R.B. 3/FEV/10 ''Provocando Obama''

--------------------------------------------------------------------------------
R.B.

"Provocando Obama"

São Paulo, 3 de fevereiro de 2010 (QUARTA-FEIRA).
--------------------------------------------------------------------------------
Mercados:

HOJE
- A BOVESPA pode seguir em alta, tentando fixar o suporte nos 67.000pts e com ''boas chances'' de fechar o mês acima dos 70.000pts, diante das boas perspectivas para a economia brasileira e do provável retorno dos ''gringos'', já que os resultados corporativos e os dados econômicos seguem positivos.
- O DÓLAR deve voltar a cair, ainda devolvendo a forte alta acumulada em JAN/10 (8,3%), seguindo a provável melhora do ''humor'' na Bovespa e a retomada do fluxo positivo de recursos externos oriundos de exportações, captações e ''investimentos''.

ONTEM
- BOVESPA 0,9%, já abriu em alta e, acompanhando a melhora do ''humor'' nas bolsas de NY e a valorização das commodities, manteve a trajetória ascendente ao longo de ''quase'' todo pregão, diante da expectativa de que as empresas continuem a entregar resultados dentro e até acima do previsto.
- DÓLAR -1,7% à R$ 1,83, já abriu em queda e, dando seqüência ao ''ajuste técnico'' após as fortes altas de JAN/10, manteve a trajetória descendente ao longo de todo pregão, seguindo a melhora do ''humor'' na Bovespa.
- Na ÁSIA, sem uma tendência única, JAPÃO 1,6%, com destaques de alta para as ações das montadoras, como Toyota (4,5%), Honda (2,4%) e Nissan (3,5%), CHINA -0,2%, no menor patamar em 2 meses, já que os investidores continuam a se preocupar com possíveis medidas de aperto monetário de Pequim e CORÉIA -0,7%, já que as perdas registradas pelos papéis das montadoras e das empresas de tecnologia superaram os ganhos das siderúrgicas.
- Na EUROPA, seguindo a melhora do ''humor'' nas bolsas de NY, INGLATERRA 0,7%, FRANÇA 1,3% e ALEMANHA 1,0%, com o setor de recursos básicos liderando os ganhos em meio a alta dos preços dos metais e a decisão do BC da Austrália de manter o juro inalterado.
- Nos EUA, em alta pelo segundo dia consecutivo, S&P 1,3%, DJ 1,1% e NASDAQ 0,9%, desta vez beneficiada por resultados corporativos acima do esperado, como os da UPS, da Whirlpool e da Cummins, e por dados econômicos animadores, como o anuncio de que as vendas pendentes de casas cresceram 1% em DEZ/09, revertendo uma queda de 16,4% em NOV/09.
--------------------------------------------------------------------------------
Economia:

Após admitir que o governo será ''obrigado'' a elevar a Selic para manter a inflação dentro da meta (4,5%), Mantega, ministro da Fazenda, ''prometeu'' que em 2010 o Brasil irá gerar em torno de 1,5 milhão de empregos formais.

Indicando novamente que o Brasil está cada dia mais ''no centro do mundo'', Obama, presidente dos EUA, virá ao país até meados do segundo semestre deste ano para assinar um acordo bilateral de cooperação comercial em assuntos controvertidos como etanol e suco de laranja e também para mostrar ao ''companheiro'' Chavez, ditador da Venezuela, e ao ''companheiro'' Mahmoud Ahmadinejad, ditador do Irã, que também é ''companheiro'' de Lula.

Explicando boa parte da queda de -4,7% da Bovespa em JAN/10, no primeiro mês do ano os investidores estrangeiros, embolsando ganhos de 2009 diante da preocupação com um aperto monetário na China e com os problemas fiscais de alguns países da Europa, sacaram R$ -2,1bi da bolsa brasileira, o que representa a maior retirada mensal desde OUT/08 e o primeiro resultado negativo desde JUN/09.

Fazendo a bolsa brasileira ser cada dia menos dependente do ''humor dos gringos'', em JAN/10, mês no qual a fuga de capital estrangeiro foi a maior em 15 meses, a participação do investidor estrangeiro (com 28,0%) no volume financeiro da Bolsa foi superada pelos negócios realizados por investidores institucionais (com 29,4%) e do tipo pessoa física (com 31,5%).

Mostrando que a economia interna está crescendo em um ritmo forte, no dia 1º/FEV/10 o consumo de energia elétrica no Brasil bateu o recorde com uma média de 67,7 Gigawatts, cerca de 26,4% acima da média de consumo de todo o ano de 2009, que foi de 53,3 Gigawatts.

Como fruto do aumento da renda, da queda dos juros e da facilitação do crédito, em 2009 o número de passageiros nos aeroportos brasileiros bateu recorde e, com 56 milhões de desembarques domésticos, acumulou um crescimento de 14,6% ante 2008.

Dando mais um sinal de alta da inflação, o IPC de JAN/10 ficou em 1,34%, patamar bem acima do apurado no mesmo período do mês anterior (0,18%) e o que representa a maior alta mensal desde FEV/03.

- A Whirlpool subiu 2,4%, após sua matriz norte-americana anunciar que no quarto trimestre de 2009 seu lucro líquido que bateu a previsão dos analistas e mais que dobrou na comparação com o mesmo período de 2008.
--------------------------------------------------------------------------------
Política:

Mostrando que não é tão refém de Lula como se pensava, Ciro ''avisou'' que continua disposto a disputar a Presidência da República, que só deixará de ser candidato ao Palácio do Planalto se o seu partido assim quiser e que está descartada de ser candidato ao governo de SP.

Aumentando consideravelmente o risco de cassação de mandato já em primeira instância, segundo um laudo técnico contábil da Justiça Eleitoral de SP 33% do total arrecadado por Kassab na campanha eleitoral de 2008 teve origem em fontes de doações consideradas ilegais pelo Ministério Público Eleitoral.

Para aparecer no noticiário na semana que antecede a convenção nacional do seu partido, na qual deve ser reeleito para o cargo de presidente do PMDB, Temer, presidente da Câmara, propôs aos líderes partidários que seja colocado na pauta do plenário o projeto de lei de iniciativa popular da ficha limpa, que veta candidaturas dos políticos com condenação na Justiça ainda que apenas em primeira instância
--------------------------------------------------------------------------------
Crítica:

''Provocando Obama'' que, apesar de ganhar o premio Nobel da Paz, mostrou que ''gosta de briga'' ao enviar um orçamento recorde de US$ 708bi para os ''milicos'' dos EUA, o Irã informou que lançou, "com sucesso", seu terceiro foguete de fabricação nacional que tem uma cápsula experimental que permite enviar um ser vivo ao espaço e que, enquanto o presidente dos EUA corta o orçamento da Nasa, vai iniciar 3 novos projetos para a construção de satélites de telecomunicações.
--------------------------------------------------------------------------------
PAZ, amor e bons negócios;
Alfredo Sequeira Filho
--------------------------------------------------------------------------------
O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer critica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alcabi@uol.com.br
--------------------------------------------------------------------------------

Nenhum comentário:

Postar um comentário