R.B. 5/JUL/19 "Com mão de ferro"



"Com mão de ferro"

São Paulo, 5 de julho de 2019 (SEXTA-FEIRA).

Mercados e Economia:

Hoje (1) a BOVESPA deve seguir em alta, ampliando a valorização (2,6%) já acumulada nos 4 primeiros pregões de JUL/19, influenciada positivamente pela expectativa de aprovação, antes do recesso parlamentar, da reforma da previdência de R$ 990bi no plenário da Câmara, o que abrirá espaço para cortes da taxa básica de juros, que aliás já se encontra no menor patamar da história e (2) o DÓLAR pode voltar a cair, acompanhando a esperada manutenção do “humor positivo” na bolsa tupiniquim e se mantendo abaixo dos R$ 3,80.

Ontem, no BRASIL, (1) a BOVESPA subiu 1,6%, para bater um novo recorde histórico de alta (aos 103.636pts), com ótimo volume de negócios (R$ 13,5bi) para um dia de feriado em NY e influenciada positivamente por mais um avanço da reforma da Previdência e (2) o DÓLAR caiu -0,7% à R$ 3,79, para romper o “suporte” dos R$ 3,80 e fechar o dia no menor patamar desde 20/MAR/19, seguindo a trajetória internacional da moeda norte-americana e influenciado pelo aumento do fluxo positivo de recursos externos.

Também ontem, nas principais bolsas (1) da ÁSIA, sem uma tendência única, Japão 0,3%, impulsionada por ações dos setores de telecomunicações e eletrônicos e China -0,3%, realizando lucros recentes à espera de desdobramentos da disputa comercial entre Washington e Pequim, (2) da EUROPA, Inglaterra 0,1%, França 0,1% e Alemanha 0,1%, sustentadas pelo aumento das “apostas” de adoção de novos estímulos monetários por parte do BC europeu e com destaques de alta para as ações dos bancos, em meio à notícia de que a Itália não sofrerá ação disciplinar da União Europeia por má gestão fiscal e (3) dos EUA, S&P, DJ e NASDAQ permaneceram fechadas por conta do feriado do Dia da Independência.

Além de dizer que vai trabalhar arduamente para que o AAI possa ter sócio investidor (de preferência ele) e, como prometeu em 2015, garantir que também defende a redução da taxa de fiscalização CVM, Guilherme Benchimol, sócio fundador da Corretora XP, “avisou”, durante o evento Expert XP 2019, que o banco da XP deve chegar ao mercado até SET/19 e que “sua” empresa, agora controlada pelo Itaú, ainda pretende abrir capital na bolsa de valores.

Aparentemente sem saber que palestrava para uma corretora que controla, “com mão de ferro”, 85% do mercado tupiniquim de Assessores de Investimentos, Paulo Guedes, brilhante ministro da economia, repetiu ontem, durante a Expert XP 2019, que “somos 200 milhões de trouxas explorados por duas empreiteiras, quatro bancos, seis distribuidoras de gás, uma produtora de petróleo.

Dando novos sinais positivos da economia tupiniquim, (1) nos 6 primeiros meses deste ano a produção de carros e comerciais leves cresceu 2,8% na comparação com igual período de 2018 e o licenciamento de veículos avançou 12,1% na mesma base de comparação e (2) em JUN/19 a demanda por voos domésticos cresceu 14,4% na comparação com JUN/18.

Alertando que foi uma “desculpa esfarrapada”, já que os europeus também convivem com a ocorrência de salmonela na produção de carne de frango nos países do bloco, os exportadores brasileiros questionam os verdadeiros motivos de a proteína tupiniquim ser rechaçada pelos europeus e devolvida ao país.

Galgando novos passos em uma parceria que beneficia as 2 maiores economias da America do Sul, Mauricio Macri, presidente da Argentina, disse que já está trabalhando com Bolsonaro, presidente do Brasil, para conseguir um acordo de livre-comércio com os EUA.

Política:

Aumentando as chances de se aprovar a reforma da Previdência no plenário da Câmara antes do recesso parlamentar, ontem foi aprovado, por 36 votos a favor e 13 contrários, o parecer do deputado tucano Samuel Moreira na última Comissão da referida casa legislativa, com uma economia fiscal robusta de R$ 990bi em 10 anos, já que todos os destaques apresentados pela organização criminosa petista e por suas linhas auxiliares foram derrotados.

Dando “uma bela aula de igualdade para quem trabalha ensinando”, ontem, por 30 votos a 18, a comissão especial da reforma da Previdência rejeitou poupar os professores do endurecimento de regras de aposentadoria.

Perdendo a oportunidade de nunca mais ter que discutir reforma da Previdência, a comissão especial que analisa a referida matéria rejeitou, por 41 votos a 5, a proposta do partido NOVO para a criação de um gatilho para aumentar a idade mínima de aposentadoria em caso de elevação da expectativa de sobrevida da população.

“Jogando para a torcida”, Bolsonaro tentou, sem sucesso, aliviar as regras de aposentadoria de agentes de segurança mantidos pela União, o que foi sumariamente negado pela comissão especial da Câmara que tratava do assunto.

Trabalhando em benefício do país após ser pressionado pelas ruas, Rodrigo Maia, o nefasto presidente da Câmara, “avisou” que iniciará a discussão da reforma da Previdência no plenário da Câmara na próxima terça-feira (9/JUL/19) para que a proposta seja votada pelos deputados até o final da semana que vem.

Dominado por Doria, governador de SP que quer moralizar o partido, o diretório municipal do PSDB paulistano aprovou na tarde de ontem, de forma unanime, uma moção pedindo a expulsão do nefasto deputado Federal tucano Aécio Neves do partido.

Copiando Bolsonaro, porem de modo mais discreto, Dória, governador tucano de SP, está fechando, mudando a participação e tirando poderes do malditos e socialistas conselhos de participação social do Estado de SP.

Sem nada de sólido ou comprometedor contra aqueles que prenderam o maior bandido da história mundial, a nova matéria da Veja sobre as mensagens atribuídas a Sergio Moro e Deltan Dallagnol “força a mão” várias vezes, como na parte em que afirma que “Dallagnol dá dicas ao chefe sobre argumento para garantir uma prisão”.

Crítica:

Poste da nefasta Cristina Kirchner, Alberto Fernandes, que é candidato à Presidência da Argentina, “avisou”, após visitar Lula na cadeia, que vai rever o acordo entre o Mercosul e a União Europeia, “alertando” que ele causará a desindustrialização na América Latina.

Importante lembrar que 2 meses atrás André Esteves, o mais querido “banqueiro de Lula”, financiou, por seu banco BTG Pactual, a compra da editora Abril, que publica a Veja, que atualmente é, ao lado da Folha de SP, a principal canetinha de aluguel da organização criminosa petista.

PAZ, amor e bons negócios;

O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer crítica, dúvida ou sugestão, favor contatar: rb@relatoriobrasil.com

Conheça e indique nosso Blog: www.relatoriobrasil.com
Curta nossa página no Facebook: www.facebook.com/relatoriobrasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário