R.B. 28/SET/17 "Bandidos são comparsas"



"Bandidos são comparsas"

São Paulo, 28 de setembro de 2017 (QUINTA-FEIRA).

Mercados e Economia:

Hoje (1) a BOVESPA deve subir, tentando uma recuperação após fechar o pregão anterior abaixo dos 74.000pts pela primeira vez desde 11/SET/17, acompanhando o “humor positivo” das principais bolsas mundiais, beneficiada pela valorização das commodities e influenciada pela pequena redução das tensões políticas e (2) o DÓLAR pode cair, devolvendo uma pequena parte da valorização acumulada no mês (1,4%), seguindo a esperada melhora do “humor” na bolsa tupiniquim.

Ontem, no BRASIL, (1) a BOVESPA caiu -0,7%, para fechar em território negativo pela 5ª vez consecutiva, nas quais acumulou uma baixa de -2,9%, na contramão do desempenho ascendente das bolsas de NY, ainda realizando lucros acumulados no mês (4,2%) e no ano (22,5%), diante da piora do cenário político tupiniquim e (2) o DÓLAR subiu 0,8% à R$ 3,19, para fechar o pregão no maior patamar desde 14/AGO/17, acompanhando a piora do “humor” na bolsa brasileira, o aumento da tensão geopolítica e a valorização internacional da moeda norte-americana.

Também ontem, nas principais bolsas (1) da ÁSIA, Japão -0,3% e China -0,1%, com a questão da Coreia do Norte permanecendo no radar, (2) da EUROPA, recuperando as perdas da abertura, Inglaterra 0,4%, França 0,2% e Alemanha 0,4%, influenciadas positivamente pela melhora do “humor” nas bolsas de NY e com destaques de alta para as ações das instituições financeiras, como BNP Paribas (2,0%), Deutsche Bank (2,1%) e Lloyds (3,4%) e (3) dos EUA, S&P 0,4%, DJ 0,2% e NASDAQ 1,1%, com os investidores animados com a proposta de reforma tributária do governo Trump, que fará um redução drástica dos impostos a corporações e indivíduos.

Rendendo-se à realidade dos fatos, ontem o BC tupiniquim, de forma discreta, divulgou que, diante da recuperação mais lenta do que a esperada para os financiamentos a empresas, reduziu sua projeção para o comportamento do crédito em 2017 de um crescimento de 1%, percentual divulgado há três meses, para estabilidade.

Se livrando do peso de estatais, que em 99% das vezes são ineficientes e servem apenas para empregar vagabundos indicados por políticos, ontem o governo federal leiloou, por R$ 12,13bi, as concessões de quatro usinas da Cemig, arrecadando assim 9,7% a mais que o esperado (R$ 11bi).

Com uma postura agressiva da dupla Petrobras e Exxon, o que mostra a atratividade da operação, a 14ª rodada de áreas para exploração e produção de petróleo no país terminou com arrecadação de R$ 3,84bi, patamar bem maior que os leilões de concessão já realizados no país.

Abastecendo os cofres públicos, justamente agora que Temer tem que comprar parlamentares para se manter no poder e assim se livrar da cadeia, ontem o BNDES devolveu R$ 33bi ao governo federal, que por sua vez “prometeu” que vai usar o dinheiro para abater a dívida pública.

Após um 2016 perfeito, o plantio de 2017 está deixando os produtores apreensivos devido à falta de chuva, o que pode pressionar a inflação e afetar a produtividade, principalmente da soja, que aliás já teve uma alta considerável dos preços na bolsa de Chicago.

-    A Vale subiu 1,4%, beneficiada pelo bom resultado do setor industrial da China e pelo anúncio de que o governo chinês vai cancelar cerca de 33% das licenças para minerar ferro, como parte dos esforços para melhorar a qualidade do ar no país.
-    A Micron Technology saltou 8,5% na bolsa de NY, após a empresa reportar vendas recordes no último trimestre.
-   A Alstom disparou 4,3% e a Siemens subiu 1,5%, ambas na bolsa da Alemanha, apoiadas pela notícia de fusão das duas gigantes do setor ferroviário, a fim de criar o que vem sendo chamado de "Airbus dos trens" de alta tecnologia.

Política:

Como “bandidos são comparsas”, ontem, logo após Maluf, deputado federal pelo PP, afirmar que tem 101% de certeza de que o presidente Temer é honesto, Alckmin, governador de SP, afirmou que Aécio tem seu respeito e seu afeto pelos serviços que já prestou ao país.

Enquanto, em Brasília, petistas e peemedebistas defendiam a suspensão do afastamento de Aécio, tucanos atuavam com bastante fervor em diretórios estaduais da sigla exigindo a renúncia definitiva do mineiro à direção do PSDB.

Legislando em causa própria, o plenário da Câmara dos Deputados concluiu a votação de um dos capítulos da reforma política, a que acaba com as coligações para a eleição do Legislativo e cria regras para barrar legendas com baixo desempenho nas urnas.

Provavelmente chateado por não ter mais a empresa para empregar seus amigos vagabundos, o deputado peemedebista Fábio Ramalho, que é vice-presidente da Câmara, criticou o resultado do leilão da Cemig usando os argumentos socialistas, e falsos, de que “entregaram as usinas a preço de banana" e que a equipe econômica de Meirelles “não levou em conta a questão social”.

Atendendo a um pedido da bancada ruralista da Câmara dos Deputados, na noite de ontem o presidente Temer decidiu editar nova medida provisória estendendo até 30/NOV/17 o prazo para adesão ao Fundo de Assistência ao Trabalhador Rural.

Indicando que o PSDB pode ficar somente para o Aécio, ontem, enquanto os “nobres” parlamentares já articulavam para novamente livrar o referido picareta tucano da cadeia, Gustavo Franco, fundador do PSDB e um dos criadores do Plano Real, anunciou que saiu do partido e se filiou ao NOVO.

Em meio ao debate da nova denúncia contra o presidente Temer, o PRB, partido de aluguel, usará seu programa nacional de rádio e TV, que ocorrerá hoje, para exaltar o que chama de ”acertos do governo”.

Crítica:

Como no Brasil a moral está cada dia mais fora de moda, na tentativa de barrar acusação contra ele, o presidente Temer, descaradamente, discute o remanejamento em cargos de segundo e terceiro escalões, a liberação de emendas parlamentares e trocas na Comissão de Constituição e Justiça.

PAZ, amor e bons negócios;
Alfredo Sequeira Filho

O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer crítica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alfredo@relatoriobrasil.com

Conheça e indique nosso Blog: www.relatoriobrasil.com
Curta nossa página no Facebook: www.facebook.com/relatoriobrasil

Um comentário: