R.B. 3/FEV/12 ''Otimismo acima da média do mercado''


R.B.

"Otimismo acima da média do mercado"

 

São Paulo, 3 de fevereiro de 2012 (SEXTA-FEIRA).


Mercados:

 

HOJE

-    A BOVESPA deve seguir em alta, desta vez beneficiada pelos sinais de que a taxa básica de juros deve seguir em queda e de que neste ano de 2012 a economia brasileira crescerá mais do que em 2011.

-    O DÓLAR pode voltar a cair, rumo aos R$ 1,70, influenciado pelo ainda elevado patamar da taxa real de juros da economia brasileira (4,5% ao ano) e pela ''crescente e cantante'' entrada de recursos externos oriundos de exportações, captações e ''investimentos'' .

 

ONTEM

-    BOVESPA 0,1%, abriu em queda, para na mínima recuar -0,5%, porem, em mais um dia com bom volume de negócios (R$ 8bi), passou a subir na parte da tarde e fechou em leve alta, com a baixa de ações de peso como OGX (-2,6%) e Petrobras (-1,7%) contrastando com a valorização de papéis dos setores imobiliário e financeiro.

-    DÓLAR -0,7% à R$ 1,722, já abriu em queda e, com o ''mercado'' testando os ''limites'' do BC, manteve a trajetória descendente ao longo de todo pregão, para fechar o dia no menor patamar desde 31/OUT/11.

-    Na ÁSIA, acompanhando o bom desempenho as demais bolsas mundiais no dia anterior, JAPÃO 0,8%, CORÉIA 1,3% e CHINA 1,7%, com dados encorajadores do setor manufatureiro mundial aliviando temores sobre os efeitos da crise da zona do euro.

-    Na EUROPA, nos maiores patamares dos últimos 6 meses, INGLATERRA 0,1%, FRANÇA 0,3% e ALEMANHA 0,6%, com destaques de alta para a mineradora Xstrata (9,9%) e para a operadora de commodities Glencore (6,9%), após a confirmação de que as duas companhias estão em negociações para criarem um grupo que combinado valerá mais de US$ 79bi.

-    Nos EUA, em um dia com poucas oscilações, S&P 0,1%, DJ -0,1% e NASDAQ 0,4%, com os papéis de tecnologia impulsionados pelos grandes lucros divulgados pela fabricante de chips Qualcomm, cujas ações avançaram 2,0%, porem em compasso de espera antes da divulgação do relatório sobre geração de empregos.


Economia:
 
Mostrando um ''otimismo acima da média do mercado'', Tombini, presidente do BC, afirmou ontem que a economia brasileira deve crescer mais em 2012 ante o ano passado, ajudada principalmente por mais reduções na taxa básica de juros, ressaltando que isto não vai colocar em risco a meta de inflação, que é de cerca de 4,5%.
 
Ajudando, e muito, a fazer a bolsa brasileira acumular uma alta de 11,1% no primeiro mês do ano, em JAN/11 a entrada de recursos externos na Bovespa totalizou R$ 7,2bi, o que representa um recorde mensal desde a implementação do Real no Brasil, em JUL/94.
 
Se internacionalizando cada dia mais, ontem a BM&FBovespa informou que, a partir de 7/FEV/12, terá início a negociação de 10 recibos de ações de empresas norte-americanas que serão emitidos pelo Citibank, como Dell, Ford, LinkedIn, Netflix, Philip Morris e Verizon.
 
Com o Brasil ''caminhando à passos largos'' para se tornar o ''celeiro do mundo'', no ano passado as vendas de fertilizantes no mercado brasileiro, impulsionadas pela valorização dos preços das commodities, atingiram a marca recorde de 28,3 milhões de toneladas, o que representa uma alta de 15,5% sobre 2010.
 
-    A Gafisa subiu 5,9%, após confirmar os ''rumores'' de que recebeu uma proposta de compra do megainvestidor americano Sam Zell e da brasileira GP Investimentos.
Política:
 
Após ser publicado um vídeo no qual dizia que o governador petista Agnelo Queiroz, do DF, deixaria o cargo "num camburão da Polícia Federal", Onofre Moraes, diretor-geral da Polícia Civil, pediu exoneração do cargo e anunciou que vai se aposentar.
 
Diante da divulgação de que Luiz Felipe Denucci Martins, ex-presidente da Casa da Moeda, recebeu propina de fornecedores por meio de depósitos em contas no exterior, a oposição e até integrantes do PMDB defenderam ontem a convocação no Congresso do ministro da Fazenda, Guido Mantega.
 
Para ganhar a ''simpatia'' dos petistas e poder indicar um vice na chapa de Haddad, ontem Kassab, prefeito de SP, propôs a cessão de um terreno público para a construção do Instituto Lula, no centro da capital.
 
Sem falar em melhoria nas condições de trabalho, em aumento de salário e em valorização profissional, Mercadante, antes mesmo de anunciar sua equipe no Ministério da Educação, prometeu distribuir, no segundo semestre deste ano, até 600 mil tablets para professores da rede pública urbana de ensino médio.

Crítica:
 
Mostrando que ainda tem um pouco de ''vergonha na toga'', ontem a maioria dos ministros do Supremo Tribunal Federal decidiu manter os poderes de investigação do Conselho Nacional de Justiça, em uma decisão que reconheceu a autonomia do órgão em abrir investigações contra magistrados sem depender de corregedorias locais.

PAZ, amor e bons negócios;

Alfredo Sequeira Filho


O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer critica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alcabi@uol.com.br

Conheça e indique nosso Blog http://relatoriobrasil.blogspot.com
Conheça e indique minha página no Facebook http://facebook.com/Alfredosequeirafilho

Nenhum comentário:

Postar um comentário