R.B. 9/NOV/16 "Seria ruim com ela, mas pode ser pior com ele"



"Seria ruim com ela, mas pode ser pior com ele"

São Paulo, 9 de novembro de 2016 (QUARTA-FEIRA).

Mercados e Economia:

Hoje (1) a BOVESPA vai cair, ampliando a baixa acumulada no mês (-1,1%) e reduzindo a forte alta registrada no ano (48,0%) e acompanhando a derrocada dos principais mercados globais por conta da “inesperada” vitória de Trump nas eleições presidenciais dos EUA, porem deve-se ressaltar que o patamar pode ficar interessante para compras, já que historicamente governos republicanos sempre foram melhores para o mercado financeiro e (2) o DÓLAR deve subir, acompanhando a esperada piora do “humor” na bolsa tupiniquim, seguindo a desvalorização internacional das moedas dos países emergentes e se adiantando a um movimento que ocorreria de qualquer forma diante da iminência de uma alta de juros nos EUA e de queda da Selic no Brasil.

Ontem, no BRASIL, (1) a BOVESPA subiu 0,2%, após um pregão marcado pela forte volatilidade (mínima de -1,1% e máxima de 1,1%), com 99% das atenções voltadas ao cenário eleitoral dos EUA e destaque de alta para as ações da Vale (1,8%) e (2) o DÓLAR caiu -1,1% à R$ 3,17, para fechar em território negativo pelo quarto pregão consecutivo, diante das “apostas” de que Hillary ganharia as eleições presidenciais norte-americanas e dos “rumores” de uma nova rodada da "Lei de Repatriação".

Também ontem, nas principais bolsas (1) da ÁSIA, em meio a expectativas de vitória da candidata democrata na eleição presidencial dos EUA, Japão 0,1%, com destaques de alta para as exportadoras e China 0,5%, no maior patamar em 10 meses, (2) da EUROPA, também “apostando” na vitória de Hillary, Inglaterra 0,5%, França 0,3% e Alemanha 0,2%, após alguma volatilidade e com destaque de alta para o banco o Credit Agricole (5,6%), após divulgar lucro acima das expectativas e (3) dos EUA, assim como no resto do mundo ainda acreditando na derrota de Trump, S&P 0,4%, DJ 0,4% e NASDAQ 0,5%, em alta pela segunda sessão consecutiva e com destaques positivos para as mineradoras, diante da valorização da commoditie.

Didático, como tem que ser um ministro da fazenda em um país com quase 80% de analfabetos funcionais, Meirelles afirmou que a crise fiscal do RJ, causada principalmente pelo aumento das despesas com aposentadorias e pensões, é um ótimo exemplo do que pode acontecer com o Brasil se a reforma da Previdência não for feita.

Podendo ajudar bastante na redução da dívida publica tupiniquim, já que agora o BNDES não é mais “obrigado” a emprestar para empresas “amigas do governo”, como aconteceu principalmente com a Friboi e com a Odebrecht nos governos Lula e Dilma, Maria Silvia Bastos, nova presidente do referido banco de fomento, afirmou que pode devolver mais de R$ 100bi aos cofres do governo.

Finalmente apresentando um sinal positivo da economia brasileira, em SET/16 a produção industrial brasileira cresceu 0,5% na comparação com AGO/16, com destaque positivo para o resultados auferido em SP, que é o maior parque industrial do país e que apresentou alta de 1,6% na mesma base de comparação.

Preparando, com toda a razão, a população para uma mudança importante, Elizeu Padilha, ministro da Casa Civil, “avisou” que “será dura” a proposta de emenda à Constituição que muda as regras de aposentadoria, ressaltando que ela vai sim incluir idade mínima de 65 anos, tanto para homens quanto para mulheres, deve ser concluída pelo governo nesta semana, enviada até o fim do ano ao Legislativo e aprovada até JUL/17.

Depois de um período amargo na participação do mercado externo de açúcar, o Brasil voltou a sentir o sabor desse setor, já que o país fechou os 10 primeiros meses do ano com exportações recordes de 23,75 milhões de toneladas, 26% mais do que os 18,8 milhões de igual período de 2015.

Já se antecipando a uma provável queda da Selic (taxa básica de juros) na próxima reunião do Copom, ontem a Caixa Econômica Federal anunciou a redução da taxa de juros do financiamento imobiliário, que agora passa a variar de 9,75% a 11% ao ano nas concessões dentro do SFH (Sistema Financeiro Habitacional, que utiliza recursos da poupança) e de 10,75% a 12,25% nas linhas com recursos livres, para imóveis mais caros.

-    A Petrobrás caiu -1,0% e ontem, após o fechamento do pregão, a empresa anunciou uma redução de -10,4% no preço do diesel e de -3,1% no preço da gasolina, ressaltando que este reajuste reflete a combinação de queda no preço do petróleo e derivados entre o dia 14/10 e hoje, que chega a -12,1%, e a redução da participação da companhia nas vendas no mercado interno.

Política:

Socialista, como todo tucano que se preze, Serra, chanceler tupiniquim, mostrou falta de habilidade política para o cargo que ocupa e assim perdeu uma ótima chance de ficar calado ao afirmar, de forma totalmente descabida, que torcia pela vitória de Hilary e que Trump seria péssimo para o mundo.

A reação negativa, dos chefes do Poder Judiciário, de caciques peemedebistas e até do Ministério Público, ao pacote de medidas de ajuste fiscal anunciado pelo governo do RJ na semana passada, confirma o isolamento do governador Luiz Fernando Pezão e a substancial perda de força política do PMDB no referido Estado.

Já adotando um “estilo Trump”, Temer criticou veementemente o movimento político, capitaneado pelo PT e pelo PSOL, de ocupações de escolas públicas contra a reforma do ensino médio, ressaltando que as pessoas precisam aprender a respeitar as instituições, que precisam se instruir antes de debater e que muitos estudantes nem sabem que a palavra PEC significa Proposta de Emenda Constitucional.

Apesar de “garantir” que nenhum político ou parente de político será beneficiado com a medida, Renan, presidente do Senado, afirmou, após se reunir com o presidente Temer e líderes do Senado, que a proposta para uma nova rodada de regularização de ativos de brasileiros no exterior terá um aumento de 17,5% nas alíquotas de multa e impostos e terá adesão até 30/JUN/17.

Montando uma equipe técnica e extremamente gabaritada para ajuda-lo a governar a maior cidade do Brasil, o tucano João Doria, prefeito eleito de SP, deve anunciar em breve Caio Megale, economista sênior do Itaú Unibanco, para comandar sua Secretaria da Fazenda.

Após dizer que PT e PSDB deveriam se unir contra o que chamou de avanço do conservadorismo de direita, FHC, que ao que tudo indica não se cansa de falar bobagem, passou a defender abertamente que o país encontre meios legais para garantir a sobrevivência de empresas investigadas pela Lava Jato.

Como só pensa na presidência do Brasil e para isto quer apoio dos democratas, Aécio, presidente nacional do PSDB, disse a correligionários que seu partido pode apoiar a reeleição do presidente da Câmara, Rodrigo Maia, do DEM, desde que o deputado consiga viabilizar sua candidatura.

-    Arrumando uma enorme dor de cabeça para si própria, a Fundação Perseu Abramo, ligada ao PT, marcou para amanhã a eleição de Dilma Rousseff para a presidência do conselho da entidade.

Mostrando porque a TV Globo sempre foi tão “amiguinha” do atual prefeito do RJ Eduardo Paes, a longo dos 8 anos da gestão do referido peemedebista o referido grupo de comunicação, por meio da Fundação Roberto Marinho, recebeu, sem incluir pagamentos por publicidade, R$ 132 milhões apenas para (1) reformar do edifício D. João para sediar o Museu de Arte do Rio, (2) construir o Museu do Amanhã e (3) realizar, pela Infoglobo, eventos de gastronomia, educação, moda, música e Carnaval.

Crítica:

Os “erros crassos” dos institutos de pesquisa, que em sua grande maioria apontavam 90% de chances de vitória de Hilary nas eleições presidenciais dos EUA, indicam que ou estas empresas são incompetentes ou, com as novas tecnologias e sistemas de comunicação, a metodologia usada para os levantamentos é inválida.

Já sentindo saudades de Obama, o maior líder que surgiu na terra nos últimos tempos, e com a sensação de que “seria ruim com ela, mas pode ser pior com ele”, com a vitória de Trump, o presidente mais velho a assumir a Casa Branca, o mundo volta a ter um chefe autoritário, o que nem sempre é ruim, e certamente passará por uma guinada conservadora, com mais protecionismo, menos globalização e maior instabilidade geopolítica, o que geralmente é preocupante.

PAZ, amor e bons negócios;
Alfredo Sequeira Filho

O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer crítica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alfredo@relatoriobrasil.com

Conheça e indique nosso Blog: www.relatoriobrasil.com
Curta nossa página no Facebook: www.facebook.com/relatoriobrasil


Nenhum comentário:

Postar um comentário