R.B. 27/JUL/17 "Mais uma conta alta para manter Temer no poder e consequentemente fora da cadeia"



"Mais uma conta alta para manter Temer no poder e consequentemente fora da cadeia"

El Colorado, 27 de julho de 2017 (QUINTA-FEIRA).

Mercados e Economia:

Hoje (1) a BOVESPA deve cair, acompanhando as perdas das demais bolsas mundiais, pressionada pelo recuo das commodities e prejudicada pela piora do cenário político tupiniquim, que pode enterrar definitivamente as chances de Reforma da Previdência e (2) o DÓLAR pode subir, retomando sua trajetória de alta, influenciada pela esperada piora do “humor” na bolsa tupiniquim e pelo corte da taxa básica de juros, que reduz os juros reais da economia brasileira.

Ontem, no BRASIL, (1) a BOVESPA caiu -1,0%, revertendo uma abertura positiva, na qual chegou a avançar 0,3%, e na contramão das bolsas de NY, que fecharam nos maiores patamares da história, pressionada principalmente pelas quedas das "blue chips", como Vale (-2,5%) e Petrobrás -1,8% e (2) o DÓLAR caiu -0,8% à R$ 3,14, devolvendo os ganhos da abertura e acompanhando a trajetória internacional da moeda norte-americana após o FED (“BC dos EUA) indicar que é remota a possibilidade de um aumento dos juros nos EUA em SET/17.

Também ontem, nas principais bolsas (1) da ÁSIA, Japão 0,4%, recuperando perdas após 3 pregões seguidos de queda e China 0,1%, com investidores em compasso de espera antes da decisão de política monetária pelo BC norte-americano, (2) da EUROPA, Inglaterra 0,2%, França 0,6% e Alemanha 0,3%, beneficiadas por resultados corporativos melhores do que o esperado e impulsionadas pela divulgação de um PIB “modesto” no Reino Unido (0,3% no segundo trimestre ante o primeiro e teve crescimento de 1,7% na comparação anual), que reforçou a percepção dos investidores de que o BC da Inglaterra não deve ter pressa em retirar os estímulos monetários e (3) dos EUA, mais uma vez nos maiores patamares da história, S&P 0,1%, DJ 0,5% e NASDAQ 0,2%, apoiadas por resultados corporativos que superaram as expectativas, em um dia em que o FED (“BC” local) também indicou que vai demorar mais do que o esperado para retirar os estímulos monetários.

Conforme esperado por mais de 90% do “mercado”, ontem, após o fechamento do pregão, o Copom cortou a taxa básica de juros da economia brasileira em -1,0%, de 10,25% para 9,25%, registrando assim o sétimo corte seguido da Selic em uma decisão unanime e indicando em seu comunicado que a inflação está controlada e que o atual ritmo de cortes será mantido na próxima reunião.

Reativando a bolsa empresário, que custa bilhões a mais do que o bolsa família, ontem o BNDES, agora comandado por um comparsa de Temer, anunciou que oferecerá financiamento de até 80% do valor dos projetos de saneamento por meio do Programa Avançar, do Ministério da Cidades, ao custo da TJLP, atualmente em 7%.

O governo Temer espera obter R$ 28bi com concessões neste ano, sendo cerca de R$ 11bi apenas com os leilões de hidrelétricas da Cemig, e Ana Paula Vescovi, secretária do Tesouro Nacional, alertou que não há plano B, já que estes recursos se tornaram mais importantes para o governo com as dificuldades enfrentadas na arrecadação de impostos.

Dando novos sinais negativos da economia brasileira, (1) no primeiro semestre deste ano, os valores de financiamento imobiliário com recursos da poupança foram -9,1% menores que no mesmo período do ano anterior, (2) em JUN/17, segundo dados oficiais da Abimaq, a receita da indústria tupiniquim de máquinas e equipamentos recuou -2,5% sobre o mesmo período do ano passado e (3) o Instituto Aço Brasil “aposta” em uma queda de -1,3% das vendas internas de aço no país em 2017 na comparação com 2016.

Mostrando que o funcionalismo público tupiniquim vive em um mundo paralelo, sem crise e sem desemprego, apenas nos 6 primeiros meses deste ano os gastos do governo Temer com a folha de pagamentos e encargos cresceram 11,3% em relação ao mesmo período do ano passado.

Para reduzir os custos e os riscos da operação, ficou decidido que os servidores com menos tempo no cargo ou que já estão em licença terão preferência no programa de demissão voluntária do Poder Executivo anunciado pelo governo Temer.

Fruto da atual crise financeira, política e moral pela qual passa o país, nos 6 primeiros meses deste ano o número de imigrantes que receberam carteira de trabalho no Brasil caiu -5,5% na comparação com o mesmo período de 2016.

-    O Facebook subiu 0,2% na bolsa de NY e, após o fechamento do pregão, a maior rede social do planeta anunciou que teve lucro de US$ 3,9bi no segundo trimestre deste ano, patamar 70% maior que no mesmo período de 2016.
-    A Boeing disparou 9,9% na bolsa de NY, após a fabricante de aviões anunciar que registrou lucro líquido de US$ 1,8bi, no segundo trimestre deste ano.
-    A AT&T subiu 5,0% na bolsa de NY, já que seu resultado do segundo trimestre deste ano, que foi um lucro líquido de US$ 4,0bi, superar o patamar registrado no mesmo período do ano passado (US$ 3,4bi).

Política:

Apresentando “mais uma conta alta para manter Temer no poder e consequentemente fora da cadeia”, barganha aliás irrecusável para nosso atual presidente, os partidos da atual base aliada agora querem que a proposta de reforma da Previdência só seja retomada em 2019, ou seja, no próximo governo.

Comparsa de Mantega, que foi colocado na presidência da Petrobrás para tentar abafar as investigações e seguir com a corrupção, Aldemir Bendine, que também é ex-presidente do Banco do Brasil, foi preso na 42ª fase da Lava Lato por ter recebido R$ 17mi de propina na época em que comandou o Banco do Brasil (2009-2015) para viabilizar a rolagem de dívida de um financiamento da Odebrecht AgroIndustrial.

Obviamente pensando em seu nome como cabeça da chapa presidencial de 2018, ontem, diretamente da China, Doria, prefeito tucano de SP, afirmou que o DEM "não deveria" prescindir de uma "parceria histórica" com o PSDB.

Como não quer entregar seus comparsas, ex-deputado peemedebista Eduardo Cunha, preso no Paraná desde OUT/16, enfrenta dificuldades para avançar na negociação de um acordo de delação premiada com a Procuradoria-Geral da República e deve seguir mofando na cadeia.

Acreditando que tem chances de vitória, ontem, em jantar com lideranças do PSB, no Palácio dos Bandeirantes, Alckmin, o governador tucano de SP, disse esperar que o PSDB entre em 2018 com o seu candidato a presidente definido e ressaltou que acredita na palavra do prefeito Doria de que não o enfrentará em prévias.

Como se mandasse da lei e no judiciário, a defesa do ex-presidente Lula, obviamente com o interesse de tumultuar e atrasar o processo, informou, em petição ao juiz Sergio Moro, que não concorda com a realização de um interrogatório do petista por videoconferência.

Crítica:

Destruindo florestas e causando doenças e milhares de mortes nos consumidores, segundo dados oficiais da Organização de Agricultura e Alimentos das Nações Unidas a produção mundial de carnes deverá atingir 353 milhões de toneladas em 2026, o que representa um aumento de 13% em relação ao patamar atual.

PAZ, amor e bons negócios;
Alfredo Sequeira Filho

O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer crítica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alfredo@relatoriobrasil.com

Conheça e indique nosso Blog: www.relatoriobrasil.com
Curta nossa página no Facebook: www.facebook.com/relatoriobrasil


Nenhum comentário:

Postar um comentário