R.B. 29/JUL/14 ''Censura publica e descabida de Dilma ao Banco Santander''


R.B.

"Censura publica e descabida de Dilma ao Banco Santander"

 

El Colorado, 29 de julho de 2014 (TERÇA-FEIRA).


Mercados e Economia:

 

Hoje (1) a BOVESPA deve subir, tentando uma recuperação após 2 pregões consecutivos de queda, influenciada positivamente pela melhora das perspectivas para a economia chinesa, que é o principal destino das exportações brasileiras e (2) o DÓLAR pode seguir em queda, rumo aos R$ 2,20, seguindo o fluxo positivo de recursos externos oriundos de exportações, captações e ‘’investimentos’’, estes últimos aliás que devem aumentar caso Dilma caia mais nas pesquisas de intenções de voto.

 

Ontem, no BRASIL, (1) a BOVESPA caiu -0,2%, com baixo volume de negócios (R$ 4,9bi), pressionada pelas perdas das ações da Petrobras (-1,7%) e dos bancos Bradesco (-1,0%) e Itaú (-0,7%), e também com os dados positivos vindos da China sendo ofuscados pelo fraco desempenho do setor imobiliário dos EUA e (2) o DÓLAR caiu -0,2% à R$ 2,22, influenciado pelos leilões de venda do BC e acompanhando a trajetória internacional da moeda norte-americana.

 

Também ontem, nas principais bolsas (1) da ÁSIA, Japão 0,7% e China 2,4%, impulsionadas pela melhora das perspectivas para a chinesa, diante das ‘’apostas’’ de que o governo da segunda maior economia do mundo acelerará reformas no setor bancário, (2) da EUROPA, Inglaterra -0,1%, França 0,3% e Alemanha -0,5%, sem uma tendência única e com baixo volume de negócios, o que evidencia a cautela dos investidores diante das dúvidas quanto ao impacto das sanções à Rússia sobre a recuperação da economia europeia e (3) dos EUA, S&P 0,1%, DJ 0,1% e NASDAQ -0,1%, próximas da estabilidade, já que os dados corporativos positivos compensaram as perdas provocadas por números fracos sobre o mercado imobiliário e o setor de serviços.

 

Como quem vive em um ‘’conto de fadas’’, ontem a presidenta Dilma (1) ‘’garantiu’’ que a inflação brasileira vai fechar 2014 abaixo do teto da meta de 6,5%, (2) negou que o país vive uma "crise" econômica, (3) classificou de "lamentável" e "inadmissível" a recomendação do banco Santander a correntistas informando que sua eventual reeleição poderia ter efeitos negativos para a economia, (4) confirmou, mostrando sua péssima educação financeira, que guarda dinheiro em espécie e (5) ressaltou que não saiu desgastada do caso Pasadena.

 

Provavelmente para não prejudicar ainda mais o desempenho das contas publicas neste ano de eleições presidenciais, o governo Dilma pretende intervir mais uma vez no setor elétrico, já que agora estuda adiar pela terceira vez no ano o pagamento das geradoras de energia.

 

Após a ‘’censura publica e descabida de Dilma ao Banco Santander’’, que apenas falou a verdade e o que 99% do ‘’mercado’’ pensa ao enviar um relatório aos seus clientes dizendo que em caso de reeleição da atual presidenta a bolsa e a confiança da na economia brasileira devem cair, os grandes bancos brasileiros, como era na época da ditadura militar, agora medem suas palavras e ampliam o conservadorismo nas referências públicas sobre a eleição presidencial de OUT/14, inclusive implementando mudanças em todos os processos internos de aprovação de documentos de contato com o público.

 

Mostrando, ‘’sem medo’’ da censura de Dilma, um pessimismo cada dia maior, o ‘’mercado’’ reduziu pela nona semana consecutiva, desta vez de 0,97% para 0,90%, suas ‘’apostas’’ para o desempenho do PIB brasileiro em 2014, porem desta vez o lado positivo é que as projeções de inflação também caíram, desta vez de 6,45% para 6,41%.

 

Dando sequencia à sua ‘’política externa errática’’, o governo brasileiro, que já encontra dificuldades para negociar um acordo com a União Europeia, agora quer antecipar os prazos de eliminação total das tarifas do Mercosul com a Aliança do Pacífico, que é formada por Colômbia, Peru e Chile.

 

-    A Vale subiu 1,4%, refletindo positivamente a divulgação de dados na China, que é o maior destino das exportações da empresa e que mostraram o fortalecimento do lucro das companhias chinesas

-    A JBS avançou 1,6%, após a empresa, que ‘’turbinada’’ pelos empréstimos do BNDES já é a maior processadora de carnes do mundo, anunciar que fechou um acordo para comprar os negócios de aves da americana Tyson Foods no Brasil e no México por US$ 575mi.

-    A Gol subiu 5,4%, após anunciar que teve alta de 27% na receita por passageiro no segundo trimestre deste ano, na comparação com o mesmo período de 2013.


Política:

 

Como se acha um cidadão acima da lei, senador peemedebista Eduardo Braga, que é candidato ao governo do Amazonas, tentou tomar à força a máquina de um fotógrafo amador, durante sua passagem por uma cidade do referido Estado, pois desconfiou que o referido fotografo estava à serviço de adversários seus.

 

Mesmo diante do descaso das autoridades e da falta de colaboração da população, o ministério publico federal, mostrando que a situação é grave, recomendou que o governo paulista implemente imediatamente um rodízio de água n maior cidade do Brasil, ressaltando que isto é necessário para é evitar um colapso do manancial que abastece 45% da região.

 

Apesar de dizer que esta à disposição da Justiça, Eduardo Campos, candidato do PSB à presidência, afirmou que é a presidenta Dilma quem poderia esclarecer mais coisas sobre o Paulo Roberto Costa, que é ex-diretor de Abastecimento da Petrobras e que foi preso ontem pela Polícia Federal.

 

Provando mais uma vez sua enorme falta de conhecimento, ontem, durante uma sabatina, a presidenta Dilma afirmou que o Brasil foi o primeiro país a reconhecer o Estado de Israel, o que está errado, já que os primeiros países a reconhecer Israel foram os EUA e a então União Soviética, em 1947, e o Brasil só fez isto em 1949.


Crítica:

 

Somente agora que passou a ‘’farra’’ com a Copa do Mundo de Futebol, a Comissão de Ética Pública da Presidência da República decidiu que autoridades do Poder Executivo federal não poderão repassar ingressos ou convites recebidos por eles para participações em eventos de natureza institucional para familiares ou parentes.


PAZ, amor e bons negócios;

Alfredo Sequeira Filho


O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer critica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alfredo@relatoriobrasil.com


Conheça e indique nosso Blog: www.relatoriobrasil.com

Curta nossa página no Facebook: www.facebook.com/relatoriobrasil 



Nenhum comentário:

Postar um comentário