R.B. 17/AGO/18 "É natural o PSDB apoiar o PT em um eventual segundo turno contra Bolsonaro"



"É natural o PSDB apoiar o PT em um eventual segundo turno contra Bolsonaro"

São Paulo, 17 de agosto de 2018 (SEXTA-FEIRA).

Mercados e Economia:

Hoje (1) a BOVESPA deve seguir em queda, para zerar os ganhos ainda acumulados no ano (0,5%), diante da piora do cenário político, dos sinais negativos da economia tupiniquim e também em um movimento da cautela antes do final de semana e (2) o DÓLAR pode voltar a subir, firmando os R$ 3,90 como suporte, seguindo a esperada piora do “humor” na bolsa tupiniquim e também acompanhando a trajetória internacional da moeda norte-americana.

Ontem, no BRASIL, (1) a BOVESPA caiu -0,3%, revertendo os ganhos da abertura e na contramão do movimento ascendente das bolsas de NY, diante do crescimento dos “temores” de que Alckmin, candidato “queridinho do mercado”, seja denunciado pelo Ministério Público por ter recebido propina da Odebrecht e (2) o DÓLAR subiu 0,1% à R$ 3,90, acompanhando a piora do “humor” na bolsa tupiniquim, após um pregão marcado pela forte volatilidade, já que na mínima recuou -0,8% e na máxima avançou 0,7%.

Também ontem, nas principais bolsas (1) da ÁSIA, Japão -0,1% e China -0,6%, acompanhando as perdas das demais bolsas mundiais no dia anterior e com destaques de queda para as ações dos setores de energia e infraestrutura, (2) da EUROPA, recuperando perdas recentes, Inglaterra 0,8%, França 0,8% e Alemanha 0,6%, aliviadas com a retomada das negociações comerciais entre EUA e China e animadas com o crescimento de 0,7% das vendas no varejo do Reino Unido em JUL/18 e (3) dos EUA, retornando a trajetória de alta, S&P 0,8%, DJ 1,6% e NASDAQ 0,4%, beneficiadas pela valorização das commodities e pela redução as tensões comerciais e geopolíticas.

Finalmente “baixando sua bola”, o Ministério de Comércio da China informou que, a convite dos EUA, o vice-ministro chinês de Comércio e representante das negociações comerciais internacionais irá a Washington ainda este mês para retomar o diálogo comercial entre as 2 maiores economias do mundo.

Se esbaldando no monopólio bancário tupiniquim, que só cresceu desde que o PT assumiu o poder, Alberto Fernandes, vice-presidente executivo do Itaú BBA, afirmou que não tem medo de um eventual novo governo de esquerda no Brasil.

Causando desestruturação familiar, aumento da evasão escolar e enormes problemas para a economia do país, no segundo trimestre deste ano 2,95 milhões de brasileiros com idade entre 40 e 59 anos, que em geral são chefes de família, estavam desempregados no Brasil, o que representa um crescimento de 131% na comparação com o segundo trimestre de 2014, antes da atual e insuperável crise tupiniquim.

Adequando-se a realidade dos fatos, o segmento de restaurantes, reclamando que as margens estão muito achatadas, reduziu de 7% para 3% suas expectativas de crescimento do faturamento em 2018 na comparação com 2017.

Dando novos sinais negativos da economia tupiniquim, (1) em JUN/18 o nível de emprego na construção caiu -1,7% na comparação com o mesmo mês de 2017 e (2) no segundo semestre deste ano a taxa de desalento, que representa as pessoas desempregadas que desistiram de procurar emprego, chegou a 4,4%, o que representa o maior patamar da série histórica iniciada em 2012.

Impulsionado principalmente pelos grupos habitação e saúde, na segunda quadrissemana de AGO/18 o IPC de SP registrou inflação de 0,47%, patamar superior ao auferido na primeira prévia do mês (0,37%). O IGP-M subiu 0,67% na segunda prévia de AGO/18, após ter aumentado 0,53% na segunda prévia de JUL/18.

Com mais gente na rua sem emprego, sem estudar e sem ter o que fazer, em JUL/18 o fluxo de visitantes em shopping centers do país subiu 2,15% sobre o mesmo mês de 2017.

-    O Walmart disparou 9,3% na bolsa de NY, depois que informou que as vendas cresceram no ritmo mais rápido em mais de uma década no segundo trimestre.

Política:

Fazendo o que for preciso para manter o chefe de sua organização criminosa na mídia, o PT, sem medo de que isto prejudique seriamente a eleição dos demais membros do partido, decidiu acionar também o Supremo Tribunal Federal para tentar a suspensão da inelegibilidade de Lula.

Socialista de iPhone, líder da organização criminosa MST e candidato à presidente pelo PSOL apenas para ajudar a dar vitrine ao PT, Boulos defendeu ontem, para a surpresa de ninguém, o indulto a Lula em uma entrevista à TV Record.

Causando temores no mercado financeiro tupiniquim e “desespero no ninho tucano”, segundo uma notícia divulgada pelo G1, Alckmin pode ser alvo de até 2 denúncias do Ministério Público de SP antes do primeiro turno da eleição.

Ontem, após dizer em entrevista que “é natural o PSDB apoiar o PT em um eventual segundo turno contra Bolsonaro”, FHC estreou no Twitter “garantindo” que seu candidato é Alckmin e que ele ganhará as eleições presidenciais.

Responsável por mais um pedido de impugnação da candidatura de Lula, o partido NOVO, com toda a razão, também requereu cautelar junto ao TSE para impedir que o referido ex-presidente, que está preso, venha a ser tratado como candidato na propaganda eleitoral gratuita de Rádio e TV, sendo proibido de ter seu nome incluído em pesquisas e debates, e de usar recursos dos Fundos Partidário e Eleitoral.

Legitimando a corrupção e desprezado tudo que foi revelado pela Lava Jato, 55% dos eleitores do Ceará declaram que votarão em Cid Gomes para o senado e 37% afirmam que votarão em Eunício Oliveira para o mesmo cargo.

Ontem, no mesmo dia em que Alckmin entrou pela porta dos fundos do Ministério Público para depor como investigado em um processo, o presidente Temer, prejudicando ainda mais a candidatura do tucano, afirmou que a maioria dos partidos da base aliada apoia o referido candidato à presidente do PSDB.

Mostrando que ao menos não é tão idiota quanto Ciro Gomes, que perde votos da esquerda quando ataca Lula e o PT, Marina Silva, “de olho” no eleitorado petista, focará sua campanha no Nordeste do país, apostando nos eleitores que ficarão "órfãos" quando a Justiça o declarar inelegível o “presidiário VIP de Curitiba”.

Crítica:

Com potencial para revolucionar o setor automotivo, assim como já fez com a telefonia celular ao lançar o iPhone em 2007, a Apple se prepara para colocar no mercado, entre 2023 e 2025, o Apple Car, será elétrico e autônomo.

PAZ, amor e bons negócios;

O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer crítica, dúvida ou sugestão, favor contatar: rb@relatoriobrasil.com

Conheça e indique nosso Blog: www.relatoriobrasil.com
Curta nossa página no Facebook: www.facebook.com/relatoriobrasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário