R.B. 11/AGO/17 "Quem tem o mínimo de juízo mantem boa parte dos seus investimentos fora do Brasil"



"Quem tem o mínimo de juízo mantem boa parte dos seus investimentos fora do Brasil"

São Paulo, 11 de agosto de 2017 (SEXTA-FEIRA).

Mercados e Economia:

Hoje (1) a BOVESPA deve seguir em queda, com “boas chances” de zerar os ganhos ainda acumulados no mês (1,6%), ainda prejudicada pela piora do “humor” nas principais bolsas mundiais, diante do aumento da tensão geopolítica, e pela crescente deterioração do ambiente econômico e político tupiniquim e (2) o DÓLAR pode subir novamente, agora rumo aos R$ 3,20, mais uma vez acompanhando a escalada internacional da moeda norte-americana e impulsionado pela redução do fluxo positivo de recursos externos.

Ontem, no BRASIL, (1) a BOVESPA caiu -1,0%, para fechar em território negativo pelo terceiro pregão consecutivo, novamente seguindo as perdas das principais bolsas mundiais, influenciada negativamente pelo recuo das commodities e também prejudicada pela piora do cenário político brasileiro e (2) o DÓLAR subiu 0,7% à R$ 3,17, acompanhando a trajetória internacional da moeda norte-americana e prejudicada pelos mesmos motivos que derrubaram a bolsa tupiniquim.

Também ontem, nas principais bolsas (1) da ÁSIA, Japão -0,1% e China -0,4%, acompanhando as perdas das demais bolsas mundiais no dia anterior, diante do aumento da tensão geopolítica na região após a Coreia do Norte “ameaçar” atacar o território de Guam, que é administrado por Washington, já na próxima semana, (2) da EUROPA, Inglaterra -1,4%, França -0,6% e Alemanha -1,1%, também prejudicada pela divulgação de resultados corporativos considerados ruins e pelo anúncio de que o déficit comercial do Reino Unido foi maior de bens do país foi maior do que o esperado e (3) dos EUA, ainda realizando lucros, S&P -1,4%, DJ -0,9% e NASDAQ -2,1%, com os investidores saindo de ativos considerados de maior risco, após a renovação de ameaças entre a Coreia do Norte e o país.

Após Meirelles, ministro da Fazenda, deixar claro que o único caminho para evitar alta de impostos é cortar despesas, o presidente Temer finalmente se convenceu a cortar gastos públicos, (1) adiando para 2019 o reajuste salarial de algumas categorias dos servidores públicos, (2) aprovando a proposta de cumprimento do teto salarial no serviço público e (3) acabando com o auxílio-reclusão.

Além de cortar gastos públicos, para aumentar as receitas o governo Temer estuda, (1) acabar com a isenção de IR sobre LCA e LCI, (2) taxar lucros e dividendos, (3) regulamentar os jogos de azar no país e (4) leiloar sobras de energia.

Como já era de se esperar, já que “quem tem o mínimo de juízo mantem boa parte dos seus investimentos fora do Brasil”, João Albino, presidente do Comitê de Private Banking da Anbima, informou que a segunda etapa do Programa de Regularização de Ativos no Exterior não trouxe novos recursos para o private banking brasileiro.

Diante da lenta retomada e das incertezas que rondam a economia tupiniquim, as instituições financeiras brasileiras, que previam um aumento nos empréstimos em 2017, passaram a projetar em seus balanços uma redução destas operações de crédito neste ano.

Positivo, se o pais estivesse crescendo, mas negativo, diante da atual situação do Brasil, em JUL/17 o número de beneficiários pagos pelo Bolsa Família caiu -543 mil na comparação com JUN/17, o que representa a maior redução em relação a um mês anterior desde o lançamento do programa, em 2003.

Sem ter “descoberto” ainda que “o segredo está na rede de distribuidores” e não na tecnologia, ontem o Banco do Brasil, tentando copiar a XP, anunciou a criação de uma plataforma financeira que oferecerá produtos de casas concorrentes para atrair "não clientes".

-    A Petrobrás caiu -2,4% e, após o fechamento do pregão, a empresa, que já deveria ter sido privatizada faz tempo, anunciou (1) que teve lucro de R$ 316mi no segundo trimestre de 2017, patamar -14,6% menor que o auferido no mesmo período do ano anterior e (2) que descobriu mais petróleo no pré-sal da Bacia de Campos, desta vez na área do campo de Marlins Sul.
-    O Banco do Brasil subiu 0,5% e ontem, após o fechamento do pregão, a referida estatal anunciou que seu lucro líquido no segundo trimestre foi de R$ 2,6bi, patamar 47,1% maior que no mesmo período de 2016 que, apoiado em menores despesas administrativas e aumento das receitas com tarifas, ficou acima do esperado pelo “mercado”.

Política:

Em uma manobra arrojada, que causa cada dia mais “simpatia” no vaidoso prefeito de SP, o DEM, comandado por ACM Neto, e o PMDB, comandado pelo presidente Temer, querem atrair Doria para ser candidato do grupo à presidência em 2018.

Apesar de dizer que está “tranquilo” no PSDB, Doria, prefeito de SP, confirmou que vem sendo sondado por PMDB e DEM para a eleição de 2018 e ressaltou que ficou "muito feliz" por ver que "as portas foram abertas" para ele em outros partidos.

Cumprindo o que prometeu, ontem, em reunião com os líderes do governo no Congresso e na Câmara, o Planalto definiu que nenhum deputado que votou contra Temer na Câmara manterá aliados em postos do governo.

Extratos bancários de pagamentos a offshores no exterior destinados a políticos e novas planilhas com nomes de receptores de recursos ilícitos que ainda não apareceram, são materiais enviados esta semana pela Odebrecht para os investigadores da força-tarefa da Polícia Federal de Curitiba.

Crítico ferrenho do presidente Temer, o senador Renan Calheiros, que também é do PMDB, vai recepcionar a caravana de Lula em seu Estado, Alagoas, ao lado do filho, que é governador.

Crítica:

Provando que “somente” uma boa educação não é garantia de inteligência, Roberta Luchsinger, herdeira da família fundadora do banco Credit Suisse e que apesar de ter 32 anos nuca trabalhou na vida, decidiu (1) doar cerca de R$ 500 mil em dinheiro, joias e objetos de valor para o ex-presidente Lula, (2) se filiou ao PCdoB para se lançar candidata à deputada estadual em 2018 e (3) afirmou que Moro persegue Lula e que perseguir o Lula é perseguir o povo brasileiro.

Confirmando que “pagando bem quase tudo se tem”, Ambev, que tem uma cerveja ruim, que é aguada e sem graça, foi a cervejaria mais premiada do mundo no World Beer Awards, que é a principal premiação do segmento e que foi realizada ontem em Londres.

PAZ, amor e bons negócios;
Alfredo Sequeira Filho

O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer crítica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alfredo@relatoriobrasil.com

Conheça e indique nosso Blog: www.relatoriobrasil.com
Curta nossa página no Facebook: www.facebook.com/relatoriobrasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário