R.B. 6/MAR/15 "Arruaceiros, bandidos e vagabundos do MST"


R.B.

"Arruaceiros, bandidos e vagabundos do MST"

 

São Paulo, 6 de março de 2015 (SEXTA-FEIRA).


Mercados e Economia:

 

Hoje (1) a BOVESPA deve subir, tentando recuperar parte das perdas já acumuladas no mês (-2,4%), acompanhando o esperado "humor positivo" das principais bolsas mundiais e (2) o DÓLAR pode cair, tentando um "ajuste técnico" após subir 5,4% nos 4 dias úteis de MAR/15 e acumular valorização de 13,3% em 2015, seguindo a esperada melhora do "humor" na bolsa brasileira e também influenciado pelos leilões de venda do BC, que por sua vez sabe que no atual patamar da moeda norte-americana vai pressionar ainda mais a inflação.

 

Ontem, no BRASIL, (1) a BOVESPA caiu –0,2%, seguindo o cenário político roubando e com destaque negativo para as ações da Vale (-4,1%), que foi prejudicada pela decisão da China de reduziu sua meta de crescimento de 7,5% para 7,0% ao ano e pelo recuo de –4,5% do minério de ferro e (2) o DÓLAR subiu 1,0% à R$ 3,00, para fechar o dia no maior patamar desde 3/AGO/04, seguindo a trajetória internacional da moeda norte-americana e diante dos temores de que a piora do cenário político ameace a implementação das medidas de ajustes fiscal propostas por Joaquim Levy.

 

Também ontem, nas principais bolsas (1) da ÁSIA, Japão –0,6% e China –1,0%, prejudicadas pela redução da meta de crescimento para a economia chinesa e em meio a um sentimento cada vez mais forte de que o mercado financeiro está superaquecido, o que levou os investidores a uma busca por realização de lucros, (2) da EUROPA, recuperando as perdas da abertura, Inglaterra 0,6%, França 0,9% e Alemanha 1,0%, após Mario Draghi, presidente do BC Europeu, fornecer mais detalhes sobre o programa de compras de ativos da entidade, ressaltando que as aquisições de bônus públicos devem começar na segunda-feira e que a iniciativa incluirá papéis soberanos com juros negativos e (3) dos EUA, S&P 0,1%, DJ 0,2% e NASDAQ 0,3%, influenciadas pelos mesmos motivos que animaram as bolsas da Europa, com destaques de alta para as ações de biotecnologia, diante do anúncio de que a gigante farmacêutica AbbVie vai comprar a Pharmacyclics, porem sem perder de vista o relatório de empregos do país que será divulgado hoje.

 

Certamente aumentando a segurança dos investidores globais, ontem foi anunciado que, pela primeira vez desde 2009, todas as 31 instituições financeiras norte-americanas analisadas passaram pelo teste de estresse do Fed ( "BC" dos EUA), criado após a crise de 2008, o que mostra que os maiores bancos da maior economia do mundo estão preparados para enfrentar uma nova crise.

 

"Morrendo de medo" de que ocorra uma redução na "nota" do Brasil, ontem o ministério da Fazenda classificou como "profícuas e produtivas" as reuniões com representantes da agência de classificação de risco Standard & Poor´s, que está no país para avaliar a capacidade e a disposição do governo em honrar suas dívidas.

 

Segundo "rumores" já ameaçando deixar o governo por conta de falta de apoio às suas propostas, Joaquim Levy, ministro da Fazenda, afirmou ontem que a gravidade da situação financeira do país recomenda "rapidez" na definição das medidas no Congresso Nacional, ressaltando que o ajuste nas contas publicas não é um fim em si mesmo, mas o trampolim para recuperar a capacidade de crescimento do PIB.

 

Com olhos e cabeça de quem pensa e tem suas reservas em dólar, Paulo Leme, presidente do banco Goldman Sachs no Brasil, afirmou que a moeda norte-americana na casa de R$ 3 abre oportunidades de negócios, como aquisições de empresas e investimentos em ativos brasileiros que antes estavam muito caros.

 

Mostrando como está frágil a economia tupiniquim, mesmo diante dos sinais de que os principais mercados globais ainda estão iniciando um movimento de recuperação, apenas Brasil e Ucrânia elevaram suas taxas básica de juros neste ano de 2015 em uma lista de 34 países pesquisados.

 

Como a população brasileira, com nota 0 em educação financeira, é estimulada a consumir de forma desnecessária, gastando na maioria das vezes mais do que pode pagar, em FEV/15, também diante do aumento do desemprego, da alta da inflação e da desaceleração da economia, a caderneta de poupança registrou fuga de recursos pelo segundo mês consecutivo, desta vez com saques superando os depósitos em R$ -6,3bi, o que representa o maior valor já registrado para o período pelo BC, que disponibiliza dados a partir de 1995.


Política:
 
Criando um enorme bate-boca ao complicar ainda mais a vida do governo Dilma, o deputado peemedebista Hugo Motta, que é o presidente da CPI da Petrobras na Câmara, decidiu criar 4 sub-relatorias para o colegiado e que os postos seriam comandados por PSDB, PP, PSC e PR, excluindo o PT, e também negou o pedido de extensão das investigações ao governo de FHC, apresentado pelo deputado petista Afonso Florence.
 
Batendo e assoprando, o peemedebista Renan Calheiros, presidente do Senado, após complicar a vida do governo nos últimos dias, afirmou ontem à noite que a devolução de medida provisória que revisa as regras de desoneração da folha de pagamento não foi uma retaliação ao governo e sim a favor do Congresso e da democracia brasileira.
 
Apesar de ser um dos caciques do PMDB, que em tese é a principal sigla aliada do governo, Renan Calheiros elogiou e classificou como brilhante o primeiro pronunciamento feito pelo senador tucano José Serra, que por sua vez criticou a condução da economia pelos governos do PT e disse que o país enfrenta a pior crise econômica de que ele se lembra.

 

Tornando a situação do ministro da Justiça de Dilma cada dia mais insustentável, ontem o senador tucano Aécio Neves afirmou que José Eduardo Cardozo tem se comportado como um militante partidário e como advogado de defesa do PT ao trabalhar para incluir nomes da oposição na lista de investigados por participação no esquema de corrupção na Petrobras.

 

Batendo de frente com a presidenta, o PSDB levará ao ar a partir deste sábado 4 comerciais de rádio e TV, que acusam Dilma de ter mentido na campanha, ressaltando que ela prometeu que não aumentaria juros e energia e que não mexeria em direitos trabalhistas.

 

Acatando uma denuncia do tucano Expedito Júnior, derrotado no segundo turno das eleições para o governo do referido Estado, ontem o Tribunal Regional Eleitoral de Rondônia cassou os mandatos do governador peemedebista Confúcio Moura e de seu vice, Daniel Pereira, do PSB, acusados de abuso de poder econômico durante a campanha de 2014.


Crítica:
 
Com relação à Operação Lava Jato da Polícia Federal, assim como é irrelevante saber quem veio primeiro, o ovo ou a galinha, também é irrelevante saber se a culpa da corrupção é dos políticos ou das empresas, pois todos os envolvidos devem ser punidos, porem é ainda mais importante é descobrir, o que aliás parece ser bem simples, quem é o dono do galinheiro que permitiu toda a sacanagem.
 
"Arruaceiros, bandidos e vagabundos do MST", que é financiado com dinheiro publico com o aval do PT, invadiram ontem um centro de pesquisa do grupo Suzano Papel e Celulose e depredaram e destruíram mudas de árvores transgênicas que eram objeto de pesquisa há 15 anos, porem, por leniência e complacência do Estado, ninguém foi preso.

PAZ, amor e bons negócios;

Alfredo Sequeira Filho


O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer crítica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alfredo@relatoriobrasil.com


Conheça e indique nosso Blog: www.relatoriobrasil.com

Curta nossa página no Facebook: www.facebook.com/relatoriobrasil



Nenhum comentário:

Postar um comentário