R.B. 17/NOV/16 "Enjaulando mais um bandido amigo e comparsa de Lula"



"Enjaulando mais um bandido amigo e comparsa de Lula"

São Paulo, 17 de novembro de 2016 (QUINTA-FEIRA).

Mercados e Economia:

Hoje (1) a BOVESPA deve voltar a subir, beneficiada pela valorização das commodities, acompanhando o movimento ascendente das principais bolsas mundiais e impulsionada pela gradativa melhora das perspectivas para as empresas tupiniquins e (2) o DÓLAR pode voltar a cair, pressionado por um novo leilão de venda do BC, porem deve-se ressaltar que o patamar atual é excelente para compras, diante das expectativas de alta dos juros nos EUA e queda da Selic no Brasil.

Ontem, no BRASIL, (1) a BOVESPA 1,8%, se “ajustando” a valorização das commodities e ao bom desempenho das principais bolsas mundiais durante o feriado no Brasil, com os investidores começando a “entender e apostar” que Trump fará um governo pró-mercado e com destaque de alta para as ações da Petrobrás (5,3%) e (2) o DÓLAR -0,6% à R$ 3,43,  devolvendo uma pequena parte da forte valorização acumulada desde a vitória de Trump (8,6%) na quarta-feira da semana passada, influenciado pelos leilões de venda do BC e acompanhando o “humor positivo” na bolsa brasileira.

Também ontem, nas principais bolsas (1) da ÁSIA, Japão 1,1% e China %, seguindo o desempenho positivo das bolsas de NY e do petróleo no dia anterior e com destaques de alta para os conglomerados financeiros e petrolíferas, (2) da EUROPA, devolvendo uma parte dos ganhos do pregão anterior, Inglaterra -0,6%, França -0,8% e Alemanha -0,7%, com os investidores ainda monitorando os próximos passos do presidente eleito nos EUA e com destaque negativo para as ações da Bayer (-4,2%), que anunciou planos de vender 4bi de euros de notas conversíveis para arrecadar dinheiro para sua proposta de aquisição da Monsanto e (3) dos EUA, sem uma tendência única, S&P -0,1% e DJ -0,3%, pressionados pela realização de lucros das ações dos bancos, porem NASDAQ 0,4%, impulsionado pelas ações da Apple (2,7%).

Ressaltando que o governo federal enfrentará dificuldades no Congresso Nacional para a aprovação da reforma previdenciária, mas que já existe uma “consciência nacional” de que ele é indispensável, o presidente Temer alertou ontem, durante um jantar com senadores da base aliada, que não se pode ter a ilusão que uma recessão econômica seja resolvida com "medidas doces".

Ontem, durante uma palestra para 400 investidores em NY, Meirelles, ministro da fazenda, afirmou que o governo Temer está revisando, provavelmente para algo abaixo dos 1,6% atuais, sua perspectiva de crescimento do PIB do brasileiro em 2017, porem ponderou que as medidas propostas pelo governo, como o teto dos gastos públicos e a reforma da previdência, já levaram à melhora da confiança, que a dívida pública deve atingir pico em 2020 e em seguida retornar a uma trajetória sustentável, que atual déficit da conta corrente não é mais uma preocupação no Brasil e que os fluxos de investimento externo direto têm sido consistentes para o País.

Decretando que “a maquina do crescimento quebrou”, Arminio Fraga, “queridinho do mercado”, ex-presidente do BC no governo FHC e que “quebrou a cara”, e o bolso de alguns milionários, ao criar sua gestora, afirmou que a economia do país está frágil, que a crise política não foi debelada e, para complicar, Lava Jato e Trump ainda podem atrapalhar a retomada da economia tupiniquim.

Indicando que a economia tupiniquim ainda não dá sinais claros de recuperação, em SET/16 o volume de serviços prestados no país registrou uma retração de -0,3% na comparação com AGO/16 e de -4,9% em comparação com SET/15 do ano passado, o que representa a maior queda anual desde JAN/12.

Podendo prejudicar as exportações tupiniquins, segundo estimativas divulgadas ontem pelo Departamento de Agricultura dos EUA a produção de carne bovina norte-americana deverá atingir 11,9 milhões de toneladas, o que representará um aumento de 10% na comparação com o volume de 2015.

-    A Petrobrás subiu 5,3%, já que o “mercado” recebeu bem as declarações do presidente da estatal, Pedro Parente, que “garantiu” em uma palestra feita em NY que a empresa permanecerá fiel à meta de desinvestimentos.
-    A Vale despencou -7,4%, realizando lucros recentes, já que ainda acumula alta de 11% em NOV/16 e de 123% no ano de 2016, e refletindo a queda de -9,0% do minério de ferro no mercado à vista chinês.
-    A Embraer subiu apenas 0,3%, mesmo após anunciar que fechou um acordo com a United Airlines para vender 24 aeronaves E175, um dos modelos da família E-Jets, que serve o segmento de 70 a 120 assentos, em um contrato de US$ 1,08bi.

Política:

“Enjaulando mais um bandido amigo e comparsa de Lula”, na manhã de hoje a Policia Federal prendeu Sérgio Cabral, ex-governador do RJ, que é acusado de ter desviado cerca de R$ 224 milhões em contratos com empreiteiras, como Andrade Gutierrez e a Carioca Engenharia, durante seu mandato, entre 2007 e 2014.

Legislando rapidamente à favor dos sonegadores, ontem, horas depois de o presidente do Senado, Renan Calheiros, dizer que o novo projeto de regularização de ativos no exterior poderia ser votado direto no plenário da Casa, líderes partidários definiram que a votação está marcada para a terça-feira da semana que vem.

Sem nenhuma vergonha na cara, ontem, no mesmo momento em que o plenário da Câmara vivia um momento caótico, com a invasão de um grupo de retardados que pedia a volta dos militares ao poder, Rodrigo Maia, deputado do DEM que atualmente é o presidente da Casa, reuniu em seu gabinete líderes e integrantes dos principais partidos políticos para discutir uma proposta de anistia aos políticos alvos da Lava Jato que usaram caixa 2 para se elegerem.

Ontem a Procuradoria-Geral da República ofereceu denúncia contra o senador e presidente nacional do PP, Ciro Nogueira, sob acusação de corrupção passiva e lavagem de dinheiro no âmbito da Operação Lava Jato e para que o referido “nobre parlamentar” se torne réu é necessário que o ministro Teori Zavascki, relator da Lava Jato no Supremo Tribunal Federal, aceite a denúncia.

Dando sequencia à debandada do PT, que pelo andar da carruagem deve ficar apenas para o Lula, ontem Jairo Jorge, atual prefeito de Canoas e muito ligado ao ex-ministro e ex-governador petista Tarso Genro, enviou seu pedido de desfiliação ao partido, do qual fazia parte deste 1984, fazendo duras criticas ao atual comando do PT e indicando que deve se filiar ao PDT.

Ontem a Justiça Eleitoral negou o pedido do Ministério Público de inelegibilidade do governador Alckmin, do PSDB de SP, por abuso de poder político em favor do tucano João Doria durante a campanha das ultimas eleições municipais.

Crítica:

Jogando ainda mais porcaria no ventilador, a construtora Andrade Gutierrez delatou ao Conselho Administrativo de Defesa Econômica, inclusive apresentando provas materiais, a existência de um cartel para disputar as licitações de construção e de operação da Usina de Belo Monte do qual também participavam as construtoras Camargo Corrêa e a Odebrecht.

Como o Brasil é o país da piada pronta, ontem a Odebrecht, que continua sendo comandada pelo mesmo clã criminoso e cujo “herdeiro de ouro” está preso, enviou um comunicado a seus milhares de funcionários informando que aderiu ao Pacto Empresarial pela Integridade e contra a Corrupção do Instituto Ethos.

PAZ, amor e bons negócios;
Alfredo Sequeira Filho

O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer crítica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alfredo@relatoriobrasil.com

Conheça e indique nosso Blog: www.relatoriobrasil.com
Curta nossa página no Facebook: www.facebook.com/relatoriobrasil



Nenhum comentário:

Postar um comentário