R.B. 24/FEV/10 ''Metralhadora na mão de macaco''

--------------------------------------------------------------------------------
R.B.

"Metralhadora na mão de macaco"

São Paulo, 24 de fevereiro de 2010 (QUARTA-FEIRA).
--------------------------------------------------------------------------------
Mercados:

HOJE
- A BOVESPA deve subir, tentando uma recuperação após 3 pregões consecutivos de queda, influenciada pelos bons resultados corporativos de empresas brasileiras e acompanhando a provável recuperação dos preços das commodities e a melhora do ''humor'' nas demais bolsas mundiais.
- O DÓLAR pode cair, tentando retornar à sua ''trajetória natural'' após 2 pregões consecutivos de alta, seguindo a provável melhora do ''humor'' na Bovespa e a expectativa de aumento do fluxo positivo de recursos externos.

ONTEM
- BOVESPA -1,6%, já abriu em queda e, acompanhando o desempenho negativo da bolsas de NY, manteve a trajetória descendente ao longo de todo pregão, já que as economias da Alemanha, França e EUA revelaram números desanimadores.
- DÓLAR 0,9% à R$ 1,83, já abriu em queda e, seguindo o ''humor negativo'' nas bolsas mundiais, manteve a trajetória ascendente ao longo de todo pregão, pressionado pelos leilões de compra do BC e pela elevação do risco-Brasil (5,8%).
- Na ÁSIA, sem uma tendência única, JAPÃO -0,5%, em um movimento de realização de lucros, principalmente em ações ligadas a matérias-primas e montadoras, como a processadora de petróleo Inpex (-3,4%) e a Honda Motor (-2,2%), CHINA -0,7%, novamente pressionada pelas perdas em ações do setor financeiro, diante da decisão do BC local de aumentar o compulsório bancário e CORÉIA 0,1%, com os investidores ficando ''de lado'' à espera do depoimento de Bernanke, presidente do Fed (''BC'' dos EUA), no Congresso dos EUA.
- Na EUROPA, revertendo uma abertura positiva, INGLATERRA -0,7%, FRANÇA -1,3% e ALEMANHA -1,5%, prejudicadas pelo anuncio de que (1) na Alemanha os empresários locais estão mais pessimistas, (2) na França o nível de gastos dos consumidores sofreu sua pior contração em 2 anos e (3) na Inglaterra o presidente do BC local afirmou que a recuperação da zona do euro parece ter estagnado e que a recuperação do Reino Unido e da economia mundial permanecem "frágeis".
- Nos EUA, realizando lucros antes do esperado discurso de Bernanke ao Congresso, S&P -1,2%, DJ -1,0% e NASDAQ -1,3%, também pressionadas pela queda na confiança do consumidor do país que, devido ao pessimismo dos norte-americanos com relação ao desemprego, recuou de 56,5pts em JAN/10 para 46pts em FEV/10.
--------------------------------------------------------------------------------
Economia:

''Trabalhando nos bastidores'' para Meirelles ser o vice na chapa de Dilma, Lula afirmou que não está preocupado se o presidente do BC deixar o cargo para se candidatar nas eleições de OUT/10, já que um eventual sucessor manteria a atual política econômica.

Como quem coloca ''metralhadora na mão de macaco'', a CVM está prestes a aprovar uma nova regulamentação que permitirá que clubes de investimento invistam também em derivativos de taxas de juros e de câmbio e, como quem coloca ''a raposa para tomar conta do galinheiro'', segundo esta proposta o controle dos limites à exposição e alavancagem ficará com a BM&FBovespa.

Dando mais um ''importante e claro'' sinal de recuperação da economia interna, em JAN/10 a arrecadação federal cresceu 13,64% em termos reais na comparação com JAN/09, atingindo um valor recorde para o mês, também influenciada pelas reduções nas desonerações promovidas pelo governo no ano passado para setores como automotivo e de linha branca.

Diante das expectativas de alta dos juros e de instabilidade da Bovespa, os grandes investidores continuam fugindo dos fundos multimercados, que já registravam captação líquida negativa anual de R$ -8bi até o dia 19/FEV/10.

Com o Brasil na liderança, ontem os presidentes dos países da América Latina e do Caribe, reunidos em Cancun (México), aprovaram a criação de um novo bloco que representará todas as nações da região, impulsionando a integração e promovendo uma agenda comum em encontros globais.

- Ligeiramente abaixo do esperado (1,1%), porem acima do resultado anterior (0,52%), o IPCA-15 de FEV/10 ficou em 0,94%, mostrando que a inflação segue pressionada.
- Desacelerando em relação à taxa apurada na segunda quadrissemana de FEV/10 (1,09%), o IPC da terceira quadrissemana de FEV/10 ficou em 0,85%.

- A BM&F Bovespa caiu -3,0% e, após o fechamento do pregão, anunciou que no quarto trimestre de 2009 seu lucro líquido foi 8,8% maior que no mesmo período de 2008.
--------------------------------------------------------------------------------
Política:

Defendendo veementemente a transparência Nas doações eleitorais, Kassab afirmou que a cassação de seu mandato não ocorreu por questões morais, e sim técnicas, ressaltando que esse processo não atrapalhará a possível candidatura à Presidência de Serra, seu principal aliado político.

Mostrando sua índole, o deputado Wilson Lima, que assumiu ontem o governo do DF depois da renúncia do governador interino, Paulo Octávio, fez um acordo com o governador afastado para assumir a presidência da Câmara Legislativa, e depois o governo, com a exigência de que se José Roberto Arruda deixar a cadeia e voltar ao governo ele será indicado para uma vaga no Tribunal de Contas do Distrito Federal, que é um dos empregos mais cobiçados por políticos em fim de carreira, já que os conselheiros recebem altos salários e têm direito a uma série de mordomias.

Como Ciro Gomes não quer ser ''boi de piranha'' e Mercadante tem ''medo de perder'', o PT de SP não tem nenhum candidato de peso para disputar o governo de SP, o que certamente facilitará as coisas para os tucanos e prejudicará Dilma no maior colégio eleitoral do Brasil.
--------------------------------------------------------------------------------
Crítica:

Comandados por Lula, que é aclamado pelos presidentes latino-americanos como "líder indiscutível" da região, os participantes da Reunião de Cúpula de Países da América Latina e do Caribe tiveram a ''ousadia'' de condenar a ONU e o seu Conselho de Segurança por não se posicionarem em favor da soberania das Ilhas Malvinas pela Argentina, ressaltando que não existe explicação geográfica, política e econômica de a Inglaterra estar na região.
--------------------------------------------------------------------------------
PAZ, amor e bons negócios;
Alfredo Sequeira Filho
--------------------------------------------------------------------------------
O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer critica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alcabi@uol.com.br
--------------------------------------------------------------------------------

Nenhum comentário:

Postar um comentário