R.B. 23/JUN/15 "Lula é o pior tipo de líder que existe"


R.B.

"Lula é o pior tipo de líder que existe"

 

São Paulo, 23 de junho de 2015 (TERÇA-FEIRA).


Mercados e Economia:

 

Hoje (1) a BOVESPA deve voltar a subir, ainda acompanhando a melhora do "humor" nas principais bolsas mundiais, diante do avanço das negociações para manter a Grécia na zona do euro e da divulgação da dados positivos da economia dos EUA e (2) o DÓLAR pode subir, seguindo a trajetória internacional da moeda norte-americana, que por sua vez é influenciada pelo aumento das expectativas de elevação dos juros dos EUA.

 

Ontem, no BRASIL, (1) a BOVESPA subiu 0,2%, acompanhando o desempenho positivo das principais bolsas mundiais e também impulsionada pelo aumento das "apostas" de que a presidenta Dilma pode renunciar ou sofrer Impeachment e (2) o DÓLAR caiu –0,6% à R$ 3,08, devolvendo quase metade da alta acumulada (1,5%) no pregão anterior, seguindo a melhora do "humor" na bolsa brasileira e também beneficiado pelo resultado melhor que o esperado da balança comercial brasileira na semana passada.

 

Também ontem, nas principais bolsas (1) da ÁSIA, com poucos negócios por conta do feriado na bolsa chinesa, Japão 1,3%, registrando o maior ganho porcentual desde 11/JUN/15 e com destaques de alta para as ações dos bancos, como Sumitomo Mitsui (2,7%) e Mitsubishi UFJ (3,4%), (2) da EUROPA, com o índice que mede o desempenho das principais bolsas da região registrando a maior alta percentual desde AGO/12, Inglaterra 1,7%, França 3,8% e Alemanha 3,8%, beneficiadas pelo avanço das negociações para a Grécia, cuja bolsa disparou 9,1%, rolar sua dívida com seus credores e assim permanecer na zona do euro e com destaques de alta para as ações do setor de telecomunicações, após a oferta de aquisição da francesa Bouygues Telecom reacender esperanças de mais operações corporativas e (3) dos EUA, acompanhando a melhora do "humor" nas bolsas europeias, S&P 0,6%, DJ 0,6% e NASDAQ 0,7%, com destaques de alta para as ações de empresas do setor financeiro, como JPMorgan Chase (1,3%) e American Express (1,1%) e também beneficiadas pela divulgação de que em MAI/15 as vendas de casas existentes aumentaram para o maior ritmo em quase 6 anos.

 

Ontem, depois de cerca de 4 horas de reunião em Bruxelas, os chefes dos países da União Europeia avaliaram como positiva a nova proposta grega e anunciaram que o acordo para evitar o calote da Grécia avançou e que ele pode ser selado já na próxima quarta-feira.

 

Cada dia mais pessimista com o futuro do país, o "mercado" elevou pela 10ª semana seguida, desta vez de 8,79% para 8,97%, suas "apostas" para o IPCA deste ano e reduziu, desta vez de –1,35% para –1,45%, suas expectativas para o desempenho do PIB brasileiro em 2015.

 

Tomando uma decisão que no curto prazo pode ajudar a conter a inflação, mas no médio prazo vai causar ainda mais estragos no setor energético, o governo Dilma vai editar uma medida provisória, para publicação nos próximos dias, que deve poupar grandes indústrias eletrointensivas do Nordeste, como Vale, Braskem e Gerdau, de aumento na tarifa de energia que poderia mais que triplicar o custo do insumo a partir do dia 30.

 

Tentando tirar seu governo da letargia e assim reduzir sua enorme desaprovação frente à população, a presidenta Dilma, servindo aos interesses dos vagabundos do MST, afirmou ontem que vai anunciar nas próximas semanas um novo plano de reforma agrária para o país.

 

Segundo o BC brasileiro, uma série de eventos "não econômicos", como a operação Lava Jato da Polícia Federal e o risco de racionamento de energia e água, foram os principais fatores que contribuíram para reduzir em -35% os investimentos estrangeiros diretos em empresas no Brasil nos 5 primeiros meses deste ano em comparação com o mesmo período de 2014.

 

Com capital 100% privado, apesar do governo petista ter criado até um ministério para o setor, a empresa Tilabras já investiu US$ 51mi para iniciar um grande projeto de criação de peixes em cativeiro no rio Paraná que, se o cronograma for seguido, fará o Brasil dobrar sua produção atual de pescado até 2020.

 

Por conta da disparada do dólar, do aumento do desemprego e da queda da renda do trabalhador brasileiro, nos 5 primeiros meses de 2015 os gastos dos turistas tupiniquins com viagens internacionais somaram US$ 8,3bi, o que representa o menor valor para o período em 5 anos e uma queda de -21% em relação ao mesmo período de 2014 (US$ 10,5bi).

 

Com as exportações beneficiadas pela alta do dólar e pela recuperação das principais economias do mundo e com as importações prejudicadas pelo dólar caro e pela recessão no Brasil, na semana passada a balança comercial brasileira registrou um superávit de US$ 565mi.

 

-    A Marfrig subiu 15%, após acordo para a venda de sua unidade de frangos e alimentos  processados na Europa Moy Park para o grupo JBS.


Política:
 
Provando que "Lula é o pior tipo de líder que existe", já que coloca a culpa das coisas que dão errado na conta do seus correligionários, ontem o ex-presidente, responsável pela formação da maior quadrilha que tomou de assalto o Brasil, afirmou, durante um seminário promovido pelo Instituto Lula, que atualmente os petistas "só pensam em cargo, em emprego publico e em ser eleito", ressaltando inclusive que o PT está velho e perdeu utopia.
 
Podendo complicar ainda mais o governo Dilma, o Tribunal de Contas da União "avisou" que poderá abrir procedimentos para investigar os atuais responsáveis pelas contas públicas pela falta de repasse de recursos devidos a bancos públicos por gastos em programas estatais, as chamadas "pedaladas fiscais".
 
Comprando apoio político, às vésperas da votação do projeto de lei que reduz a desoneração da folha de salário, última medida do ajuste fiscal que deve ser apreciada pelo Congresso, o ministro da Aviação Civil, Eliseu Padilha, afirmou, sem nenhuma vergonha na cara, que o governo federal vai liberar R$ 4,9bi em emendas a deputados até o final do ano.

 

Eduardo Suplicy, que ajudou a construir o PT e que está no partido 1982, foi mais uma vez vitima da arrogância e da prepotência da atual presidenta do Brasil, já que, após esperar cerca de 2 anos e mandar 19 cartas tentando marcar uma audiência, teve ontem sua reunião com Dilma cancelada na ultima hora e sem nenhuma justificativa plausível.

 

Descobrindo o obvio, uma ala do governo Dilma e também peemedebistas avaliam que o ex-presidente Lula, com suas últimas críticas direcionadas à petista, ensaia um descolamento de sua criatura para tentar sobreviver politicamente até 2018, data da próxima eleição presidencial.

 

Defendendo seu patrão, o peemedebista Eduardo Cunha, que é presidente da Câmara, criticou "exageros" do juiz Sergio Moro e chamou de "absurda" a prisão de Marcelo Odebrecht, presidente da empreiteira que leva o nome da família, e dos demais executivos na semana passada.


Crítica:

 

Como fruto da enorme rejeição da presidenta Dilma e da crescente decepção da população com a política, segundo uma pesquisa divulgada ontem 67% da população brasileira é contra a reeleição e 66% é contra o voto obrigatório, sendo que em caso de fim do voto obrigatório 62% dos que tem maior renda votariam mesmo assim enquanto que apenas 35% daqueles com menor renda exerceria seu direito ao voto.


PAZ, amor e bons negócios;

Alfredo Sequeira Filho


O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer crítica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alfredo@relatoriobrasil.com


Conheça e indique nosso Blog: www.relatoriobrasil.com

Curta nossa página no Facebook: www.facebook.com/relatoriobrasil



Nenhum comentário:

Postar um comentário