R.B. 27/MAR/15 "Mentindo mais que o Pinóquio"


R.B.

"Mentindo mais que o Pinóquio"

 

São Paulo, 27 de março de 2015 (SEXTA-FEIRA).


Mercados e Economia:

 

Hoje (1) a BOVESPA deve cair, inclusive com "alguma chance" de fechar o dia abaixo dos 50.000pts, ainda seguindo o "humor negativo" nas principais bolsas mundiais e novamente prejudicada pelo provável recuo das ações da Petrobrás, diante do anúncio do nome do novo presidente do seu Conselho de Administração e (2) o DÓLAR pode seguir em alta, rumo aos R$ 3,30, acompanhando a trajetória internacional da moeda norte-americana e a crescente piora das perspectivas econômicas e políticas no Brasil.

 

Ontem, no BRASIL, (1) a BOVESPA caiu –2,5%, acompanhando as perdas das demais bolsas mundiais e pressionada principalmente pelo forte recuo das ações da Petrobrás (–4,9%), diante dos "rumores", confirmados após o fechamento do pregão, que Luciano Coutinho, presidente do BNDES, será o novo presidente do conselho da referida petrolífera e (2) o DÓLAR subiu 0,7% à R$ 3,20, acompanhando a trajetória internacional da moeda norte-americana e o "humor negativo" na Bovespa.

 

Também ontem, nas principais bolsas (1) da ÁSIA, Japão –1,4% e China –0,5%, diante do aumento das preocupações com o ritmo da recuperação da economia dos EUA, (2) da EUROPA, em queda pelo segundo dia seguido, Inglaterra –1,4%, França –0,3% e Alemanha –0,2%, com os investidores ainda preocupados com o aumento da tenção no Oriente Médio e destaques de queda para as empresas do setor aéreo, como Airlines Group (-3,4%), Deutsche Lufthansa (-2,9%) e Air France (-1,3%) e (3) dos EUA, influenciadas pelo mesmo motivo que derrubou as bolsas europeias, S&P –0,2%, DJ –0,2% e NASDAQ –0,3%, também prejudicadas pela divulgação de dados positivos da economia do país, como a queda acima do esperado dos pedidos de auxílio-desemprego e o desempenho da atividade do setor de serviços que atingiu o maior nível em 6 meses, que elevam a possibilidade da alta dos juros norte-americanos.

 

Dando novos sinais negativos da economia brasileira, (1) registrando o segundo mes consecutivo de alta, a taxa de desemprego subiu de 5,3% em JAN/15 para 5,9% em FEV/15, (2) projetando a maior queda do PIB desde 1992, o BC brasileiro anunciou ontem que espera que em 2015 a economia brasileira encolha -0,5% e (3) em FEV/15 o rendimento real dos trabalhadores foi -0,5% menor que o do mesmo mês de 2014, o que representa a primeira queda desde OUT/11.

 

-    Desestimulando cada dia mais os investimentos no setor produtivo da economia, ontem o governo Dilma decidiu elevar, de 5,5% para 6,0% ao ano, a taxa de juros de longo prazo cobrada pelo BNDES na maior parte dos seus empréstimos.

 

Coberta de razão, a revista britânica The Economist publicou um novo editorial sobre o Brasil, na edição que chega às bancas neste final de semana, na qual aponta os motivos que deixam brasileiros "fartos" da presidenta Dilma, ressaltando que a referida petista mentiu na campanha e cometeu "estelionato eleitoral".

 

Com os ministros de Dilma "mentindo mais que o Pinóquio", Armando Monteiro, ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, afirmou que, apesar das inúmeras demissões e dos resultados ruins registrados pela indústria automotiva em 2014 e no início de 2015, uma suposta crise "passa longe" do setor.

 

Prejudicando ainda mais o planejamento estratégico de um governo praticamente acéfalo, ontem, após uma nova tentativa de negociar com o ministério do Planejamento, o IBGE divulgou um boletim interno a seus funcionários no qual informa o cancelamento da Contagem da População brasileira em 2016, ressaltando que isto ocorrerá por conta de um forte corte no orçamento da instituição.

 

Gerando mais instabilidade e desconfiança, ontem, poucos dias após anunciar o fim do programa de intervenção diária no mercado de câmbio, o BC brasileiro anunciou que fará na próxima semana leilões de venda de dólares com compromisso de recompra, com oferta total de até US$ 2,5bi.

 

Apresentando mais uma ideia estapafúrdia, Romeu Rufino, diretor-geral da Agência Nacional de Energia Elétrica, afirmou ontem que o governo Dilma estuda instalar placas solares flutuantes nos reservatórios das usinas hidrelétricas, ressaltando que a medida aproveitaria as instalações já existentes nas usinas para escoar a energia gerada pelas placas.

 

-    A Petrobrás caiu –4,9% e, após o fechamento do pregão, em mais um erro crasso da presidenta Dilma, foi anunciado que Luciano Coutinho, cuja gestão no BNDES é repleta de suspeitas e bastante criticada, será o novo presidente do conselho da referida estatal.


Política:
 
Revelando a enorme tensão entre o governo Dilma e o Congresso Nacional, ao ser consultado informalmente sobre sua opinião com relação a indicação do jurista Luiz Edson Fachim para o Supremo Tribunal Federal, Renan Calheiros, presidente do Senado, afirmou que a Casa que preside não permitirá que uma pessoa com "digital petista" seja o novo ministro do supremo.
 
Em uma nova investida contra Dilma, o PMDB prepara a apresentação de uma Propostas de Emenda Constitucional fixando prazo para que o presidente da República indique ocupantes de cargos no Judiciário, no Ministério Público e nas agências reguladoras, sob pena de, se não o fizer, o Congresso avocar a prerrogativa.

 

Mais de 1 ano depois de o Supremo Tribunal Federal determinar que o processo do mensalão tucano contra o ex-governador Eduardo Azeredo deveria ser julgado na primeira instância da Justiça em MG, nada foi feito para concluir o caso, que se arrasta há quase uma década.

 

Confirmando mais uma vez que os petistas não respeitam as instituições democráticas, João Vaccari Neto, tesoureiro do PT e réu na Operação Lava Jato, que investiga um esquema de corrupção na Petrobras, avisou a dirigentes do partido que não pretende se afastar do cargo.

 

O PMDB,que está cada dia mais na oposição, se aliou ao PSDB para convocar uma "atração de peso" na CPI da Petrobras em 9/ABR/15, que será a última sessão antes das manifestações do dia 12/ABR/15 e a maior possibilidade é que o depoente seja João Vaccari Neto, o tesoureiro do PT que recebeu boa parte da propina maquiada de doação de campanha.

 

Os coordenadores do Vem Pra Rua, que é um dos movimentos que organizam os protestos anti-Dilma, foram ontem ao Congresso pedir à oposição apoio a bandeiras como voto distrital, impeachment do ministro do STF Dias Toffoli e responsabilizar Lula pelos desvios na Petrobras.


Crítica:
 
Zombando da população e contando com o histórico corporativismo do poder judiciário, o juiz Flávio Roberto de Souza, flagrado em FEV/15 dirigindo o Porsche de Eike Batista, que ele havia apreendido um dia antes, anunciou ontem que vai tentar se aposentar por invalidez alegando que tem problemas psiquiátricos.

 

Mostrando mais uma vez que ou sofre de esquizofrenia ou acredita que todo brasileiro é otário, o que é bem mais provável, ontem Rui Falcão, presidente do PT, convocou os militantes do seu partido a irem às ruas para no próximo dia 31/MAR/15, que é um dia útil, para defender o governo Dilma.


PAZ, amor e bons negócios;

Alfredo Sequeira Filho


O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer crítica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alfredo@relatoriobrasil.com


Conheça e indique nosso Blog: www.relatoriobrasil.com

Curta nossa página no Facebook: www.facebook.com/relatoriobrasil



Nenhum comentário:

Postar um comentário