R.B. 16/AGO/18 "Surpreendendo apenas quem não costuma ler o RB"



"Surpreendendo apenas quem não costuma ler o R.B."

São Paulo, 16 de agosto de 2018 (QUINTA-FEIRA).

Mercados e Economia:

Hoje (1) a BOVESPA deve subir, seguindo o movimento ascendente das principais bolsas mundiais, beneficiada pela recuperação das commodities e impulsionada pelos sinais de que o TSE deve recusar a candidatura do presidiário Lula o mais rápido que puder e (2) o DÓLAR pode cair, devolvendo uma parte da valorização já acumulada no mês (3,9%) e no ano (17,8%), influenciado pela momentânea redução das tensões locais e globais.

Ontem, no BRASIL, (1) a BOVESPA caiu -1,9%, acompanhando a nova piora do “humor” nas principais bolsas mundiais, prejudicada pelo recuo das commodities e com os investidores observado o PT tentando registrar a candidatura do presidiário Lula no TSE e (2) o DÓLAR subiu 0,9% à R$ 3,90, recuperando com folga todas as perdas do pregão anterior, seguindo a trajetória internacional da moeda norte-americana e impulsionado pela expectativa de redução do fluxo positivo de recursos externos.

Também ontem, nas principais bolsas (1) da ÁSIA, Japão -0,7% e China -2,1%, pressionadas principalmente por perdas das ações de tecnologia, após relatos de que o governo chinês poderá desacelerar suas aprovações para novos jogos eletrônicos, (2) da EUROPA, Inglaterra -1,5%, França -1,8% e Alemanha 01,6%, ainda abaladas por preocupações com a crise da Turquia e também prejudicadas pelas incertezas sobre a discussão orçamentária e os temores sobre a sustentabilidade das contas na Itália e (3) dos EUA, S&P -0,8%, DJ -0,5% e NASDAQ -1,2%, prejudicadas pelo aumento dos temores de que uma possível crise de economias emergentes poderia desacelerar a economia global.

“Batendo de frente com Trump”, algo que nem os chineses conseguiram e que certamente trará consequências bastante negativas para a população do país, apenas ontem a Turquia (1) anunciou tarifas de retaliação sobre US$ 533mi em produtos dos EUA e (2) rejeitou um recurso que pedia a libertação do pastor norte-americano Andrew Brunson, pivô das recentes disputas comerciais.

No segundo trimestre deste ano o IBC-Br, que é uma espécie de prévia do PIB tupiniquim, registrou queda de -0,99%, interrompendo um ciclo de 5 trimestres consecutivos de resultados “modestamente positivos”, prejudicado principalmente pela criminosa, egoísta e terrorista greve dos caminhoneiros.

Dando mais um sinal negativo da economia tupiniquim, em JUN/18, surpreendendo negativamente, as vendas do comercio do país registraram uma retração de -0,3% na comparação com MAI/18, o que representa o pior resultado desde JUN/15.

Com muito mais oferta do que demanda, nos últimos 12 meses o preço médio dos alugueis residenciais na cidade de SP caiu -1,65%, patamar infinitamente aquém do IGP-M, que serve como base para o reajuste em 95% dos contratos de locação e que acumula alta de 8,27% no mesmo período.

Sem coragem, com toda a razão, para colocar o dinheiro em novos negócios, no primeiro semestre deste ano o volume de investimentos no Brasil de clientes private, que são aqueles com mais de R$ 3mi, cresceu 4,2% na comparação com o ultimo trimestre de 2017, atingindo a marca histórica de R$ 1tri.

-    A Netflix caiu -3,3% na bolsa de NY, em meio a preocupações com o resultado da chinesa Tencent, que registrou prejuízo no segundo trimestre.

Política:

“Surpreendendo apenas quem não costuma ler o R.B.”, ontem FHC afirmou que, caso Alckmin não vá ao segundo turno, será natural o PSDB apoiar seus comparsas do PT, já que ambos são partidos socialistas e querem acabar com a Lava Jato.

Também obstinado em aniquilar a Lava Jato, já que se nenhum de seus comparsas for eleito ele pode ir para a cadeia em 2019, ontem Temer admitiu que a grande maioria da sua base aliada está apoiando Alckmin.

Ontem, no mesmo dia em que recebeu o apoio velado e ainda envergonhado de Temer, Alckmin, candidato tucano à presidente, prestou depoimento ao Ministério Público paulista no inquérito que apura se ele cometeu improbidade administrativa por éter recebido R$ 10,3mi da Odebrecht.

Comprovando a delação premiada da Odebrecht, documentos enviados ao Brasil pelo governo da Suíça reforçam suspeitas de caixa 2 na campanha do senador tucano Serra ao governo de SP, em 2006.

Apostando na ignorância do eleitor mineiro, que é bom ressaltar está na média do eleitor de todo o Brasil, (1) o PSDB espera que Aécio seja o candidato a deputado federal mais votado no referido Estado e (2) o PT tem certeza que Dilma será eleita senadora por MG.

Integrantes do Tribunal Superior Eleitoral apostam que o ministro Luís Roberto Barroso, relator do pedido de registro da candidatura de Lula, vai analisar e decidir sobre o caso em no mínimo 15 dias.

Fingindo que não sabe que prisão representa restrição de liberdade, o PT, em mais uma afronta a lei, vai pedir ao TSE autorização para que Lula possa gravar vídeos com mensagens políticas da prisão VIP em Curitiba.

Crítica:

Cansado de ser feito de otário, o Ministério Público Federal levantou junto à Justiça uma série de dúvidas acerca de visitas religiosas e de supostos advogados que o presidiário Lula vem recebendo na sua cela VIP da Polícia Federal em Curitiba, onde o referido bandido comanda livremente sua organização criminosa petista desde ABR/18.

Enquanto milhares de pessoas morrem de fome todos os dias pelo mundo, apenas no ano passado os supermercados brasileiros desperdiçaram o equivalente a R$ 3,9bi em frutas, legumes e verduras e produtos das seções de padaria, peixaria e açougue.

PAZ, amor e bons negócios;

O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer crítica, dúvida ou sugestão, favor contatar: rb@relatoriobrasil.com

Conheça e indique nosso Blog: www.relatoriobrasil.com
Curta nossa página no Facebook: www.facebook.com/relatoriobrasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário