R.B. 31/JUL/13 ‘’Nadando de braçadas’’


R.B.

"Nadando de braçadas"

 

São Paulo, 31 de julho de 2013 (QUARTA-FEIRA).


Mercados:

 

HOJE

-    A BOVESPA deve subir, em um movimento de recuperação após 2 pregões consecutivos de queda, elevando os ganhos acumulados no mês (2,3%), que pode ser o primeiro mês de fechamento positivo neste ano de 2013, diante da melhora do ''humor'' nas demais bolsas mundiais.

-    O DÓLAR pode voltar a cair, tentando um ''ajuste técnico'' após fechar o pregão anterior no maior patamar desde 1º/ABR/09, influenciado pelos leilões de venda do BC, que quer segurar a inflação, e pela provável melhora do ''humor'' na Bovespa.

 

ONTEM

-    BOVESPA –1,3%, abriu em alta, para na máxima avançar 0,9%, porem logo passou a cair e fechou em baixa, dando continuidade ao movimento de venda iniciado na segunda-feira, com destaques de queda para os papéis da Vale (-1,9%), da CSN (-5,9%) e da Petrobras (-1,3%), que foram a porta de saída dos estrangeiros que preferiram aguardar a decisão do Fed (''Copom'' dos EUA) em segurança.

-    DÓLAR 0,4% à R$ 2,28, abriu em queda, para na mínima recuar –0,3%, porem logo passou a subir, para novamente fechar o dia no maior patamar 1º/ABR/09, acompanhando a trajetória internacional da moeda norte-americana e com investidores retirando recursos do país no mercado à vista.

-    Na ÁSIA, recuperando perdas recentes, JAPÃO 1,5%, encerrando uma série de 4 sessões seguidas de perdas, uma vez que um dólar mais forte e busca por pechinchas ajudaram as exportadoras, CHINA 0,7%, ''animada'' diante da decisão do Banco do Povo da China de voltar a injetar liquidez no sistema financeiro do país e CORÉIA 0,9%, acompanhando o movimento de alta das demais bolsas da região.

-    Na EUROPA, também recuperando parte de perdas recentes, INGLATERRA 0,2%, FRANÇA 0,4% e ALEMANHA 0,1%, desta vez impulsionadas pelo aumento no índice de sentimento econômico da zona do euro, que atingiu o maior nível em mais de 1 ano, e por bons resultados corporativos, como o da companhia de energia EDF (7,4%) e da Air Liquide (3,5%).

-    Nos EUA, próximas da estabilidade, com poucos negócios e baixa volatilidade, já que o mercado espera da reunião do FED (''Copom'' local) S&P 0,1%, DJ –0,1% e NASDAQ 0,4%, desta vez influenciadas pela divulgação de dados mistos sobre a economia do país.


Economia:

 

Mostrando mais uma vez que, sempre que lhe convém, gosta de mudar as regras no meio do jogo, Mantega, ministro da Fazenda, enviou uma carta ao FMI solicitando que a instituição modifique sua fórmula de cálculo para a dívida bruta brasileira, alegando que o modelo atual aponta para uma dívida bruta do Brasil maior que a considerada pelo BC tupiniquim.

 

Apesar de ser o responsável pela condução da economia do país, o ministério da Fazenda, conduzido pelo criticado e contestado ministro Mantega, será o mais atingidos pelos cortes promovidos semana passada pela equipe econômica do governo, com uma redução de -24,7% do orçamento disponível até então.

 

Mais uma vez mostrando a incompetência da equipe econômica de Dilma, que é comandada pelo ''intocável ministro Mantega'', a economia do setor público para pagar juros da dívida somou R$ 52,2bi no primeiro semestre deste ano, o que representa uma queda de -20,5% na comparação com o mesmo período do ano passado e o menor resultado para o período dos últimos 12 anos.

 

Dando sinais incertos da economia brasileira, (1) em MAI/13 o PIB mensal do Estado de SP apresentou alta de 2,2% na comparação com MAI/12, (2) em JUL/13 o IGP-M ficou em 0,26%, patamar menor que o de JUN/13 (0,75%), e agora acumula uma alta de 5,18% nos últimos 12 meses e (3) em JUN/13 o consumo de energia elétrica no Brasil subiu 3,1% na comparação com JUN/12.

 

Diante de uma conjunção de fatores, como os protestos no país e a perda de apetite dos investidores internacionais, são cada vez maiores as dificuldades para o andamento do ''megalomaníaco'' projeto do trem-bala ligando Campinas – SP e RJ, lançado em 2007 e cujo leilão, marcado para 13/AGO/13, deve ser novamente adiado.

 

''Nadando de braçadas'' em um setor cuja concorrência é cada dia menor, mesmo com a crise financeira mundial e o ''marasmo'' na economia brasileira, a soma do lucro dos 3 maiores bancos privados do Brasil (Itaú, Bradesco e Santander) nos primeiros 6 meses de 2013 atingiu estratosféricos R$ 16,2bi, o que prova que eles continuam sendo uma azeitada máquina de gerar lucros.

 

-    O Itaú subiu 0,8%, após anunciar um lucro líquido recorrente de R$ 3,6bi no segundo trimestre deste ano, resultado 1% superior ao registrado em igual intervalo do ano passado e em linha com a previsão do ''mercado'' (lucro de R$ 3,6bi).

-    A TAMM caiu –5,6%, após anunciar que vai demitir até mil empregados como tentativa para contornar as pressões de custos provocadas pela alta do dólar e do combustível.


Política:

 

Com o objetivo de recuperar a ''fidelidade'' da base aliada e assim tentar reduzir os riscos de derrota em votações prometidas para AGO/13, Dilma resolveu mexer no "bolso" e autorizou a liberação de R$ 6bi em emendas feitas por deputados e senadores ao Orçamento da União.

 

Ao avaliar as possibilidades e dificuldades das eleições presidenciais de 2014, o petista Tarso Genro, que é governador do RS, afirmou ontem que no ano que vem a aliança com o PMDB será um problema e não uma solução para o partido de Lula.

 

Apesar do discurso hipócrita de redução dos gastos Congresso Nacional dos peemedebistas Henrique Eduardo Alves, presidente da Câmara, e Renan Calheiros, presidente do Senado, na comparação entre os 6 primeiros meses deste ano e o mesmo período de 2012 a Câmara dos Deputados aumentou suas despesas em R$ 130mi e o Senado registrou aumento de despesas de R$ 7,5mi.


Crítica:

 

Indicando que trata as pessoas ''como lixo'', o governo britânico deu início a uma criticada campanha que usa carros que circulam com anúncios pelas ruas de Londres pedindo que imigrantes irregulares "vão para casa ou enfrentem a prisão".

 

Apesar de ganhar um salário bruto de R$ 26.723, que é o teto do funcionalismo público, Joaquim Barbosa, presidente do Supremo Tribunal Federal, comprou em 2012, por cerca de R$ 700mil (mais de 26 vezes seu salário), um apartamento em Miami, na Flórida, usando uma empresa criada em seu nome, o que agora está sendo questionado e investigado pela Ordem dos Advogados do Brasil.


PAZ, amor e bons negócios;

Alfredo Sequeira Filho


O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer critica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alcabi@uol.com.br


Conheça e indique nosso Blog http://relatoriobrasil.blogspot.com

Conheça e indique minha página no Facebook http://facebook.com/Alfredosequeirafilho


Nenhum comentário:

Postar um comentário