R.B. 30/JUL/14 ''Sem moral''


R.B.

"Sem moral"

 

El Colorado, 30 de julho de 2014 (QUARTA-FEIRA).


Mercados e Economia:

 

Hoje (1) a BOVESPA deve subir, tentando uma recuperação após 3 pregões consecutivos de queda e mantendo os 57.000pts como ‘’suporte’’, diante da divulgação de bom resultados corporativos de empresas brasileiras, como a Cielo, e (2) o DÓLAR pode cair, acompanhando a esperada melhora do ‘’humor’’ na Bovespa e também influenciado pelos leilões de venda do BC.

 

Ontem, no BRASIL, (1) a BOVESPA caiu -1,0%, devolvendo os ganhos da abertura, acompanhando as perdas das bolsas dos EUA, prejudicada por declarações do FMI sobre a fragilidade da economia brasileira e novamente com destaque negativo para as ações da Petrobrás (-2,6%) e (2) o DÓLAR subiu 0,3% à R$ 2,23, seguindo a trajetória internacional da moeda norte-americana, já que os dados positivos de confiança do consumidor dos EUA ampliaram a expectativa do sobre a decisão do FED (‘’Copom’’ dos EUA).

 

Também ontem, nas principais bolsas (1) da ÁSIA, próximas dos maiores patamares em 3 anos, Japão 0,6% e China 0,8%, com os investidores ‘’apostando’’ em políticas amigáveis de crescimento por parte do governo chinês e ‘’comemorando’’ o anúncio de que o nível de empregabilidade japonês atingiu seu maior nível em 22 anos, (2) da EUROPA, Inglaterra 0,3%, França 0,5% e Alemanha 0,6%, sustentadas pela divulgação de bons resultados corporativos, como a fabricante de autopeças GKN (6,7%), o da rede de vestuário Next (2,6%) e o da Orange (1,8%) e (3) dos EUA, revertendo uma abertura positiva, S&P -0,4%, DJ -0,4% e NASDAQ -0,1%, diante de uma pequena vaga de inquietação associada a novas sanções ocidentais contra a Russia, que tem a intenção de forçar os dirigentes russos a acabarem com o apoio à insurreição pró-russa na Ucrânia.

 

‘’Sem moral’’ até entre os petistas, ontem Mantega, ministro brasileiro da Fazenda, respondendo a um relatório do FMI que classificou a economia brasileira como uma das mais frágeis entre os países emergentes, ‘’garantiu’’ o Brasil não é vulnerável do ponto de vista das suas contas externas e ressaltou, sem nenhuma necessidade, que acha difícil que ocorra um calote da dívida Argentina.

 

Contrariando a presidenta Dilma, que recentemente afirmou que a culpa pelo péssimo desempenho da economia brasileira era dos países desenvolvidos, ontem o FMI alertou que o fraco crescimento de mercados emergentes, como o do Brasil, pode se juntar às altas taxas de juros e resultar em um crescimento mundial mais lento e deve-se cada vez mais a questões estruturais, e não cíclicas.

 

Desestimulando o consumo e também os investimentos no setor produtivo da economia, (1) em JUN/14 a taxa média de juros nas operações de crédito ao consumo alcançou 43,0% ao ano, o que representa o maior valor desta pesquisa, que começou a ser feita em MAR/11, (2) em JUL/14 o Índice de Confiança do Empresário do Comércio, da Fecomercio-SP, ficou em 98,6pts, o que representa o menor patamar desta série histórica, iniciada em MAR/11 e (3) Índice de Confiança da Indústria brasileira recuou -3,2% em JUL/14 na comparação com o final de JUN/14, registrando a sétima queda seguida.

 

Em busca de juros mais baixos, segundo um estudo recente 34% dos dez brasileiros já fizeram empréstimo consignado, destes 47% afirmaram utilizar a modalidade para pagar dívidas de outros empréstimos, como cartão de crédito, 15% disseram recorrer ao consignado para comprar móveis e eletrodomésticos e 14% afirmaram usar o empréstimo para pagar contas, como aluguel, condomínio, luz, telefone e escola.

 

-    A Oi caiu -4,1%, seguindo a notícia de que as ações da empresa que serão entregues pela Portugal Telecom para salvar a fusão de ambas as companhias não precisarão ser mantidas em tesouraria.

-    A Energias do Brasil recuou -5,1%, a caiu Cesp -4,1%, a Light retrocedeu -3,0%, a Copel perdeu -2,8% e a Cemig desvalorizou -2,7%, diante da decisão da Agência Nacional de Energia Elétrica de adiar até 28/AGO/14 o prazo para liquidação das despesas das distribuidoras com as operações de MAI/14 do mercado de energia de curto prazo.

-     A Cielo caiu -1,3%, porem após o fechamento do pregão a empresa anunciou que no segundo trimestre deste ano seu lucro liquido cresceu 25,9% ante mesma etapa de 2013.


Política:

 

Trabalhado em prol do seus aliados, José Eduardo Cardozo, ministro da Justiça do governo Dilma, enviou um comunicado para o governo dos EUA perguntando a respeito da possibilidade de o deputado federal Paulo Maluf, do PP, aliado da administração federal do PT, ser ouvido no Brasil sobre um processo no qual está relacionado na Justiça norte-americana.

 

Ontem, em visita a Vitória, Eduardo Campos, candidato do PSB à Presidência, atribuiu às gestões do PT e do PSDB no governo federal a responsabilidade pelo que chamou de "abandono" e "isolamento" do Espírito Santo nos últimos 20 anos.

 

Como quer garantir sua ‘’boquinha’’ de vice-presidente, o peemedebista Michel Temer telefonou para Skaf, candidado do PMDB ao governo de SP, e avisou que, mesmo sem o aval dele, vai mobilizar a máquina do seu para fazer campanha para a presidenta Dilma no maior colégio eleitoral do Brasil, que aliás apresenta uma taxa de rejeição de 47% à petista.

 

Mais uma vez buscando defender a presidenta Dilma, José Eduardo Cardozo, ministro da Justiça, esteve no Tribunal de Contas da União para tratar do processo que apurava prejuízo na compra da Refinaria de Pasadena, pela Petrobras, um dia antes do órgão analisar o caso no plenário para pedir que a referida votação fosse adiada.

 

Com a maior ‘’cara de pau’’, Alexandre Padilha, candidato ao governo de São Paulo pelo PT, defendeu que haja investigação sobre o uso de computador da Presidência para incluir elogios à página dele na Wikipédia.


Crítica:

 

Com a presença confirmada de políticos como a petista Dilma e o tucano Alckmin, Edir Macedo, ‘’o maior picareta da história cristã’’ desde Constantino (que foi quem escolheu os livros do novo testamento de acordo com suas necessidades), vai dar uma demonstração de poder ao inaugurar na sexta-feira desta semana o seu Templo de Salomão, que fica no bairro do Brás em SP, tem 74 mil metros quadrados (ou 4 vezes o tamanho da Basílica de Aparecida), custou R$ 680mi e será a sede da Igreja Universal do Reino de Deus.


PAZ, amor e bons negócios;

Alfredo Sequeira Filho


O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer critica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alfredo@relatoriobrasil.com


Conheça e indique nosso Blog: www.relatoriobrasil.com

Curta nossa página no Facebook: www.facebook.com/relatoriobrasil 



Nenhum comentário:

Postar um comentário