R.B. 20/DEZ/11 ''As raposas para tomar conta das raposas''


R.B.

"As raposas para tomar conta das raposas"

 

São Paulo, 21 de dezembro de 2011 (TERÇA-FEIRA).


Mercados:

 

HOJE

-    A BOVESPA pode cair, acompanhando a nova piora do ''humor'' nas demais bolsas mundiais, podendo inclusive testar o ''suporte'' dos 55.000pts, porem deve-se ressaltar que os ativos brasileiros estão baratos, o que poderia atrair os investidores assim que o cenário externo se acalmar.

-    O DÓLAR deve voltar a subir, acompanhando as prováveis perdas na Bovespa e com o ''mercado testando os limites do BC'', porem deve-se ressaltar que o fluxo positivo de recursos externos deve manter a tendência de baixa da moeda norte-americana em 2012.

 

ONTEM

-    BOVESPA -1,4%, como nos 2 últimos pregões abriu em alta, para na máxima avançar 0,4%, porem também como nos 2 últimos pregões passou a cair na parte da tarde e fechou na mínima do dia, seguindo mais uma piora do ''humor'' nas demais bolsas mundiais.

-    DÓLAR -0,5% à R 1$86, abriu em queda, para na mínima atingir R$ 1,85, porem passou a subir na parte da tarde, também acompanhando a piora do ''humor'' nas demais bolsas mundiais diante da crise da dívida soberana na Europa.

-    Na ÁSIA, prejudicadas pelo aumento da aversão a risco, causado pela morte do líder da Coréia do Norte, Kim Jong-il, JAPÃO -1,3%, CORÉIA -3,4% e CHINA -0,3%, com destaques de queda para ações de empresas de commodities, com investidores evitando ativos de maior risco em favor da segurança do dólar.

-    Na EUROPA, recuperado uma pequena parte das perdas da abertura, para fecharem próximas da estabilidade e sem uma tendência comum, INGLATERRA -0,4%, FRANÇA 0,1% e ALEMANHA -0,5%, em meio a um menor volume de negócios, com as mineradoras entre as maiores baixas após fracos dados sobre o setor imobiliário chinês alimentarem preocupações com a demanda.

-    Nos EUA, revertendo uma abertura positiva, S&P -1,2%, DJ -0,8% e NASDAQ -1,3%, com as perdas aceleradas na reta final da jornada depois que os ministros de Finanças da eurozona não foram capazes de fechar um acordo para aumentar até 200 bilhões de euros as contribuições para o FMI apoiar os países da região em problemas.


Economia:
 

Ressaltando que a inflação está sob controle, ontem Dilma afirmou que a política monetária adotada pelo governo federal permite margem de manobra, principalmente em relação aos juros, e ''prometeu'' que o país terá crescimento econômico acompanhado de estabilidade.

 

Mostrando pessimismo, o ''mercado'' reduziu (1) pela quarta semana consecutiva, desta vez de 2,97% para 2,92%, sua projeção para o crescimento do PIB neste ano, e (2) de 5,42% para 5,39%, suas estimativas para o IPCA de 2012.

 

Após uma longa negociação, que teve a simbólica e importante recusa da Inglaterra em participar, ontem os países da zona do euro concordaram em enviar um reforço ao FMI de 150 bilhões de euros para ajudar as economias mais frágeis da União Monetária e agora estão à espera de outros 50 bilhões de euros, que podem ser concedidos por outros países.

 

Alertando, em uma mensagem clara para a Inglaterra, que o problema é de todos, Christine Lagarde, diretora-gerente do FMI, afirmou que a severidade da crise e a dificuldade que os europeus possuem para geri-la criarão uma onda que atingirá todas as economias do mundo.

 

Cada dia mais importante e influente no cenário econômico mundial, o que ajuda a atrair investimentos produtivos de empresas estrangeiras, o Brasil elevou de 1,3% em 2006 para prováveis 5,4% em 2011 o percentual dos recursos aplicados por multinacionais em todo o mundo.

 

Para lucrar com o enorme crescimento do número de brasileiros que declaram Imposto de Renda, que em 2011 foram 24,4 milhões, o que representa um crescimento de 57% na comparação com 2002, a gigante norte-americana de contabilidade H&R Block, que promete fazer as declarações para os clientes de forma a aumentar a restituição, diminuir o valor a ser pago e evitar a malha fina,  inicia operações no Brasil no começo de 2012.

 

Com cada dia mais celulares do que pessoas, segundo a Anatel o Brasil terminou o mês de NOV/11 com 236,08 milhões de acessos na telefonia móvel, o que representa um crescimento de 19,51% em relação ao mesmo mês de 2010.

 

Mesmo sem a infraestrutura adequada, o Brasil vai fechar 2011 com um recorde de 5,4 milhões de turistas estrangeiros, número que supera ligeiramente o recorde anterior, de 5,35 milhões de turistas registrado em 2005.

 

-    A Gafisa desabou -13,0%, diante de preocupações dos investidores sobre seu endividamento.


Política:
 
Pressionado, o deputado petista Vicente Cândido, relator da Lei Geral da Copa, alterou novamente seu parecer e defenderá agora a suspensão do direito a meia-entrada dos idosos durante os eventos da Fifa, a Copa das Confederações em 2013 e a Copa do Mundo em 2014, em troca da inclusão deles na chamada "cota social" da venda de ingressos.
 
Abandonado pelo governo e até pela oposição, que passou a alvejar o ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Fernando Pimentel, o ministro das Cidades, Mário Negromonte, ganhou uma sobrevida, com o apoio recebido de 38 deputados de seu partido, o PP.
 
Sentindo-se subrepresentado na Esplanada e descontente com o papel desempenhado dentro do governo, o PMDB tem afinado discurso para, após as férias que Dilma terá neste final de ano, finalmente cobrar a fatura da sociedade eleitoral que deu 55 milhões de votos à presidenta.

Crítica:
 
Colocando ''as raposas para tomar conta das raposas'', Marco Aurélio Mello, primo de Collor e Ministro do Supremo Tribunal Federal, suspendeu o poder "originário" de investigação do Conselho Nacional de Justiça contra magistrados, determinando que o órgão só pode atuar após as corregedorias locais.
 
''Coincidentemente'' 1 dia após o exercito dos EUA finalmente deixar o Iraque, poder judiciário do país emitiu um mandado de prisão contra Tariq al-Hashimi, que é um dos dois vice-presidentes do país, é muçulmano da corrente sunita e foi acusado de comandar atos de terrorismo.

PAZ, amor e bons negócios;

Alfredo Sequeira Filho


O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer critica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alcabi@uol.com.br

Conheça e indique nosso novo Blog ( http://relatoriobrasil.blogspot.com )

Nenhum comentário:

Postar um comentário