R.B. 18/JUN/19 "A tradição tupiniquim de proteger os idiotas"



"A tradição tupiniquim de proteger os idiotas"

São Paulo, 18 de junho de 2019 (QUINTA-FEIRA).

Mercados e Economia:

Hoje (1) a BOVESPA deve seguir em alta, acompanhando a recuperação das commodities e desta vez também beneficiada pela liberação de 35% dos recursos das contas ativas do FGTS, o que vai estimular a economia tupiniquim e beneficiar principalmente as ações do setor de consumo e (2) o DÓLAR pode voltar a cair, seguindo a trajetória internacional da moeda norte-americana e influenciado pela esperada alta da bolsa brasileira.

Ontem, no BRASIL, (1) a BOVESPA subiu 0,1%, mesmo com as perdas das bolsas de NY, já que foi sustentada pela valorização das commodities e pelo aumento dos sinais de retomada da economia tupiniquim, em um pregão com bom volume de negócios (R$ 22,4bi) e (2) o DÓLAR caiu -0,3% à R$, 3,76, devolvendo a valorização auferida no pregão anterior, influenciado pela leve melhora do “humor” na bolsa tupiniquim e pela expectativa de aumento do fluxo positivo de recursos externos.

Também ontem, nas principais bolsas (1) da ÁSIA, Japão -0,3% e China -0,2%, diante de novas preocupações relativas ao comércio entre as 2 maiores economias do mundo, (2) da EUROPA, Inglaterra -0,5%, França -0,8% e Alemanha -0,7%, refletindo uma pior avaliação do mercado sobre a perspectiva global e o aumento da probabilidade de imposição de novas tarifas pelos EUA sobre importações europeias e (3) dos EUA, realizando lucros pelo segundo pregão seguido, S&P -0,6%, DJ -0,4% e NASDAQ -0,5%, influenciadas pela redução das “apostas” de corte dos juros do país e com destaques de queda para as ações do setor de tecnologia, com empresas na mira de autoridades do país e da Europa.

Dando mais um sinal de desaceleração econômica da zona do euro, em JUN/19 as vendas de carros europeus recuaram -7,8% na comparação anual, segundo dados divulgados pela Associação Europeia de Fabricantes de Automóveis.

Ecologista fora do país e socialista com o dinheiro dos outros, a França defende que os países do G7 adotem um imposto mínimo para as multinacionais, "a fim de lutar contra a evasão fiscal que revolta os cidadãos", o que obviamente contraria a opinião de países sérios e capitalistas como Canadá, EUA e Reino Unido.

“Confortável” com a divulgação de dados bem melhores do que o esperado das vendas no varejo e da produção industrial do seu país, Trump, presidente dos EUA e CPT do mundo, indicou que um acordo com os chineses está "longe de ser alcançado", o que gerou novas preocupações entre os investidores.

Rompendo aos poucos com “a tradição tupiniquim de proteger os idiotas”, o que, por dificultar a seleção natural, torna o país cada dia mais idiota, Paulo Guedes, brilhante ministro da economia tupiniquim, anunciou que vai liberar o saque de 35% do saldo das contas ativas e inativas do FGTS, injetando assim R$ 30bi na economia.

Comparsa da organização criminosa petista, o setor imobiliário, que acreditava que era dono do dinheiro do FGTS dos trabalhadores, não gostou da decisão de o saque de 35% do valor das contas ativas do referido fundo.

Hoje, em evento comemorativo de 200 dias de governo, Bolsonaro lançará um pacote de medidas de estímulo à economia e de desburocratização da máquina pública, como (1) a revogação de decretos administrativos sem efeito prático, (2) a facilitação para a abertura e o encerramento de empresas, (3) as novas regras para autenticação de documentos, (4) a venda de imóveis da União e (5) a permissão de trabalho para setores da economia aos domingos e feriados.

Flávio Bolsonaro, que apresentará no Senado uma proposta de criação de um imposto único sobre movimentação financeira, afirmou que tem como norte a simplificação tributária, o que segundo ele já aumentaria a arrecadação, uma vez que a sonegação tende a diminuir ao ficar mais fácil pagar os tributos.

-    A Eletrobrás subiu 3,9%, diante da notícia de que o governo prepara projeto para viabilizar a privatização da empresa.
-    O Bank of America subiu 0,7% na bolsa de NY, após divulgar lucro líquido de US$ 7,3 bilhões no segundo trimestre do ano, acima do esperado e do registrado no mesmo período de 2018.

Política:

O deputado tucano Samuel Moreira, relator da matéria já na Câmara, afirmou que Bolsonaro atrapalhou o andamento da reforma da Previdência, corroborando assim com a opinião do nefasto Paulinho da Força, que em ato falho alertou que não era prudente aprovar a medida que desse moral ao governo.

Tendo uma boa oportunidade de perceber que nunca teve votos, Gustavo Bebianno, dono do PSL e ex-ministro de Bolsonaro, quer ser candidato a prefeito do RJ e já conversa com legendas de centro-direita sobre a possibilidade de colocar a campanha em pé.

Com o apoio de Marco Aurélio Mello, Gilmar Mendes, Celso de Mello, Ricardo Lewandowski e Edson Fachin, o STF pode barrar uma eventual indicação de Eduardo Bolsonaro para a embaixada do Brasil em Washington

Descobrindo e desmontando aos poucos o nefasto legado deixado pela organização criminosa petista Bolsonaro, como não poderia ser diferente, está insatisfeito com a Agência Nacional do Cinema e pretende ordenar mudanças radicais em seu desenho, inclusive com a possibilidade de extingui-la.

Linha auxiliar da organização criminosa petista, a Folha de SP, sem apresentar nenhuma prova, acusou Sergio Moro de interferir no acordo com os delatores da Camargo Corrêa se baseando em uma conversa entre 2 procuradores da lava-jato obtidas por um hacker.

Bastante interessada em ser reconduzida ao cargo pelo presidente Bolsonaro, a procuradora-geral da República, Raquel Dodge, decidiu recorrer da nefasta decisão do presidente do Supremo Tribunal Federal, Dias Toffoli, que paralisou inquéritos e ações penais que tenham usado dados de órgãos de controle, como Coaf, Receita e BC, sem autorização judicial prévia.

Crítica:

Criado com a desculpa esfarrapada de “proteger o trabalhador”, o FGTS é uma poupança compulsória que rende pouco, é usada politicamente e deveria ser extinto, já que é o cidadão quem deve decidir o que fazer com seu salário, conforme inclusive ensinou Jesus Cristo, o cara mais liberal que pisou na face da terra, que dizia que mais importante que dar o peixe é ensinar a pescar.

Mostrando que o Brasil não é um país sério, Dias Toffoli, representante da organização criminosa petista no STF, afirmou para a Folha de SP, canetinha de aluguel do PT, que Estado que não quer estar sob o controle do Judiciário é "fascista e policialesco".

PAZ, amor e bons negócios;

O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer crítica, dúvida ou sugestão, favor contatar: rb@relatoriobrasil.com

Conheça e indique nosso Blog: www.relatoriobrasil.com
Curta nossa página no Facebook: www.facebook.com/relatoriobrasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário