R.B. 31/MAI/16 "Turbinando a política do pão e circo"



"Turbinando a política do pão e circo"

São Paulo, 31 de maio de 2016 (TERÇA-FEIRA).

Mercados e Economia:

Hoje (1) a BOVESPA deve subir, reduzindo parte das perdas acumuladas neste mês de MAI/16 (-9,2%) e ampliando os ganhos já registrados no na (12,9%), beneficiada pela valorização das commodities e pelo crescimento do sentimento de que o fundo do poço já ficou para traz e (2) o DÓLAR pode voltar a cair, ainda na “briga” para a formação da cotação de fechamento do mês e também influenciado pelo fluxo positivo de recursos externos.

Ontem, no BRASIL, (1) a BOVESPA caiu -0,2%, com baixo volume de negócios (R$ 2,1bi) por conta do feriado do Memorial Day nos EUA e em um movimento de cautela por causa da piora do cenário político, mesmo com a ligeira alta das commodities e das bolsas da Europa e (2) o DÓLAR caiu 0,9% à R$ 3,57, rompendo facilmente o “suporte” dos R$ 3,60, sob pressão de baixa dos investidores vendidos em contratos cambiais na véspera de definição da cotação de fechamento do mês, também conhecida como Ptax.

Também ontem, nas principais bolsas (1) da ÁSIA, Japão 1,5% e China 0,2%, com os investidores comprando ações de empresas exportadoras após o dólar subir com força ante as principais moedas dos países da região, (2) da EUROPA, recuperando as perdas da abertura, porem com baixo volume de negócios, Inglaterra não operou por conta de feriado local, França 0,3% e Alemanha 0,5%, com destaques de alta para as ações das montadoras, como Daimler (1,6%), Fiat (2,6%), Renault (1,4%) e Peugeot (1,5%) e (3) dos EUA, S&P, DJ e NASDAQ permaneceram fechadas por conta do feriado do Memorial Day.

Enquanto no Brasil as empresas aéreas estão em sérias dificuldades financeiras e o número de passageiros cai vertiginosamente, em ABR/16 a demanda global por transporte aéreo de passageiros, beneficiada pela queda do petróleo, subiu 4,6% na comparação com o mesmo período de 2015.

Segundo o cientista político Ian Bremmer, fundador e presidente da Eurasia, principal consultoria de risco político do mundo, embora a tese do golpe não tenha colado, ainda levará um tempo até que a estabilidade seja restaurada no Brasil e os investidores estrangeiros voltem a se sentir confortáveis em aplicar no país.

Certamente agradando o “mercado”, Meirelles, ministro da Fazenda, disse ontem que, apesar da queda no potencial de crescimento do Brasil, um país que registra 2 anos consecutivos de recessão possui muita capacidade ociosa e pode ter uma recuperação mais rápida que o previsto, ressaltando também que o objetivo das medidas de redução de despesas anunciadas pelo governo é fazer o Brasil parar de tomar gols para dar segurança aos jogadores de ataque, que no caso são as forças produtivas e os consumidores.

Ligeiramente mais otimista que na semana passada, o “mercado” melhorou, de -3,83% para -3,81%, suas “apostas” para a retração do PIB brasileiro em 2016, porem, por conta dos últimos índices divulgados, também elevou, de 7,04% para 7,06%, suas previsões para a inflação medida pelo IPCA neste ano.

Confirmando pela “enésima vez” a necessidade de uma reforma, por conta de um aumento de 150% no déficit da Previdência em ABR/16, o governo registrou uma forte piora nas suas contas, já que segundo dados oficiais do Tesouro Nacional no mês passado as receitas federais superaram as despesas em R$ 9,75bi, resultado 11,4% pior do que o auferido em ABR/15.

Pressionado pelos gastos com saúde, IGP-M, índice usado como referência para a correção de valores de contratos de aluguel, registrou alta de 0,82% em MAI/16, patamar bem superior ao auferido em ABR/16 (0,33%), acumulando assim um avanço de 11,09% nos últimos 12 meses.

-    A Petrobras subiu 1,8%, beneficiada pela valorização do petróleo e pelo anuncio de que Pedro parente foi confirmado como o novo presidente da empresa.

Política:

Complicando novamente o cenário político tupiniquim e exigindo uma reação imediata do presidente Temer, foi divulgado um novo áudio gravado pelo ex-presidente da Transpetro, Sérgio Machado, no qual o agora ex-ministro da Transparência, Fiscalização e Controle, Fabiano Silveira, aparece em conversas Renan Calheiros, presidente do Senado, orientando como ele deveria agir em relação às investigações da Operação Lava Jato.

Confirmando internacionalmente a incompetência da ex-presidenta do Brasil, segundo uma pesquisa realizada entre os leitores da revista americana Fortune Dilma é considerada a líder mais "decepcionante" do mundo com 374 mil votos, muito a frente do segundo colocado, o governador do Estado do Michigan, Rick Snyder, que recebeu 17 mil votos.

Motivados pelas atitudes anti-republicanas de petistas, um grupo minoritário de 34 deputados europeus de esquerda pediu à comissária de política externa da União Europeia, Federica Mogherini, a suspensão das negociações do acordo com o Mercosul devido ao impeachment da presidenta Dilma no Brasil.

Mesmo após sair do Ministério da Transparência, Fabiano Silveira pode continuar levando dor de cabeça a Michel Temer, já que o Conselho Nacional de Justiça abrirá hoje uma investigação prévia para apurar se ele usou o cargo de conselheiro do órgão para favorecer interesses privados.

Trabalhando no lema “quanto pior melhor”, a senadora petista Gleisi Hoffmann, presidente da Comissão de Assuntos Econômicos do Senado, afirmou ontem que a sabatina do indicado para a presidência do Banco Central, Ilan Goldfajn, só acontecerá amanhã se houver unanimidade entre os integrantes do colegiado pela manutenção da data.

-    O Palácio do Planalto tem muito a perder com um eventual afastamento de Renan Calheiros da presidência do Senado, já que o comando da Casa cairia no colo do vice Jorge Viana, que é do PT.
-    Emídio de Souza, presidente do PT de SP, disse a Lula que não concorrerá à Prefeitura de Osasco, como queria e pressionava a cúpula do partido.
-    Mostrando que Dilma não sabem nem mentir, contrariando suas declaração dadas no s[abado passado, sua agenda oficial incluiu um encontro com o empreiteiro Marcelo Odebrecht no Palácio do Alvorada em 26/MAR/14.

Crítica:

Dinheiro para saúde, segurança e educação está faltando e é cada vez mais raro, porem, "turbinando a política do pão e circo", a prefeitura do RJ, também ajudando empresas “amigas”, decidiu gastar R$ 5 milhões para comprar 547 mil ingressos das Olimpíadas e da Paraolimpíada que serão doados a funcionários públicos, convidados “especiais” e estudantes.

Dando uma “aula de gestão e planejamento” para o Brasil, ontem, após 17 anos de obras, o túnel St. Gotthard, que fica nos Alpes suíços e tem 57 quilômetros de extensão, ficou pronto tendo mantido o cronograma inicial de execução e sem os custos terem explodido.

Conforme já era de se esperar, um levantamento do Ministério Público Federal identificou irregularidades em pagamentos e perfis dos beneficiários do Programa Bolsa Família, entre 2013 e 2014, que somam R$ 2,5bi.

PAZ, amor e bons negócios;
Alfredo Sequeira Filho

O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer crítica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alfredo@relatoriobrasil.com

Conheça e indique nosso Blog: www.relatoriobrasil.com
Curta nossa página no Facebook: www.facebook.com/relatoriobrasil



Nenhum comentário:

Postar um comentário