R.B. 16/SET/14 "Terrorismo eleitoral petista"


R.B.

"Terrorismo eleitoral petista"

 

São Paulo, 16 de setembro de 2014 (TERÇA-FEIRA).


Mercados e Economia:

 

Hoje (1) a BOVESPA deve seguir em alta, com ''boas chances'' de fechar a semana recuperando o patamar dos 60.000pts, principalmente caso (l) o BC dos EUA indique que a taxa de juros da maior economia do mundo deve continuar baixa e (ll) as pesquisas indiquem que Dilma parou de subir e Marina parou de recuar e (2) o DÓLAR pode cair, influenciado pelos mesmos motivos que devem levar à valorização da Bovespa e também pressionado pelos leilões de venda do BC.

 

Ontem, no BRASIL, (1) a BOVESPA subiu 1,8%, recuperando boa parte das perdas acumuladas no pregão anterior (-2,4%), mesmo diante da instabilidade apresentada nas principais bolsas mundiais, beneficiada pela valorização das commodities e pela expectativa de que a presidenta Dilma será derrotada no segundo turno das eleições presidenciais e (2) o DÓLAR subiu 0,9% à R$ 2,35, para fechar o dia no maior patamar desde 14/MAR/14, acompanhando a trajetória internacional da moeda norte-americana, diante da expectativa pela reunião do FED (''Copom'' dos EUA) que ocorrerá amanhã.

 

Também ontem, nas principais bolsas (1) da ÁSIA, Japão permaneceu fechada devido a feriado e China 0,3%, beneficiada pelo anúncio de que nos 8 primeiros meses de 2014 as vendas no varejo do país avançaram 12,1% na comparação anual, (2) da EUROPA, Inglaterra -0,1%, França -0,3% e Alemanha 0,1%, ainda com os investidores demonstrando uma certa aversão a risco na semana em que ocorre o referendo sobre a independência da Escócia e a reunião de política monetária nos EUA e com destaque negativo para as ações da Air France (-3,3%), após a empresa informar que, diante da greve dos seus funcionários, deve operar somente metade dos voos previstos e (3) dos EUA, também sem uma tendência única, S&P -0,1%, DJ 0,3% e NASDAQ -1,1%, influenciadas pela divulgação de dados piores que o esperado sobre as vendas no varejo e a produção industrial do país, que devem der considerados pelo Fed (''Copom'' local) na sua reunião desta semana, e com destaque de queda para as ações do setor de tecnologia, como Facebook (-3,4%) e Amazon (-2,7%), que devem dividir a atenção dos investidores com o IPO do grupo de e-commerce chinês Alibaba.

 

Diante da divulgação de novos sinais de fraqueza do setor varejista no início do terceiro trimestre, o "mercado", cada dia mais pessimista, reduziu pela 16ª semana consecutiva, desta vez de 0,48% para 0,33%, suas "apostas" para o crescimento da economia brasileira em 2014.

 

Em mais um sinal de esvaziamento da bolha, que ainda deve murchar bastante, diante de uma combinação de preços estratosféricos, baixos índices de confiança e incertezas quanto ao futuro da economia, nos 7 primeiros meses deste ano as vendas de imóveis residenciais novos em SP caíram –48,9% na comparação com o mesmo período de 2013 e o volume financeiro destas vendas foi –31,5% menor na mesma base de comparação.

 

Dando sequencia à sua política econômica de retalhos e em uma espécie de toma lá da cá a menos de 20 dias do primeiro turno das eleições presidenciais, ontem Mantega, ministro da Fazenda, anunciou que o governo vai estender para toda a indústria a redução, de 34% para 25%, da alíquota de Imposto de Renda sobre lucros no exterior de empresas brasileiras.

 

Administrado e comandado por "companheiros petistas" que provavelmente desconhecem qualquer tipo de análise de risco x retorno, o fundo de aposentadoria Postalis, dos funcionários dos Correios, perdeu R$ 251 milhões com o calote da dívida argentina.

 

Com uma demanda muito maior que a oferta, a gigante chinesa do comércio eletrônico Alibaba, que deve ser responsável pelo maior IPO da história (US$ 24bi), elevou a faixa de preço de sua oferta pública inicial de ações na Bolsa de NY para US$ 66 a US$ 68 por ação.

 

Fazendo o papel que deveria ser da CVM, o Ministério Público Federal de SP informou que denunciou o empresário Eike Batista por irregularidades na venda de ações de uma de suas empresas, a OSX, do setor naval, ressaltando que o referido "midas do PowerPoint" já sabia desde 2012 que a capacidade de produção da petroleira e o tamanho dos reservatórios eram muito menores do que inicialmente estimados em suas apresentações para investidores.

 

-    A Vale subiu 1,7%, diante da recuperação dos preços do minério de ferro e de ''rumores'' de medidas do governo chinês para estimular o mercado interno, o que pode melhorar a demanda por seu produto.

-    A Ambev subiu 3,7%, impulsionada pela informação de que a holandesa Heineken foi abordada pela SABMiller sobre uma potencial aquisição, bem como notícia de que Anheuser-Busch InBev está conversando com bancos sobre financiamento de possível oferta de aquisição de US$ 122bi.


Política:

 

Após mentir descaradamente dizendo que Marina Silva vai colocar o salário dos trabalhadores nas mãos dos banqueiro, a campanha de Dilma agora está dizendo que caso eleita a candidata do PSB  vai entregar a Petrobras para a iniciativa privada e não investirá no pré-sal.

 

"Recebendo o troco" do PSDB de SP, Aécio, candidato tucano à sucessão presidencial, não nem foi citado em um manifesto de artistas e intelectuais em apoio às candidaturas de Serra, ao senado, e de Alckmin, ao governo do Estado, realizado ontem em SP.

 

Hoje, no terceiro confronto direto desta campanha, os 8 dos candidatos a presidente se enfrentarão às 21h30 na cidade de Aparecida, que fica em SP, durante um debate promovido pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil no qual tratarão de temas delicados como o aborto, a reforma política e a questão indígena.

 

Mostrando que a censura está cada dia mais forte no Brasil, a juíza Maria Marleide Maciel Queiroz, de Fortaleza, determinou no fim de semana que a edição desta semana da Revista IstoÉ, com graves denuncias contra Cid Gomes, o governador do Ceará, seja impedida de circular em todo o país.


Crítica:
 
Dando sequencia ao "terrorismo eleitoral petista", o grupo anarco-terrorista MST, que por ordem do PT é financiado com dinheiro publico, fez ontem, ao lado do ex-presidente Lula, duras críticas à Marina Silva e "garantiu" que se a candidata do PSB for eleita fará protestos todos os dias.


PAZ, amor e bons negócios;

Alfredo Sequeira Filho


O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer critica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alfredo@relatoriobrasil.com


Conheça e indique nosso Blog: www.relatoriobrasil.com

Curta nossa página no Facebook: www.facebook.com/relatoriobrasil 



Nenhum comentário:

Postar um comentário