R.B. 24/FEV/16 "Quem é o chapeleiro maluco"


"Quem é o chapeleiro maluco"

 

São Paulo, 24 de fevereiro de 2016 (QUARTA-FEIRA).


Mercados e Economia:

 

Hoje (1) a BOVESPA deve seguir em queda, ainda influenciada pelo recuo das commodities e acompanhando as perdas das principais bolsas mundiais, porem para quem "aposta" na queda da presidenta Dilma este é um excelente patamar para compras e (2) o DÓLAR pode voltar a subir, com "boas chances" de fechar o dia retomando o patamar dos R$ 4,00, acompanhando a priora do "humor" na bolsa brasileira.

 

Ontem, no BRASIL, (1) a BOVESPA caiu –1,6%, realizando lucros após fechar o pregão anterior no maior patamar desde 30/DEZ/15 (aos 43.350pts), também influenciada pelo recuo das commodities, como o petróleo (-4,4%), e pela desvalorização das bolsas de NY e (2) o DÓLAR subiu 0,6% à R$ 3,96, com poucos negócios, seguindo a valorização internacional da moeda norte-americana e também em um "ajuste técnico" após a forte queda do pregão anterior.

 

Também ontem, nas principais bolsas (1) da ÁSIA, Japão –0,4%, devolvendo uma abertura positiva, pressionada por temores persistentes sobre a saúde dos bancos globais e China –0,8%, diante de pressões temporárias de liquidez por conta de acordos de recompra reversa que vencem esta semana, (2) da EUROPA, Inglaterra –1,2%, França –1,4% e Alemanha –1,6%, pressionadas pelo recuo do petróleo e do cobre e também por balanços negativos de empresas da região, como a mineradora BHP Billiton (-6,0%) e o banco Standard Chartered (6,7%) e (3) dos EUA, próximas das mínimas do dia, S&P –1,2%, DJ –1,1% e NASDAQ –1,5%, devolvendo parte dos ganhos de ontem, com destaques de queda para as ações das empresas de energia e dos bancos e também prejudicadas pelo anúncio de que o índice de confiança do consumidor norte-americano caiu para o menor nível em 7 meses.

 

Responsável pelo recuo de –4,4% no preço do outrora "ouro negro" ontem na bolsa de NY, a Arábia Saudita descartou um acordo entre os grandes produtores para reduzir a produção de petróleo, e alertou operadores de alto custo, como as petroleiras norte-americanas que extraem petróleo de xisto betuminoso, de que devem cortar despesas ou terminarão quebrando.

 

Mostrando mais uma vez que a inflação está descontrolada e que o Copom tupiniquim errou ao não elevar a Selic, o IPCA-15 de FEV/16, pressionado principalmente pelos preços dos alimentos, ficou em 1,42%, patamar acima das projeções do "mercado" (1,32%), superior ao auferido em JAN/16 (0,92%) e também o maior para o mês desde 2003, acumulando com isto uma alta de 10,84% nos últimos 12 meses.

 

Por conta da forte valorização do dólar frente ao real, do criminoso aumento no Imposto de Renda nas remessas de agências de viagens, da disparada do desemprego e da falta de confiança no futuro do país, em JAN/16 os gastos dos brasileiros em viagens internacionais caíram -62% na comparação com JAN/15 e ficaram em US$ 840mi, o que representa o menor valor para este mês do ano desde JAN/09.

 

Considerada um termômetro da economia, a indústria nacional de embalagem, mesmo beneficiada atualmente pela alta do dólar, que torna os produtos dos concorrentes mais caros, projeta uma que de -2,8% nas vendas de 2016 na comparação com o resultado de 2015, quando a retração foi de –4,3% na comparação com 2014.

 

Confirmando que a economia tupiniquim está regredindo cada dia mais rápido, em JAN/16 as vendas de combustíveis no Brasil foram -12,7% menores do que em JAN/15, com destaque negativo para as vendas de óleo diesel que, consumido principalmente pelos caminhões que transportam a produção agrícola e industrial do país, despencaram -16,7% na mesma base de comparação.

 

O iogurte, que foi um símbolo da ascensão ao consumo do supérfluo promovida pelo governo Lula, está azedando no Brasil, já que o grupo de alimentação francês Danone, apesar de prever nova melhora nas vendas e lucro global deste ano, alertou que as condições econômicas permanecerão voláteis e incertas em mercados emergentes como o Brasil.

 

Apesar do seu discurso publicitário de que o investidor deve desbancarizar seus investimentos, a Corretora XP, dando passos cada vez maiores e mais arriscados, "avisou" que deve entrar na disputa, juntamente com o Santander, pela operação de varejo do Citi no Brasil, colocada à venda na semana passada.

 

-    A Vale caiu -4,3%, após a Polícia Civil de MG pedir a prisão preventiva do ex-presidente da Samarco Ricardo Vescovi e funcionários da empresa em MG fazerem uma paralisação pelo pagamento da PLR relativa a 2015.


Política:
 
Mostrando "quem é o chapeleiro maluco" do País das Maravilhas da presidenta Dilma, ontem, em meio aos panelaços, Lula, usando a velha tática nazista de dividir a população, afirmou, durante o horário gratuito do PT na TV, que as conquistas de seus mandatos e também dos de Dilma incomodam a elite que não gosta de dividir a poltrona dos aviões o povo.
 
Mascando chicletes e rindo muito da cara dos brasileiros, o publicitário João Santana e sua mulher Monica, que inclusive chegou a dizer que permanecerá de cabeça erguida, se entregaram ontem à Polícia Federal e, apostando na impunidade da justiça tupiniquim, já traçaram a estratégia de confessarem que receberam recursos irregulares no exterior, mas ressaltando que nenhum centavo deste dinheiro teve origem nos trabalhos que prestaram para o PT.

 

Complicando a vida do maior bandido da história do Brasil, ontem, em depoimento à força-tarefa da Operação Lava Jato, o engenheiro Frederico Barbosa afirmou que atuou nas obras do sítio de Atibaia, que está no nome da um laranja de Lula, por solicitação de um de seus superiores na Odebrecht, empresa para a qual trabalha.

 

Escancarando publicamente a falta de união e comando no partido, faltando menos de 5 dias da eleição interna do PSDB que vai decidir quem será o candidato tucano à Prefeitura de SP, os 3 postulantes trocaram farpas e criaram um clima tenso durante um debate promovido pela folha de SP.

 

Aumentando impostos para cobrir os crescentes gastos públicos do governo Dilma, ontem o plenário do Senado aprovou, por 56 votos favoráveis e 11 contrários, a medida provisória que eleva o Imposto de Renda sobre o ganho de capital que as pessoas têm na venda de bens e direitos, como imóveis.

 

Confirmando que o governo está perdido e sem rumo, os deputados federais que participaram de um almoço ontem com Dilma afirmaram que a presidenta aceita abrir mão da recriação da CPMF em troca de uma proposta alternativa de incremento das receitas federais.

Crítica:
 
Mostrando o que pode acontecer de bom com o Brasil em caso de queda da presidenta Dilma, o novo secretário de Comércio da Argentina, Miguel Braun, defendeu ontem em Washington mudanças no processo decisório do Mercosul para destravar negociações dos tratados comerciais com outros países e blocos econômicos, projetando uma imagem de abertura de seu país e enfatizando o contraste com o governo da antecessora.

 

Depois de rir bastante, mascar muito chiclete e dizer que seguirá de cabeça erguida, Monica Moura, presa junto com o marido, o marqueteiro João Santana, foi trancafiada na carceragem da sede da PF em Curitiba e dividirá a cela com mais duas mulheres acusadas de tráfico de drogas.


PAZ, amor e bons negócios;

Alfredo Sequeira Filho


O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer crítica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alfredo@relatoriobrasil.com


Conheça e indique nosso site: www.relatoriobrasil.com

Curta nossa página no Facebook: www.facebook.com/relatoriobrasil



Nenhum comentário:

Postar um comentário