R.B. 25/AGO/10 ''Os problemas são externos''

--------------------------------------------------------------------------------
R.B.

"Os problemas são externos"

São Paulo, 25 de agosto de 2010 (QUARTA-FEIRA).
--------------------------------------------------------------------------------
Mercados:

HOJE
- A BOVESPA pode subir, ''respeitando o suporte'' dos 65.000pts e tentando uma recuperação após 4 pregões consecutivos de baixa, diante dos sinais positivos da economia interna, que inclusive corroboram com a tese de que a taxa básica de juros não subirá mais este ano.
- O DÓLAR deve voltar a cair, dando seqüência à sua ''trajetória natural'' e ainda com ''boas chances'' de fechar o mês abaixo dos R$ 1,75, já que o bom desempenho da economia brasileira e o alto patamar da taxa real de juros (5,8%) deve continuar a atrair recursos externos.

ONTEM
- BOVESPA -1,2%, já abriu em queda e, mais uma vez com baixo volume de negócios (R$ 4,9bi), manteve a trajetória negativa ao longo de todo pregão, acompanhando as perdas das bolsas de NY e o recuo dos preços das commodities, para fechar no suporte dos 65.000pts.
- DÓLAR -0,1% à R$ 1,76, abriu em alta, para na máxima atingir R$ 1,78, porem, confirmando que ''os problemas são externos'', perdeu forças e passou a cair no final do pregão, influenciado pela manutenção do fluxo positivo de recursos externos.
- Na ÁSIA, sem uma tendência única, JAPÃO -1,3%, no menor nível dos últimos 15 meses, já que a valorização da moeda local (o iene) frente ao dólar provocou forte movimento de vendas com ações de empresas exportadoras, como Sony (-3,7%) e Nikon (-4,1%), CHINA 0,4%, estimulada pela valorização dos papéis do setor imobiliário, após uma pesquisa mostrar a recuperação das compras de imóveis na semana passada, apesar das medidas de contenção adotadas por Pequim e CORÉIA -0,4%, com destaques de queda para ações de grandes empresas como Hynix (-2,6%) e Hyundai Motor (-1,5%).
- Na EUROPA, ''ajustando-se'' às perdas das bolsas de NY no dia anterior, INGLATERRA -1,5%, FRANÇA -1,7% e ALEMANHA -1,3%, já que os receios sobre o vigor e a sustentabilidade da recuperação econômica continuam a incomodar os investidores, mesmo após as divulgações de que (1) em JUN/10 as encomendas à indústria nos 16 países da zona do euro cresceram 2,5% na comparação com MAI/10 e 22,6% em relação a JUN/09 e (2) na Alemanha o PIB cresceu 2,2% no segundo trimestre.
- Nos EUA, nos menores patamares das ultimas 7 semanas, S&P -1,4%, DJ -1,3% e NASDAQ -1,7%, já que o anuncio de que as vendas de residências usadas caíram -27,2% em JUL/10 endossou as preocupações de que a recuperação econômica está ainda mais fraca que se imaginava.
--------------------------------------------------------------------------------
Economia:

Reforçando as ''apostas'' de que a Selic não deve mais subir este ano, ontem Lula afirmou que a diminuição da taxa básica de juros ocorrerá de forma responsável, principalmente para não gerar inflação.

Já tratando Dilma como a futura presidenta do Brasil, os representantes do Fórum Econômico Mundial estão iniciando os contatos para levar a petista ao encontro anual que a instituição realiza, todos os janeiros, em Davos, justamente aonde Lula fez em 2002 sua primeira apresentação à sociedade internacional.

Dando novos sinais positivos da economia brasileira, (1) registrando o sexto mês consecutivo de expansão, entre JUL/10 e AGO/10 o Índice de Confiança do Consumidor subiu 0,7%, passando de 120 para 120,8pts e (2) impulsionado principalmente pelos financiamentos para a habitação, em JUL/10 o estoque das operações de crédito do sistema financeiro cresceu 1,2% ante JUN/10, acumulando com isto uma alta de 9,4% no ano e de 18,4% em 12 meses.

Mostrando, pela enésima vez, como é bom e fácil ganhar dinheiro com banco no Brasil, segundo um importante indicador de solidez, o capital próprio de Itaú, Bradesco, BB e Caixa Econômica Federal aumentou em média 68% em 2009, crescimento que foi mais do que 3 vezes superior à expansão média de 14,5% dos 30 maiores bancos do mundo ordenados pelo valor de seu capital próprio.

Afastando cada dia mais os ''temores'' de inflação de demanda, em JUL/10 o índice que mede a produção industrial ficou em 53,4pts, ante 51,8pts em JUN/10, já o índice que mede a utilização da capacidade instalada ficou um pouco abaixo do que é usualmente registrado para meses de JUL/10, situando-se aos 49,1pts, e, pela primeira vez no ano, os estoques da indústria situaram-se acima do nível planejado.

Mostrando que a inflação está ''comportada'', o IPC da terceira quadrissemana de AGO/10 ficou em 0,21%, patamar ligeiramente maior que a previa anterior (0,20%) e ligeiramente menor que a média das ''apostas do mercado'' (0,22%).

Apoiando e estimulando cada dia mais o crescimento daquilo que o Brasil faz de melhor, o Banco do Brasil prevê aplicar R$ 42bi na safra 2010/2011, já iniciada, montante 20,7% maior do que na safra anterior.

Se tornando uma das maiores ''pechinchas'' da atualidade, a Petrobrás, prejudicada pelas indefinições sobre sua capitalização, é a empresa de capital aberto que registrou a maior queda nominal de valor de mercado ao longo deste ano, já que até a ultima segunda-feira seu valor em bolsa caiu US$ -56,2bi, o que representa um recuo de -28,2% no período.

- A Vale caiu -2,3% e, após o fechamento do pregão, foi anunciado que a empresa entrou para a lista de empresas inadimplentes com órgãos e entidades federais, podendo assim enfrentar restrições para financiamentos públicos e licitações.
- A Embraer caiu -3,9%, após o anuncio de que um avião da empresa sofreu um acidente na cidade chinesa de Yichu deixando ao menos 43 mortos.
--------------------------------------------------------------------------------
Política:

Confirmando mais uma vez que ''a batata dos tucanos está assando'', segundo a ultima pesquisa divulgada, Dilma, beneficiada pelos programas na TV em que aparece ao lado de Lula, subiu de 41,6% para 46,0%, Serra, prejudicado pela falta de discurso e abandonado pelos ''companheiros'', caiu de 31,6% para 28,1%, e Marina, com pouco tempo na TV e também enfrentando ''fogo amigo'', caiu de 8,5% para 8,1%.

Apesar de não confirmados e até refutados por caciques como Temer, vice de Dilma, faltando ainda 39 dias para as eleições presidenciais, os partidos que apóiam Dilma já falam abertamente na divisão dos "lotes" em um eventual governo da petista e o apetite pela "partilha do pão" inclui até parte do PTB, que apóia oficialmente o candidato tucano, e o PP, que a apóia extraoficialmente a petista.

Apesar de saberem que o primeiro ano de governo é reservado para as ''maldades necessárias'', Serra e Dilma, no auge da campanha eleitoral, negam o que muito provavelmente está nos seus planos para 2011, o ajuste fiscal, que equivale, na prática, ao reordenamento das finanças federais para acomodar as prioridades de um projeto novo para o país.

Em uma disputa apertada que, se tudo der certo, pode afastar um cangaceiro do poder por mais 4 anos, em Alagoas 3 candidatos a governador tem chances de vitória, Ronaldo Lessa, do PDT, aparece com 29% das intenções de voto, tecnicamente empatado com Fernando Collor, do PTB, que tem 28%, que por sua vez está muito próximo de do governador Teotônio Vilela Filho, do PSDB, candidato à reeleição que tem 24% das preferências.
--------------------------------------------------------------------------------
Crítica:

Como fruto dos abacaxis que herdou, como a crise financeira e a guerra no Iraque, e ainda não descascou, Obama, pela primeira vez desde que assumiu o cargo mais importante do mundo, tem a rejeição de 52% dos norte-americanos e, para piorar, um patamar maior, de 62%, apontaram que o país está no rumo equivocado.
--------------------------------------------------------------------------------
PAZ, amor e bons negócios;
Alfredo Sequeira Filho
--------------------------------------------------------------------------------
O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer critica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alcabi@uol.com.br
--------------------------------------------------------------------------------

Nenhum comentário:

Postar um comentário