R.B. 26/DEZ/18 "General genial"



"General genial"

Guarujá, 26 de dezembro de 2018 (QUARTA-FEIRA).

Mercados e Economia:

Hoje (1) a BOVESPA deve cair, se ajustando à queda das commodities e a forte piora do “humor” nas demais bolsas mundiais durante o feriado natalino no Brasil, porem deve-se ressaltar que o patamar pode ser interessante para compras, principalmente para quem “aposta” no sucesso do governo Bolsonaro e (2) o DÓLAR pode subir, também se ajustando ao movimento internacional da moeda norte-americana e a redução do fluxo positivo de recursos externos.

Sexta-feira, no BRASIL, (1) a BOVESPA subiu 0,5%, se descolando do “mau humor” das bolsas de NY, em um movimento de correção após acumular baixa de -4,3% no mês, diante de boas perspectivas para o governo Bolsonaro e com destaque de alta para as ações da Vale ON (2,1%), beneficiada pela parada obrigatória das mineradoras e siderúrgicas na China, obedecendo ao protocolo ligado aos índices de poluição no país e (2) o DÓLAR subiu 1,1% à R$ 3,89, recuperando as perdas auferidas no pregão anterior, acompanhando a trajetória internacional da moeda norte-americana e influenciado pela ausência do BC na ponta vendedora.

Segunda-feira, nas principais bolsas (1) da ÁSIA, Japão não teve pregão por conta de feriado e China 0,4%, beneficiada pelo anúncio do Ministério do Comércio chinês de que teve "profunda troca" de pontos de vistas e que os dois lados "alcançaram progressos" em relação ao comércio com os EUA, (2) da EUROPA, Alemanha não teve pregão por conta de feriado natalino, porem Inglaterra -0,5% e França -1,5%, prejudicadas pela paralisação parcial do governo dos EUA e (3) dos EUA, com os índices já registrando os piores resultados para um mês de dezembro desde 1931 e o DJ registrando o pior resultado para uma véspera de Natal desde 1918, S&P -2,7%, DJ -2,9% e NASDAQ -2,2%, já que, além de comprar briga com o Congresso paralisando o governo enquanto não é aprovada a verba para construção do muro com o México, Trump também ameaçou demitir o presidente do Fed, Jerome Powell, por ele seguir aumentando os juros do país.

Como não sabe jogar na defesa, Trump, presidente dos EUA, voltou a fazer críticas ao BC norte-americano, descrevendo o FED como o único problema da economia do país e ressaltando que a referida autoridade monetária não compreende a necessidade de guerras comerciais ou de um dólar forte ou mesmo fechamentos democráticos das fronteiras.

Aumentando as “apostas” de que o Copom poderá manter a taxa básica de juros da economia brasileira no menor patamar da história por um bom tempo, o IPCA-15 de DEZ/18 registrou deflação de -0,16%, fechando assim o ano de 2018 registrando inflação de apenas 3,86%, patamar bem abaixo do centro da meta (4,5%).

Em busca de mais segurança, maior diversificação e até mais rentabilidade, cerca de 60% dos “family offices” brasileiros, que são estruturas criadas por famílias com alto poder aquisitivo para administrar seus ativos, pretendem aumentar sua exposição fora do Brasil, sendo que 25% delas já mantém mais da metade do seu portfólio no exterior.

Dando novos sinais positivos da economia tupiniquim, (1) em 2018 a inadimplência do pagamento de condomínios administrados pela Lello na cidade de SP caiu -36% em relação a 2017 e atingiu o menor índice dos últimos 4 anos, (2) nos 10 primeiros meses deste ano o volume de empréstimos consignados destinados a aposentados e pensionistas do INSS cresceu 20,3% na comparação com o mesmo período de 2017, (3) 72% dos proprietários das Micro e Pequena Indústrias de SP acreditam que a situação econômica do país vai melhorar em 2019, o que representa o melhor resultado da história desta pesquisa, que começou em 2013 e (4) atualmente 65% dos brasileiros acham que a situação econômica do país vai melhorar nos próximos meses, ante apenas 23% que diziam isso em AGO/18.

Finalmente deixando de ser babaca, depois dos calotes de Moçambique, Venezuela e, agora, Cuba, o governo brasileiro congelou a concessão do seguro de crédito a novas exportações para estas republiquetas socialistas, corruptas e sanguinárias.

A exploração mineral de lítio, que é usado como matéria-prima para a fabricação de baterias elétricas, cresce de forma exponencial no Brasil, já que até o final de NOV/18 o número de requerimentos de pesquisa do minério chegava a 117, mais que o triplo do ano anterior e quase 10 x o registrado em 2016, o que pode levar o país ao status de um dos maiores produtores mundiais na próxima década.

Beneficiando as exportações tupiniquins, a China decidiu que em 2019 planeja retirar tarifas de importação e exportação sobre uma série de produtos, incluindo taxas de importação sobre alimentos alternativos para ração animal, numa tentativa de garantir o suprimento de matérias-primas em meio às tensões comerciais com os EUA.

-    A Petrobrás subiu 0,3%, desprezando mais um dia de queda do petróleo, diante do anuncio de que que seu conselho de administração nomeou Roberto Castello Branco, indicado por Bolsonaro, para o cargo de presidente-executivo da petroleira.

Política:

Dando uma excelente ideia, a deputada federal eleita Joice Hasselmann, do PSL de SP, “avisou” que pretende criar uma Lei Rouanet para a educação com curadoria do Instituto Ayrton Senna, que definiria as necessidades de cada região e a aprovaria projetos que contemplem as deficiências de cada local.

Acreditando que a farra vai continuar, em busca de ampliação de benefícios ou um “upgrade” de status no serviço público, carreiras de servidores se organizaram e aproveitam o período de transição para intensificar o lobby sobre Bolsonaro.

Com DNA socialista, Raquel Dodge, a procuradora-geral da República, emitiu pareceres em série contra a reforma trabalhista e, para criar ainda mais confusão, decidiu apresentar as manifestações ao Supremo Tribunal Federal horas antes do início do recesso do Judiciário.

Do dia 1/JAN1/18 até o dia 20/DEZ/18 o STF tupiniquim recebeu 13,5mil pedidos de habeas, confirmando uma tendência de crescimento desse instrumento constitucional, que já havia dobrado de 2016 para 2017, ao ultrapassar a marca de 11 mil, destes pedidos 642 foram concedidos, o equivalente a cerca de 5% do total, e 88,5% de forma monocrática.

Os tucanos seguem divididos diante do pedido do deputado Federal Wherles Rocha, para que o PSDB saída de cima do muro e expulse Aécio, senador e deputado Federal eleito, que mais uma vez foi alvo de ação policial na última semana e que, juntamente com Alckmin, é responsável direto pelo encolhimento do partido nas urnas.

Se posicionando perante o mundo, Bolsonaro confirmou que se encontrará com o premiê de Israel, Binyamin Netanyahu, nesta sexta-feira (28/DEZ/18), antes mesmo de tomar posse no cargo, em 1/JAN/19, e que vai desenvolver parcerias na área de ciências e tecnologia, principalmente na questão da dessalinização de água.

General genial”, Augusto Heleno, um dos principais conselheiros do presidente Bolsonaro, afirmou que não existe motivo para preocupação com a atuação dos militares no próximo governo, já que eles farão seu trabalho sem interferência dos quartéis, foram treinados para atuar como líderes executivos competentes e não têm pretensões políticas.

Priorizando os gastos públicos, Bolsonaro terá, em valores corrigidos pela inflação, R$ 150 milhões para propaganda no seu primeiro ano de governo, valor que representa 16% do orçamento à disposição de Dilma em 2011, ano em que ela chegou ao poder.

Patrocinados por Lula, o maior bandido da história do Brasil, advogados e defensores públicos articulam nova ofensiva sobre o Supremo Tribunal Federal para tentar convencer seu presidente, Dias Toffoli, a antecipar o julgamento das ações que questionam as prisões de condenados em segunda instância, marcado para 10/ABR/18.

Com 10 deputados presos e investigações em andamento sobre a movimentação financeira de seus servidores, a maldita Assembleia Legislativa do RJ terá um aumento em seu orçamento do próximo ano 12% acima da inflação e passará a custar por ano R$ 1,21bi aos cofres públicos.

Mostrando que ainda tem bastante dinheiro sujo, o PT anunciou que pensa em aproveitar o início do novo governo para reativar o Instituto Lula, criado pelo referido chefe da organização criminosa petista para vender favores depois que deixou a presidência e que foi esvaziado desde que ele se tornou alvo da Lava Jato.

Crítica:

Um dos poucos comunistas com neurônios, Mujica, ex-presidente do Uruguai, fez uma admissão de culpa sobre o que considera ter sido uma falha dos governos de esquerda na América Latina, que segundo ele conseguiu ajudar os pobres a se tornarem bons consumidores, mas não tiveram sucesso em transformá-los em cidadãos.

PAZ, amor e bons negócios;

O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer crítica, dúvida ou sugestão, favor contatar: rb@relatoriobrasil.com

Conheça e indique nosso Blog: www.relatoriobrasil.com
Curta nossa página no Facebook: www.facebook.com/relatoriobrasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário