamentar imposta aos Agentes Autônomos de Investimentos, por conta de uma regra da B3, ao anunciar sua saída da XP o escritório de AAIs EQI terá que ficar 60 dias sem poder iniciar seus trabalhos com o BTG.

Em 2011, quando a CVM, de forma suspeita e contrariando a opinião da grande maioria do mercado, impôs a nefasta exclusividade dos AIs, a XP tinha cerca de 12,5% dos AAIs, atualmente, beneficiada por esta regulamentação, a referida corretora tem ao seu dispor mais de 85% dos AAIs do Brasil.

O petróleo subiu cerca de 3,0% nas principais bolsas de commodities do mundo, após o cartel da OPEP, otimista com a recuperação da demanda pelo insumo, anunciar que deve reduzir os cortes na produção, de 9,7 milhões para 8,2 milhões e barris por dia.

-    A Embraer subiu 9,9%, impulsionada pelo anúncio de que a Helvetic Airways aumentou seu pedido de compra de aviões da empresa.


Política:

Beneficiando caloteiros e obviamente aumentando o custo para quem paga suas contas em dia, ontem os “nobres” deputados tupiniquins aprovaram um projeto de lei que estabelece que o auxílio emergencial de R$ 600 não pode ser penhorado ou sofrer qualquer bloqueio judicial, exceto no caso de pensão alimentícia.

Em mais um avanço conquistado pelo seu governo, ontem o presidente Bolsonaro sancionou o novo marco regulatório do saneamento básico, medida que estimula a participação da iniciativa privada no setor.

Em uma nefasta prática, após a posse de João Otávio de Noronha como presidente do Superior Tribunal de Justiça, os 2 filhos do ministro que advogam na corte intensificaram a atuação em processos criminais, apontados como dos mais rentáveis em Brasília.

Petista de corpo e alma, Augusto Aras, Procurador Geral da República escolhido de forma masoquista por Bolsonaro, “avisou” que não tem pressa em analisar a representação feita pelo Ministério da Defesa contra Gilmar Mendes, nefasto ministro do STF que afirmou que o Exército estava se associando a um “genocídio”.

Elevando o racismo ao seu grau mais intenso, entidades antirracistas, que na realidade são racistas, lançam hoje uma campanha racista com o objetivo de pressionar os ministros do TSE a aprovarem regras para a eleição deste ano que favoreçam candidatos e candidatas negras.


Crítica:

Escancarando para o mundo a decadência cultural, moral e ética do Brasil, o jornal norte-americano New York Times, com viés socialista e progressista, reproduziu um vídeo do youtuber brasileiro Felipe Neto, que é um completo idiota, dizendo que Bolsonaro, e não Trump, não é o pior presidente do mundo e aconselhando os norte-americanos a não reelegerem seu presidente.

Entristecendo a nefasta imprensa socialista tupiniquim, as farmacêuticas Moderna, dos EUA, e Astra Zeneca, da Europa, reportaram ontem 100% de criação de anticorpos em seus testes para suas vacinas contra coronavírus.


PAZ, amor e bons negócios;


O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer crítica, dúvida ou sugestão, favor contatar: rb@relatoriobrasil.com


Conheça e indique nosso Blog: www.relatoriobrasil.com

Curta nossa página no Facebook: www.facebook.com/relatoriobrasil



Nenhum comentário:

Postar um comentário