R.B. 16/MAR/16 "Chefe sem escrúpulos"


"Chefe sem escrúpulos"

 

São Paulo, 16 de março de 2016 (QUARTA-FEIRA).


Mercados e Economia:

 

Hoje (1) a BOVESPA deve seguir em queda, ainda prejudicada pela piora do cenário político e também afetada negativamente pelos dados cada dia piores da economia tupiniquim e (2) o DÓLAR pode seguir em alta, com "boas chances" de fechar o dia acima dos R$ 3,80, influenciado pelos mesmos motivos que devem derrubar a bolsa brasileira e pela consequente redução do fluxo positivo de recursos externos.

 

Ontem, no BRASIL, (1) a BOVESPA caiu –3,6%, realizando lucros recentes, pressionada pelo recuo das commodities e principalmente influenciada pelo aumento das "apostas" de que o ex-presidente Lula será ministro e implementará uma política econômica ainda mais irresponsável e (2) o DÓLAR subiu 3,1% à R$ 3,76, registrando a maior alta diária desde 16/OUT/15, seguindo a piora do "humor" na bolsa brasileira e impulsionado pelas especulações em torno do uso das reservas internacionais para o pagamento da dívida pública.

 

Também ontem, nas principais bolsas (1) da ÁSIA, sem uma tendência única, Japão –0,7%, interrompendo uma sequência de 3 pregões em alta, após decisão do BC local de manter sua política monetária inalterada e China 0,2%, revertendo uma abertura negativa, beneficiada pelo bom desempenho das ações do setor financeiro, (2) da EUROPA, realizando lucros recentes, Inglaterra –0,6%, França –0,7% e Alemanha –0,6%, com destaques de queda para as mineradoras e petrolíferas, como BP (-1,0%), Shell (-0,9%), Anglo American (-10,8%) e Rio Tinto (-4,0%), ArcelorMittal (-24,8%), diante do recuo dos preços das commodities e (3) dos EUA, sem uma tendência única e com pouca volatilidade, S&P –0,1%, DJ 0,1% e NASDAQ –0,4%, em um dia de cautela e baixo volume de negócios, já que os investidores aguardam o resultado da reunião do Fed ("Copom" local), que hoje não deve alterar os juros mas dará sinais dos caminhos que vai seguir no comunicado e na entrevista da presidente da instituição, Janet Yellen.

 

Somando forças para competir com o mercado financeiro norte-americano, a Deutsche Börse, que é a operadora da Bolsa de Frankfurt, anunciou na manhã de hoje um acordo de fusão com a London Stock Exchange, que é a operadora da Bolsa de Londres, o que permitirá criar um grupo líder em infraestruturas de mercado mundiais com base na Europa.

 

A ideia esdrúxula, já aventada por economistas petistas, de usar reservas internacionais brasileiras, atualmente e, US$ 372,4bi, para pagar a dívida pública e emprestar para as empresas "amigas" do governo causará mais danos à credibilidade do governo e à própria economia , já que equivale a tentar não morrer de fome bebendo o próprio sangue.

 

Além do irresponsável uso das reservas internacionais do país, uma política econômica conduzida por Lula deve "dobrar as metas" das medidas adotadas no primeiro mandato da presidenta Dilma, como aumentar o crédito, relaxar gastos públicos e baixar juros sem se preocupar com a disparada da inflação.

 

Confirmando que a economia tupiniquim entrou em um ciclo vicioso, como, diante da crise, ocorreu uma alta de 40,8% no número de trabalhadores que procuram trabalho, no final do ano passado 9,1 milhões de pessoas já estavam na fila de emprego em todo o país, o que fez a a taxa média de desemprego em 2015 subir para 8,5%, patamar mais alto da série histórica da pesquisa e 1,7% acima do apurado no ano anterior (6,8%).

 

Usando o mesmo populismo irresponsável do governo Dilma,  Alckmin, governador de SP e o tucano mais petista que existe, decidiu que o salário mínimo estadual paulista passará de R$ 905 para R$ 1.000, o que representa um reajuste de 10,5% e está bem acima do piso nacional (R$ 880).

 

-    A Gerdau caiu –10,1%, acompanhando o recuo do minério de ferro e prejudicada pelo anúncio de que a empresa teve um prejuízo líquido de R$ -3,2bi no quarto trimestre de 2015, contra um lucro de R$ 393mi no mesmo período de 2014.


Política:
 
Como um "chefe sem escrúpulos", Dilma afirmou que está estarrecida com a revelação de uma gravação provando que Mercadante negociava o silencio de Delcídio do Amaral em troca de dinheiro e, como um empregado sem caráter, Mercadante inocentou Dilma de toda a responsabilidade e "garantiu" que atuava por conta própria e que estava apenas sendo solidário com um amigo.

 

Além da gravação de Mercadante oferecendo grana e influencia no STF para calar a boca do referido ex-líder do governo no Senado, os principais fatos revelados na delação premiada do senador petista Delcídio do Amaral são (1) Dilma interferiu na Operação Lava Jato, sabia dos desvios de recursos de Pasadena e foi responsável pela indicação de Nestor Cerveró como diretor da Petrobrás, (2) a campanha presidencial de 2014 recebeu recursos em caixa 2, (3) Lula interferiu na Lava Jato, inclusive pressionando ministros do STF, e deu um "cala a boca" para Marcos Valério não falar dele na CPI da Petrobras e (4) os peemedebistas Michel Temer, Renan Calheiros e Eduardo Cunha e o tucano Aécio Neves também estão envolvidos na corrupção da Petrobrás e das empreiteiras.

 

Dominado por petistas de toga, ontem a segunda turma do Supremo Tribunal Federal se negou a aceitar um recurso da Procuradoria Geral da República que tentava devolver ao juiz Sergio Moro, da 13ª Vara Federal de Curitiba, as investigações e a ação penal relativa a fraudes e corrupção na estatal Eletronuclear, que com isto vai permanecer com a "justiça amiga" do RJ.

 

Segundo rumores citando diretamente Dilma e Lula, inclusive com provas, o ex-deputado do PP Pedro Corrêa, que está preso e já foi condenado a 20 anos sob acusação de corrupção e lavagem de dinheiro, assinou ontem um acordo de delação premiada com a Procuradoria Geral da República que contem mais de 100 nomes de políticos e uma lista os operadores dos esquemas de corrupção.

 

Sem uma liderança forte e consequentemente sem um discurso unificado, ontem tucanos de peso no Congresso criticaram o aceno do senador Aécio Neves ao semipresidencialismo, ressaltando que isto é uma mudança de foco e que o objetivo agora deve ser derrubar a presidenta Dilma.

 

Além de Santa Catarina, que já entregou os cargos e fechou posição a favor do desembarque do governo, outros diretórios do PMDB se preparam para abandonar cargos na Esplanada, como o Rio Grande do Sul, que se reunirá no início da semana que vem para fazer um lista de postos ocupados e entregar todos.

 

-    Eduardo Cunha avisou aos líderes partidários na Câmara que convocará para hoje uma reunião exatamente 30 minutos depois de encerrada a sessão do Supremo Tribunal Federal que deve definir o rito para o impeachment.

-    Como não confiam nele, integrantes da Polícia Federal estão preocupados com a nomeação de Eugênio Aragão para o Ministério da Justiça.

-    O motivo de Lula ainda não ter sido nomeado ministro de Dilma é o medo dele e da presidenta de serem presos por obstrução à justiça, já que estariam violando o artigo 85 da constituição.

-    Paulo Okamotto, que está para Lula assim como Mercadante está para Dilma, entrou ontem com um habeas corpus preventivo junto do Tribunal Federal da 4a Região na tentativa de evitar sua possível prisão.


Crítica:
 
Aumentando o risco de fraudes e consequentemente causando uma elevação dos gastos públicos, o governo federal decidiu descentralizar os atendimentos médicos para perícia trabalhista, com isto os médicos do INSS deixam de ter a exclusividade nas avaliações necessárias para concessão de benefícios como auxílio-doença e aposentadoria por invalidez, que agora podem ser realizados apenas com a entrega de um atestado médico, seja ele da rede pública ou privada.

 

Confirmando a triste alienação política do jovem brasileiro, no domingo, enquanto cerca de 6 milhões de pessoas foram às ruas pedir a queda da presidenta Dilma e a prisão de Lula, o Twitter registrou 867 mil postagens sobre a edição de 2016 do festival de música Lollapalooza, que ocorreu em SP, o que representa um crescimento de 22% em relação ao festival do ano passado.


PAZ, amor e bons negócios;

Alfredo Sequeira Filho


O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer crítica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alfredo@relatoriobrasil.com


Conheça e indique nosso site: www.relatoriobrasil.com

Curta nossa página no Facebook: www.facebook.com/relatoriobrasil



Nenhum comentário:

Postar um comentário