R.B. 10/NOV/15 "Varrer do mapa político gigantes como o PT e o PMDB"


R.B.

"Varrer do mapa político gigantes como o PT e o PMDB"

 

São Paulo, 10 de novembro de 2015 (TERÇA-FEIRA).


Mercados e Economia:

 

Hoje (1) a BOVESPA deve subir, tentando recuperar parte das perdas do pregão anterior, influenciada por noticias positivas para empresas brasileiras, como a liberação da exportação de carne para a Arábia Saudita, e pela "garantia" dada pelo governo chinês de que 6,5% é o piso para o crescimento da segunda maior economia do mundo até 2020 e (2) o DÓLAR pode cair, ampliando a baixa acumulada no mês (-1,8%) e reduzindo a forte alta registrada no ano (42,5%), influenciado pelos leilões de venda do BC e pela esperada melhora do "humor" na bolsa brasileira.

 

Ontem, no BRASIL, (1) a BOVESPA caiu -1,5%, abriu ''de lado'', para na máxima avançar 0,2%, porem logo passou a cair, acompanhando as perdas das bolsas norte-americanas e também prejudicada pela divulgação de dados ruins da balança comercial chinesa, que é o principal destino das exportações tupiniquins e (2) o DÓLAR subiu 0,8% à R$ 3,79, diante da consolidação das ''apostas'' de que o FED (''BC'' dos EUA) vai mesmo subir os juros em DEZ/15.

 

Também ontem, nas principais bolsas (1) da ÁSIA, Japão 2,0%, com as exportadoras beneficias pela valorização do dólar frente a moeda local (o iene) favorecendo as ações das exportadoras, como a Olympus (17,0%), que também divulgou aumento anual de 60% no lucro semestral e China 1,6%, já que os dados fracos de comércio exterior do país, cujas exportações recuaram -6,9% em OUT/15, alimentaram as expectativas de novas medidas de estímulos por parte do governo local, (2) da EUROPA, devolvendo os ganhos da abertura, Inglaterra -0,9%, França -1,5% e Alemanha -1,6%, pressionadas pela decepção dos investidores com o resultado de algumas empresas, como a Renault (-3,5%) e o InterContinental Hotels Group (-4,8%), e também prejudicadas pela queda nos preços do petróleo e tensões políticas em Portugal e (3) dos EUA, S&P -0,9%, DJ -1,0% e NASDAQ -1,0%, prejudicadas pela divulgação de resultados corporativos piores do que o esperado, como da Caterpillar e da Nike.

 

Tentando acalmar os mercados, Yang Weimin, vice-ministro do Gabinete de Assuntos Financeiros e Econômicos da China, "garantiu" que o seu país está fazendo da taxa de 6,5% um piso ou nível mínimo para o crescimento econômico anual entre 2016 e 2020, acrescentando que o número será uma base para determinar a meta para o referido período.

 

Indicando que o BRIC (o acrônimo que representa Brasil, Rússia, Índia e China) acabou, o banco norte-americano Goldman Sachs, que durante mais de uma década promoveu os investimentos neste grupo de países, anunciou ontem o fechamento do fundo de investimentos que incluía apenas ativos brasileiros, russos, indianos e chineses.

 

Esbanjando otimismo, o empresário Abílio Diniz, presidente do Conselho da BRF, afirmou ontem que existe um Brasil que dá certo, ressaltando que a atual crise brasileira é política, não econômica, e que preciso encontrar uma solução que permita a volta da confiança e dos investimentos ao país.

 

Mostrando um pessimismo crescente, cujo problema principal está na falta de capacidade gerencial do governo Dilma, o "mercado" mais uma vez piorou, desta vez de –1,51% para –1,90%, suas projeções para o desempenho do PIB brasileiro em 2016, e elevou, de 6,29% para 6,57%, suas projeções para a inflação no próximo ano, patamar que se atingindo vai superar pelo terceiro ano consecutivo o topo da meta do BC (6,5%).

 

Com o governo Dilma apertando a corda em volta do pescoço dos brasileiros incautos que foram estimulados a consumir sem necessidade e sem capacidade, ontem foi anunciado que as taxas de juros no crédito consignado para aposentados e pensionistas do INSS subiram de 2,14% para 2,34% ao mês.

 

Atuando para reduzir cada vez mais a concorrência no setor, que já é controlado por poucas e gigantes empresas, ontem o Conselho Administrativo de Defesa Econômica aprovou, sem restrições, que o Itaú compre a participação da Odebrecht Transport na empresa de serviços de pagamento eletrônico de pedágio ConectCar por R$ 170mi.

 

Indicando que provavelmente teremos em 2015 o pior Natal em cerca de 10 anos, segundo uma pesquisa da Fecomercio-SP, em AGO/15 as vendas do comércio da cidade de SP registraram queda de -6,5% na comparação com AGO/14 e os principais motivos são a redução da renda, o aumento do desemprego, a retração do crédito e a falta de confiança no futuro do país.

 

-    A Brasil Foods caiu –0,5%, porem ontem, após o fechamento do pregão, a Arábia Saudita anunciou que liberou as importações de carne bovina in natura do Brasil, após a assinatura de um novo modelo de Certificado Sanitário Internacional em Riad.

-    A Petrobrás caiu –2,3%, já que ontem a empresa fez reuniões com as duas federações de petroleiros que comandam a greve nacional da categoria, que já dura 10 dias, mas não houve acordo e a paralisação continua.


Política:
 
-    Com potencial para "varrer do mapa político gigantes como o PT e o PMDB", ontem o Ministério Público anunciou que pretende cobrar dos partidos o dinheiro desviado na Lava Jato e responsabilizá-los pelo referido esquema de corrupção.
 
Torrando R$ 1,1 milhão de dinheiro publico para receber 400 oportunistas e também tentar animar Dilma, ontem o Palácio do Planalto organizou uma cerimônia, que contou até com show exclusivo de Caetano Veloso, defensor do MST, e cujo objetivo principal era criticar a eventual abertura de um processo de impeachment contra a presidenta.

 

Já que a culpa nunca é da presidenta Dilma, diante da piora das expectativas sobre a retração da economia no próximo ano, assessores presidenciais cobram, inclusive publicamente, mais criatividade de Joaquim Levy, ministro da Fazenda, para lançar uma agenda de retomada do crescimento que dê resultado já nos próximos meses.

 

Como mentir descaradamente virou o principal esporte nacional, Ricardo Pessoa, o dono da UTC e um dos principais delatores da Operação Lava Jato, afirmou ontem que as doações para campanhas eleitorais para o PT não tinham relação com as propinas pagas pela empreiteira em troca de contratos com a Petrobras.

 

Obviamente encontrando várias pedras no caminho, colocadas provavelmente pelo governo Dilma, a Polícia Federal enviou ao Supremo Tribunal Federal um novo pedido de prorrogação do inquérito que investiga a participação do presidente do Senado, o peemedebista Renan Calheiros, no esquema de corrupção da Petrobras.

 

Com uma pauta única de reivindicação, que é o pedido de renúncia da presidenta Dilma, motivo pelo qual o governo federal já classificou a greve como abusiva e mandou a policia multar quem parar nos acostamentos, o Comando Nacional dos Transportes, que é o movimento que lidera os protestos dos caminhoneiros pelo país, comemorou que o primeiro dia de manifestação foi melhor que o esperado, já que o movimento previa paralisações em 12 estados e eles ocorreram em 14.

 

Mostrando que a maquina publica tucano é tão inchada quanto a máquina publica petista, os gastos do governo Alckmin com funcionalismo superaram o nível de alerta da Lei de Responsabilidade Fiscal nos dois primeiros quadrimestres do ano, já que chegaram a 46,18% da receita, quando o nível de alerta é de 44,1%.


Crítica:

 

Envergonhando o esporte, ontem foi revelado que a Rússia, certamente seguindo ordens de Putin (presidente/ditador do país e ex-agente da KGB), obriga todos seus representantes no atletismo a se doparem para atingirem performances melhores e suborna os órgãos de fiscalização para que esta medida não fosse descoberta nos testes.

 

Confirmando, pela enésima vez, que o problema do Brasil está na gestão e na filosofia, e não na falta de recursos, segundo um estudo realizado a partir da comparação de resultados internacionais, os gastos brasileiros em educação e saúde estão entre os mais ineficientes do mundo.


PAZ, amor e bons negócios;

Alfredo Sequeira Filho


O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer crítica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alfredo@relatoriobrasil.com


Conheça e indique nosso Blog: www.relatoriobrasil.com

Curta nossa página no Facebook: www.facebook.com/relatoriobrasil



Nenhum comentário:

Postar um comentário