R.B. 19/MAI/10 ''Ainda não se mancou''

--------------------------------------------------------------------------------
R.B.

"Ainda não se mancou"

São Paulo, 19 de maio de 2010 (QUARTA-FEIRA).
--------------------------------------------------------------------------------
Mercados:

HOJE
- A BOVESPA deve abrir em queda, ''testando o suporte'' dos 60.000pts, porem, diante da manutenção das perspectivas positivas para a economia brasileira, pode reverter a trajetória inicial e fechar em alta, em um movimento de ''caça de barganhas'' após acumular perdas de -9,9% no mês, de -12,4% nos últimos 30 dias e de -11,3% no ano.
- O DÓLAR pode seguir em alta, acompanhando a tendência internacional da moeda norte-americana, porem ainda deve-se ressaltar que a tendência é de baixa diante do elevado patamar da taxa real de juros da economia brasileira (cerca de 4,5%).

ONTEM
- BOVESPA -3,2%, abriu em alta, para logo atingir a máxima do dia avançando 0,9%, porem, acompanhando a piora do ''humor'' nos mercados externos, passou a cair ainda na parte da manhã, para fechar no menor patamar desde OUT/09 (aos 60.841pts), também influenciado pela desvalorização das commodities.
- DÓLAR 0,6% à R$ 1,82, abriu em queda, para na mínima atingir R$ 1,78, porem também influenciado pela piora do cenário externo reverteu a trajetória e passou a subir, também influenciado pela forte elevação do risco-Brasil (7,8%).
- Na ÁSIA, JAPÃO 0,1%, com a valorização do euro inspirando compras de ações das empresas de alta tecnologia, como Sony (0,6%) e Fanuc (1,5%), CHINA 1,4%, tentando uma recuperação após fechar no menor patamar em mais de 1 ano, com destaque positivo para ações de empresas do setor imobiliário, como China Vanke (7,2%) e Poly Real Estate (7,9%) e CORÉIA -0,5%, com destaques negativos para as exportadoras Hynix Semiconductor (-3,6%) e LG Display (-3,9%).
- Na EUROPA, seguindo a abertura positiva das bolsas de NY, para fecharem em alta pela 1ª vez em 3 sessões, INGLATERRA 0,9%, FRANÇA 2,1% e ALEMANHA 1,5%, puxadas pelas ações de empresas energéticas e de recursos básicos, diante da valorização dos contratos futuros de petróleo e de cobre.
- Nos EUA, revertendo uma abertura positiva, S&P -1,4%, DJ -1,1% e NASDAQ -1,6%, diante dos ''temores'' de que o fortalecimento da regulação financeira afete o desempenho das ações de bancos, que segundo projeções iniciais poderiam ter um redução de até -20% em seus lucros.
--------------------------------------------------------------------------------
Economia:

Durante um discurso em uma conferência sobre a economia brasileira em Madri, na Espanha, Mantega, ministro da Fazenda, ''avisou'' que os principais países emergentes, Brasil, Rússia, Índia e China (os BRICs), representarão 2/3 da economia mundial nos próximos 5 anos.

Ressaltando que o nível de utilização da capacidade instalada da indústria brasileira já chegou próximo aos níveis máximos e que o desemprego no Brasil hoje está menor do que antes da crise de 2008, Affonso Celso Pastore, ex-presidente do BC, ''alertou'' que um crescimento da economia brasileira acima de 7% traria problemas inflacionários ao país e avisou que o aperto monetário com a elevação da taxa básica de juros vai continuar por alguns meses.

Para se adequar às ''apostas'' dos bancos e do governo brasileiro, ontem o FMI ''avisou'' que pode elevar sua projeção de crescimento do PIB brasileiro em 2010, atualmente em 5,5%, ressaltando que o Brasil será um dos motores da recuperação econômica global e que é necessário que o país eleve seu nível de investimentos para que consiga manter um crescimento sustentado e promover reformas estruturais.

Dando novos sinais positivos da economia brasileira, (1) em ABR/10 o país teve uma arrecadação de R$ 70,9bi em impostos e contribuições, patamar bem acima das projeções do mercado (R$ 67bi) e (2) em ABR/10 a produção siderúrgica do Brasil foi 56,6% maior que em ABR/09.
--------------------------------------------------------------------------------
Política:

Mostrando que o presidente do Brasil acredita que ''tudo vale a pena quando a multa é pequena'', o TSE multou pela terceira vez Lula, desta vez em R$ 5.000,00, por propaganda eleitoral antecipada em favor de sua pré-candidata Dilma durante seu discurso na inauguração de prédios em uma Universidade Federal de MG.

Conforme já se esperava, principalmente depois que Meirelles permaneceu na presidência do BC, o deputado paulista Michel Temer, do PMDB, foi o escolhido pela Executiva de seu partido para ser o vice de Dilma, pré-candidata do PT à Presidência.

Diante da pressão da opinião publica, principalmente da TV Globo, um acordo de líderes poderá viabilizar a votação ainda hoje, no Senado, do projeto do Ficha Limpa, que proíbe o registro de candidatos condenados em segunda instância.

Confirmando mais uma vez que é um ''escudeiro fiel'', Kassab, prefeito de SP, está usando as inserções de rádio do DEM para fazer propaganda indireta ao seu ''patrão'' Serra, pré-candidato do PSDB à Presidência.

Confirmando a solidez de seus princípios democráticos, Marina, pré-candidata do PV à Presidência, se disse contrária à descriminalização da maconha e ao aborto, mas defendeu a realização de plebiscitos para que a população decida qual deve ser a regulação sobre os assuntos.
--------------------------------------------------------------------------------
Crítica:

A diplomacia brasileira ''ainda não se mancou'', assim como no Iraque, aonde Bush entrou, matou o presidente e assumiu o País, no Irã os EUA querem derrubar o ditador Mahmoud Ahmadinejad, também usando como ''desculpa'' as supostas pretensões nucleares de Teerã, e assim como ocorreu no seu vizinho ao Leste, não adiantam promessas de desarmamento, inspeções da ONU ou até rendição, já que ao que tudo indica, conforme inclusive concordaram recentemente Obama e Putin, os estoques de bombas e armamentos dos norte-americanos e russos estão ''perigosamente cheios'' e pode ser uma questão de tempo para que eles sejam usados.
--------------------------------------------------------------------------------
PAZ, amor e bons negócios;
Alfredo Sequeira Filho
--------------------------------------------------------------------------------
O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer critica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alcabi@uol.com.br
--------------------------------------------------------------------------------

Nenhum comentário:

Postar um comentário