R.B. 18/AGO/11 ''Volta barbudo''


R.B.

"Volta barbudo"

 

São Paulo, 18 de agosto de 2011 (QUINTA-FEIRA).


Mercados:

 

HOJE

-    A BOVESPA deve voltar a subir, ainda recuperando as perdas acumuladas no mês (-6,4%), diante das ''apostas'' de que (1) Obama lançará um pacote econômico para incentivar a geração de empregos e ao mesmo tempo fazer cortes no Orçamento e (2) o BC brasileiro não subirá mais a taxa básica de juros e até pode começar a pensar em abaixa-lá nos próximos 6 meses.

-    O DÓLAR pode seguir em queda, rumo aos R$ 1,55, novamente acompanhando a melhora do ''humor'' na Bovespa e o fluxo positivo de recursos externos oriundos de exportações, captações e ''investimentos''.

 

ONTEM

-    BOVESPA 1,4%, abriu ''de lado'', para na mínima recuar –0,9%, porem, descolando-se do comportamento das demais bolsas mundiais, passou a subir na parte da tarde e fechou no maior patamar do dia (aos 55.073pts), com bom volume de negócios (R$ 24,2bi), beneficiada pela valorização das commodities e ainda em um movimento de ''caça de barganhas'' diante da constatação de que o mercado brasileiro esta bem depreciado.

-    DÓLAR –0,4% à R$ 1,58, abriu em queda e, mostrando que já passou o ''pânico inicial'' com os indícios de uma nova recessão nos EUA, manteve a trajetória descendente ao longo de todo pregão, mesmo com os leilões de compra do BC, seguindo o crescente  fluxo positivo de recursos externos para ''investimentos'' na maior taxa real de juros do planeta (cerca de 6,8% ao ano).

-    Na ÁSIA, sem uma tendência única, JAPÃO -0,6%, pressionada pelas fabricantes de peças e chips de computador, como Elpida Memory (-3,9%) e Renesas Electronics (-2,7%), depois que a Dell rebaixou sua meta de faturamento para o ano, CHINA –0,3%, em ligeira baixa pelo segundo pregão seguido, com o retorno das preocupações sobre a inflação, após o banco regulador do país informar que a previsões para a inflação de AGO/11 seguem incertas e as pressões inflacionárias permanecem altas e CORÉIA 0,7%, com a presença dos ''caçadores de barganhas'' em vários setores, após os fortes recentes declínios recentes.

-    Na EUROPA, revertendo uma abertura negativa, INGLATERRA 0,5%, FRANÇA 0,7% e ALEMANHA 0,8%, após companhias do setor varejista dos EUA apresentarem resultados relativamente fortes referentes ao segundo trimestre, diminuindo parcialmente a preocupação com a recuperação da economia do país.

-    Nos EUA, com alguma volatilidade e sem uma tendência única, S&P 0,1%, DJ 0,1% e NASDAQ –0,4%, com destaques de alta para ações de empresas ligadas ao setor de consumo, como Target (2,4%), American Express (2,2%) e Verizon (2,1%), e destaques de queda para as empresas do setor de tecnologia, como Dell (-10,1%), Hewlett-Packard (-3,7%) e Google (-1,1%).


Economia:
 
Diante da maior atratividade do Brasil para o paradeiro do capital, nos 6 primeiros meses deste ano os empréstimos de filiais brasileiras às matrizes subiram 155%, chegando a US$ 4bi, já as amortizações das filiais referentes a supostos empréstimos feitos pela matriz aumentaram 179% no período, totalizando US$ 14bi.
 
''Apostando no Brasil'', segundo Hans Lin, diretor de banco de investimentos do BofA Merill Lynch, a turbulência dos mercados globais retardou, mas não desfez os planos de grandes empresas brasileiras de captar recursos com ofertas de ações, ressaltando que seu banco já tem vários mandatos que somados podem chegar a US$ 20bi.
 
Mostrando mais uma vez que, diferente das pessoas físicas brasileiras, os ''gringos'' compram na baixa e vendem na alta, segundo o BC na semana passada, quando a Bovespa despencou, a entrada de dólares no país superou a saída em US$ 4bi, com destaque para a entrada de US$ 1,5bi no dia 9/AGO/11, 1 dia depois da queda de 8% da Bolsa brasileira.
 
Podendo incentivar o Copom a começar a pensar em reduzir a Selic, (1) o Índice de Clima Econômico, que é auferido pela FGV e que é bom ressaltar foi auferido antes do rebaixamento da ''nota'' dos EUA, recuou de 5,9pts em ABR/11 para 5,8pts em JUL/11, patamar abaixo da média histórica dos dez últimos anos (6,0pts) e (2) em JUN/11 o índice de atividade econômica do BC, que mede o movimento da economia e é uma espécie de prévia do PIB, apresentou a primeira baixa desde DEZ/08, recuando -0,26% na comparação com MAI/11.
 
Com o objetivo inicial de ajudar reduzir o déficit brasileiro no setor e o objetivo futuro de transformar o Brasil numa potência energética, a empresa Nova Fronteira Bioenergia, que é fruto de uma joint venture entre a Petrobras e do grupo São Martinho, anunciou que investirá R$ 520mi para ampliar a moagem de cana da usina Boa Vista, de Goiás, dos atuais 2,35mi de toneladas para 8mi de toneladas, gerando mais 3.000 empregos diretos e tornando a referida usina a maior do mundo.
 
Usando uma ''acusação sem provas'' para defender seus produtores locais, ontem o governo russo, em meio a uma negociação para acabar com o embargo às exportações de carnes de frigoríficos do Rio Grande do Sul, Paraná e de Mato Grosso, divulgou uma nota dizendo que o nível de controle veterinário brasileiro tem "diminuído inaceitavelmente.

Política:
 
Massacrado por denuncias de corrupção e trafico de influencia, Wagner Rossi, ministro da Agricultura, pediu demissão alegando que é inocente, que nenhuma das acusações contra ele foi comprovada e que os ataques contra ele visam a destituição da aliança de apoio à presidenta Dilma e ao vice-presidente Michel Temer.
 
Diante do movimento ''volta barbudo'', lançado timidamente pelos parlamentares descontentes com a truculência de Dilma, Lula fez chegar a líderes petistas a avaliação de que julga um "tiro no pé" debater agora a sucessão de 2014 e que o PT deve se preocupar no momento com as eleições municipais de 2012.
 
Apesar de nascer desacreditada por alguns colegas, a frente suprapartidária de combate à corrupção e à impunidade lançada no Senado pelo peemedebista Pedro Simon, na última segunda-feira, terá sua primeira reunião oficial na próxima terça-feira, na Comissão de Direitos Humanos.

Crítica:
 
Confirmando o poder das redes sociais, a loja de roupas caras Zara, acusada de contratar empresas que exploram o trabalho escravo em SP, é alvo de milhares de protestos de consumidores brasileiros indignados com as referidas denuncias pelo Twitter e no perfil oficial da marca no Facebook.
 
Mostrando mais uma vez que ''as raposas estão tomando conta do galinheiro'', a SEC, que é o ''xerife'' do mercado financeiro norte-americano, está sendo acusada por um senador norte-americano de ter destruído milhares de documentos relativos a investigações de supostas fraudes e desvios de fundos.

PAZ, amor e bons negócios;

Alfredo Sequeira Filho


O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer critica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alcabi@uol.com.br

Conheça e indique nosso novo Blog ( http://relatoriobrasil.blogspot.com )

Nenhum comentário:

Postar um comentário