R.B. 12/AGO/16 "Seu principal fiador tem muita moral no governo"



"Seu principal fiador tem muita moral no governo"

São Paulo, 12 de agosto de 2016 (SEXTA-FEIRA).

Mercados e Economia:

Hoje (1) a BOVESPA deve cair, acompanhando a realização de lucros das principais bolsas mundiais e das commodities, porem deve-se ressaltar que o patamar ainda é muito interessante para compras principalmente para quem “aposta” que até o final do mês o Brasil vai se livrar definitivamente de Dilma e (2) o DÓLAR pode subir, acompanhando a esperada retração da bolsa brasileira e impulsionado pelos leilões de compra, em um volume cada dia maior, do BC.

Ontem, no BRASIL, (1) a BOVESPA subiu 2,4%, para fechar o dia no maior patamar desde 18/SET/14 (aos 58.300pts), com bom volume de negócios (R$ 7,9bi), beneficiada pela divulgação de bons resultados corporativos, acompanhando o movimento ascendente das principais bolsas mundiais e beneficiada pela valorização das commodities e (2) o DÓLAR subiu 0,3% à R$ 3,14, em um movimento de recuperação após auferir uma baixa de -4,3% nas últimas 7 sessões, influenciado pelo aumento dos leilões de compra do BC e pela trajetória internacional da moeda norte-americana.

Também ontem, nas principais bolsas (1) da ÁSIA, com baixo volume de negócios por conta do feriado no Japão %, China -0,5%, em um movimento de realização de lucros em ações dos setores de carvão e metais básicos, que haviam subido com força no começo da semana, (2) da EUROPA, nas máximas do dia, Inglaterra 0,7%, França 1,2% e Alemanha 0,9%, impulsionadas pela recuperação dos preços do petróleo (4,6%), por balanços corporativos positivos, como o da Zalando (5,4%) e o da Vinci (3,0%), e pelas boas expectativas para o PIB alemão e (3) dos EUA, nos maiores patamares da história, S&P 0,5%, DJ 0,6% e NASDAQ 0,5%, também impulsionada pela alta do petróleo e por bons resultados corporativos, principalmente das grandes lojas de departamento Macy's (17,1%) e Kohl's (16,2%).

Confirmando que “seu principal fiador tem muita moral no governo”, ontem o presidente Temer afirmou que Meirelles, seu ministro da Fazenda, está no caminho certo e vai conseguir aprovação da parte essencial do projeto de renegociação da dívida dos Estados, que é o enquadramento do teto dos gastos públicos.

Após ressaltar mais uma vez que o que mais importa no acordo com os Estados e no ajuste das contas federais é o teto dos gastos, Meirelles, ministro da Fazenda, (1) admitiu que após a aprovação definitiva do impeachment de Dilma espera um aumento da pressão e da cobrança pela aprovação de medidas de ajuste da economia e (2) garantiu que a meta fiscal que prevê déficit primário de R$ -170bi para este ano será cumprida.

Certamente causando aumento da pressão no governo Temer, Rodrigo Maia, presidente da Câmara, anunciou que a Casa não deve votar nenhum projeto durante todo o mês de SET/16, para que parlamentares de dediquem à campanha para as eleições municipais.

Depois que o dólar renovou na quarta-feira passada a cotação mínima em mais de um ano, o BC tupiniquim, com medo dos impactos negativos na balança comercial brasileira, aumentou substancialmente (em 50%) a oferta diária de contratos de swap cambial reverso, o que equivale à compra futura da moeda norte-americana.

Cauteloso, como tem se mostrado desde que assumiu a presidência do Brasil, Temer, com receio de perda de apoio do setor produtivo e de "fim da lua de mel" com o mercado financeiro na fase final do impeachment, iniciou uma ofensiva junto a empresários, economistas e trabalhadores com o objetivo de dar uma demonstração pública de apoio à sua gestão.

Dando continuidade a bons projetos do governo anterior, que no caso também ajuda a tentar retomar o mercado de construção civil tupiniquim, ontem o governo Temer anunciou a meta de contratar no ano que vem 600 mil unidades habitacionais do Minha Casa, Minha Vida, sendo que 400 mil moradias serão destinadas a famílias com renda mensal entre R$ 2.351,00 e R$ 6.500,00.

-    A Petrobrás subiu 4,8%, beneficiada pela forte alta do petróleo no mercado internacional (4,6%) e pela divulgação de que sua produção de petróleo no pré-sal registrou novo recorde histórico em JUL/16 e, após o fechamento do pregão, a empresa anunciou que, depois de 3 trimestres registrando prejuízo e agora já livre dos bandidos e acéfalos do PT, acumulou um lucro líquido de R$ 370mi no segundo trimestre deste ano.
-    A CPFL energia subiu 2,1% e, após o fechamento do pregão a empresa anunciou que registrou um lucro líquido de R$ 240mi no segundo trimestre deste ano, o que representa um avanço de 166,1% na comparação com o mesmo período de 2015.
-    A BVM&F subiu 2,6% e, após o fechamento do pregão, a empresa, que é cara, monopolista e tecnologicamente defasada, anunciou que, principalmente por conta dos custos provenientes da fusão com a Cetip e os efeitos contábeis da venda da fatia detida na bolsa americana CME, auferiu um prejuízo líquido de R$ -114,4mi no segundo trimestre deste ano.

Política:

Contrariando as previsões de Rodrigo Maia, presidente da Câmara, aliados do deputado afastado Eduardo Cunha “apostam” que a votação de seu processo de cassação pelo plenário da Câmara vai atrasar ainda mais e ser empurrada para depois das eleições de OUT/16 e deve ocorrer apenas em NOV/16.

Mostrando como é enrolado o candidato “cara nova” que o PSDB escolheu para disputar a prefeitura de SP, o tucano João Doria está sendo acionado na Justiça por supostamente ter deixado de pagar R$ 450 mil no aluguel de um imóvel onde funcionou uma loja de sua mulher e disputa na justiça com um ex-amigo e atual desafeto, o consultor de vinhos Elídio Lopes, pela posse de garrafas da bebida que valem cerca de R$ 265 mil.

Vagabundos sem-vergonha, os “nobres” deputados, que acabaram de voltar de férias, já saíram ontem para mais 11 dias de folga, já que até o dia 22/AGO/16 a Câmara Federal ficará parada com a desculpa esfarrapada de que os parlamentares estarão ocupados participando em suas cidades do início da campanha às prefeituras e Câmaras municipais.

Articulando uma forma óbvia de driblar a legislação e esquentar o dinheiro sujo da corrupção, a campanha de Fernando Haddad para reeleição como prefeito de SP anunciou ontem espera arrecadar menos R$ 30mi com “vaquinhas online” da militância petista em sites do partido.

Empresário de sucesso, Ricardo Young, candidato da Rede Sustentabilidade à Prefeitura de SP, declarou possuir bens que somam R$ 7,4mi à Justiça, já Erundina, candidata do PSOL que nunca trabalhou e que cerca de 2 anos atrás fez uma vaquinha para compra comida, declarou que tem um patrimônio de R$ 605mil.

Crítica:

O “pecuarista-picareta” José Carlos Bumlai, que certamente tem a família ameaçada de morte pelo seu “amigão Lula”, voltou calado à prisão e lá ter de permanecer por um longo tempo por conta do processo em que é acusado de atuar para que a Petrobras contratasse a Schahin.

Comprovando como é bom para a imagem internacional do país se livrar do PT, Peter Messitte, juiz federal no Estado de Maryland, nos EUA, afirmou que o julgamento do mensalão e a Operação Lava Jato deixaram para trás os tempos em que escândalos de corrupção política terminavam em pizza no Brasil.

Sentindo-se mais uma vez traída e agindo lentamente, a ex-presidenta Dilma adiou pena enésima vez a divulgação de uma carta aos senadores em que faria sua defesa e pediria que votassem contra o processo de impeachment, já que o ponto central de sua missiva, que seria a defesa de um plebiscito para a realização de novas eleições, não só contraria a posição do presidente nacional do PT, Rui Falcão, como é totalmente inviável.

PAZ, amor e bons negócios;
Alfredo Sequeira Filho

O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer crítica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alfredo@relatoriobrasil.com

Conheça e indique nosso Blog: www.relatoriobrasil.com
Curta nossa página no Facebook: www.facebook.com/relatoriobrasil


Nenhum comentário:

Postar um comentário