R.B. 29/MAR/10 ''Rotulo de sustentabilidade''

--------------------------------------------------------------------------------
R.B.

"Rotulo de sustentabilidade"

São Paulo, 29 de março de 2010 (SEGUNDA-FEIRA).
--------------------------------------------------------------------------------
Mercados:

HOJE
- A BOVESPA pode subir, acompanhando o movimento ascendente das demais bolsas mundiais e também beneficiada pela provável recuperação das ações da Petrobrás, diante dos esforços para avanço da votação do pré-sal no Congresso Nacional.
- O DÓLAR deve cair, retornando à sua ''trajetória natural'' após 3 dias consecutivos de alta, nos quais atingiu o maior patamar desde 12/FEV/10, influenciado pelo ''crescente e constante'' fluxo positivo de recursos externos.

SEXTA-FEIRA
- BOVESPA 0,3%, abriu em alta, ara na máxima avançar 0,6% e, apesar dos momentos de queda, quando na mínima, pressionada pelas perdas na Petrobrás (-2,0). recuou -0,6%, voltou a subir na ultima hora do pregão, acompanhando o desempenho positivo das bolsas de NY.
- DÓLAR 1,0% à R$ 1,83, já abriu em alta e, pressionado pelos leilões de compra do BC e pela aproximação do final de MAR/10, manteve a trajetória ascendente ao longo de todo pregão, também influenciado pela elevação do risco-Brasil (0,5%).
- Na ÁSIA, diante das reduções das preocupações com a Grécia, JAPÃO 1,6%, no nível mais alto desde o início de OUT/08, com destaques de alta para as exportadoras, como TDK (2,7%) e Tokyo Electron (2,6%), beneficiadas pela desvalorização da moeda local (o iene) frente ao dólar, CHINA 1,3%, impulsionada por fortes balanços do setor bancário e CORÉIA 0,6%, com destaques de alta para as ações da LG Electronics (1,3%) e da Hyundai (0,9%).
- Na EUROPA, recuando das máximas do ano atingidas no pregão anterior, à espera dos detalhes do plano de ajuda à Grécia, INGLATERRA -0,4%, FRANÇA -0,3% e ALEMANHA -0,2%, com destaques de queda para ações dos bancos de Portugal, Espanha, Itália e Irlanda, devido aos seus déficits fiscais relativamente grandes.
- Nos EUA, devolvendo boa parte dos ganhos registrados mais cedo em meio a preocupações geopolíticas depois que um navio sul-coreano afundou, S&P 0,1%, DJ 0,1% e NASDAQ -0,1%, porem sustentadas pelo anuncio de que os líderes da União Européia entraram em acordo para um plano de ajuda à Grécia e por números melhores que o esperado sobre a confiança do consumidor local em MAR/10.
--------------------------------------------------------------------------------
Economia:

Beneficiando-se da desgraça alheia, em 2009 o Brasil, como foi um dos países menos prejudicados pela recente crise mundial, voltou a ser a oitava maior economia do mundo, o que não acontecia desde 1998, no ranking global com o PIB medido em dólares.

''Otimista'' com o desempenho da economia brasileira em 2010, o BNDES, segundo seu vice-presidente Armando Mariante, espera superar a meta de desembolsos deste ano, de R$ 130bi, já que são cada vez maiores as demandas por empréstimos´principalmente em áreas como infraestrutura, máquinas, equipamentos e exportações.

Dando mais um importante sinal de força da economia brasileira, em FEV/10 a arrecadação federal fechou o mês em R$ 53,5bi, resultado que, alem de 13,2% superior ao registrado em FEV/10, é o melhor da série histórica para meses de fevereiro.

Mostrando que o Copom estava correto em não aumentar a Selic neste momento, segundo um estudo da CNI (Confederação Nacional da Indústria), o crescimento do setor industrial segue equilibrado, sem gerar pressões inflacionárias, já que o setor ainda está com o uso de sua capacidade instalada abaixo do normal.

- A Petrobras caiu -2,0%, após o gerente de Relações com Investidores da empresa afirmar que se o Congresso não aprovar a operação para capitalizar a companhia, a será reduzir o plano de investimentos ou lançar ações na Bolsa, provavelmente num montante até US$ 20bi.
--------------------------------------------------------------------------------
Política:

''Animando'' os tucanos, segundo a nova pesquisa de intenção de votos para presidente, aliás a primeira após Serra declarar que será candidato, o governador de SP subiu de 31% para 36%, Dilma caiu de 28% para 27%, Ciro Gomes caiu de 12% para 11% e Marina Silva permaneceu com os 8% da pesquisa anterior.

Hoje o governo Lula preparou um megaevento para lançar o PAC 2, que será a principal bandeira de Dilma, pré-candidata do PT ao Palácio do Planalto que ''coincidentemente'' deixa o governo na próxima quarta-feira para dedicar-se integralmente à campanha presidencial.

Cada vez mais ''fugindo'' das responsabilidades que seu cargo lhe obriga a ter, Lula, obviamente para não entrar em uma ''briga'' que pode prejudicar a campanha de Dilma, afirmou que o debate sobre as divisões dos royalties do pré-sal deve ficar para depois das eleições.

Provavelmente aumentando ainda mais a ''modéstia'' do presidente do Brasil, segundo a ultima pesquisa, 9 meses antes de deixar o governo e em campanha aberta para eleger Dilma, Lula atingiu a sua melhor avaliação desde que assumiu o cargo, em janeiro de 2003, já que 76% da população consideram seu governo ótimo ou bom.

Numa votação acirrada, que mostrou a divisão do partido, o PT do Maranhão decidiu apoiar a candidatura ao governo estadual do deputado federal Flávio Dino, PCdoB, contrariando assim a ''orientação'' de Lula, que preferia apoiar a reeleição da governadora Roseana Sarney.
--------------------------------------------------------------------------------
Crítica:

Em um avanço ainda ''tímido'', que no momento nem merece ser comemorado mas apenas informado, segundo uma pesquisa da FGV em 2009 mais da metade dos negros brasileiros (53,5%) pertenciam à classe média, contra 23,8% em 1993.

Segundo uma pesquisa recente, 83% dos consumidores brasileiros topariam pagar mais por produtos e serviços mais sustentáveis e ecologicamente corretos e, como nos EUA a situação não é diferente, já pensando em ganhar dinheiro com isto a gigante varejista Walmart prepara um ''rotulo de sustentabilidade'' para classificar com notas os produtos de suas prateleiras e gôndolas, dando inclusive mais espaço e maior visibilidade aos produtos com melhores notas.
--------------------------------------------------------------------------------
PAZ, amor e bons negócios;
Alfredo Sequeira Filho
--------------------------------------------------------------------------------
O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer critica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alcabi@uol.com.br
--------------------------------------------------------------------------------

Nenhum comentário:

Postar um comentário