R.B. 16/DEZ/09 "Do inferno ao céu"

--------------------------------------------------------------------------------
R.B.

"Do inferno ao céu"

São Paulo, 16 de dezembro de 2009 (QUARTA-FEIRA).
--------------------------------------------------------------------------------
Mercados:

HOJE
- A BOVESPA deve subir, retomando sua trajetória de alta após a ''parada técnica'' de ontem, ainda com ''boas chances'' de atingir os 70.000pts ainda este ano, diante das boas perspectivas para a economia interna e dos sinais positivos da economia dos EUA.
- O DÓLAR pode cair, também retomando sua ''trajetória natural'' após o ''ajuste técnico'' de ontem, influenciado pelo fluxo positivo de recursos externos e pelos mesmos motivos que devem levar à valorização da Bovespa.

ONTEM
- BOVESPA -0,1%, abriu em queda, para na mínima recuar -0,8% e, com baixo volume de negócios (R$ 4,7bi), foi recuperando-se ao longo do pregão, para fechar próxima da estabilidade, dividida entre boas notícias da economia doméstica e a alta acima do esperado da taxa de inflação nos EUA.
- DÓLAR 0,6% à R$ 1,75, já abriu em alta e, em um ''ajuste técnico'' após 3 pregões consecutivos de alta, manteve a trajetória ascendente ao longo de todo dia, seguindo a realização de lucros na Bovespa e pressionado pelos leilões de compra do BC.
- Na ÁSIA, sem uma tendência única, JAPÃO -0,2%, com destaques negativos para as empresas de transporte marítimo, como Mitsui O.S.K. Lines (-1,5%) e Nippon Yusen (-1,9%), causadas pela sexta baixa consecutiva no Índice Seco do Báltico, que já perdeu -14% neste período, CHINA -0,9%, pressionada principalmente por ações de bancos, como Bank of China (-2,1%) e Bank of Communications (-1,3%) e CORÉIA 0,1%, sustentada pelas montadoras Hyundai Motor (1,4%) e Kia Motors (1,8%).
- Na EUROPA, revertendo uma abertura negativa, causada por preocupações com liquidez na Grécia e na Áustria, INGLATERRA 0,6%, FRANÇA 0,1% e ALEMANHA 0,2%, beneficiadas pelo aumento da confiança de que os EUA vão liderar a economia global para fora da recessão.
- Nos EUA, com os investidores cautelosos antes da reunião de 2 dias do FED (''Copom'' local) S&P -0,6%, DJ -0,5% e NASDAQ -0,5%, prejudicadas pela inesperada alta de 1,8% do Índice de Preços ao Produtor em NOV/09, que anulou a boa alta de 0,8% da produção industrial do país em NOV/09.
--------------------------------------------------------------------------------
Economia:

Após ir ''do inferno ao céu'' em 2009 e ser palco das 2 maiores ofertas de ações do mundo este ano, Santander com R$ 13,2bi e Visanet com R$ 8,4bi, a Bovespa, que iniciou 2009 abaixo de 38.000pts e deve terminar próxima dos 70.000pts, o que representa a maior valorização do mundo (84%), promete para 2010 mais um ano muito favorável, sustentado principalmente e novamente pelo crescimento da economia doméstica.

Confirmando a crescente credibilidade externa do Brasil, pagando um juros de ''apenas'' 4,75% ao ano (o menor da história), ontem o Tesouro Nacional captou no mercado internacional US$ 500mi com a emissão de títulos com vencimento em JAN/19, cujos recursos serão adicionados às reservas internacionais brasileiras, que aliás já somam US$ 239,2bi.

Mostrando que 2009 foi melhor do que o esperado e ''apostando'' em um 2010 ainda mais feliz, segundo uma pesquisa recente 69% das empresas brasileiras chegarão ao final deste ano com uma receita maior do que a obtida no ano passado e 95% destas empresas ''apostam'' que o próximo ano será um ano de crescimento e de retomada dos investimentos.

Dando novos sinais de crescimento da economia interna, (1) em OUT/09, apresentando a sexta expansão consecutiva, as vendas do setor varejista cresceram 1,4% na comparação com SET/09 e 8,4% na comparação com OUT/08, (2) a Confederação Nacional da Indústria espera que o PIB brasileiro cresça 5,5% em 2010 e (3) em NOV/09 a indústria paulista registrou saldo positivo de 3.500, o que representou uma elevação de 0,15% na comparação com OUT/09.

''Apostando'' no Brasil, que em 2014 terá a Copa e em 2016 terá a Olimpíada, o grupo norte-americano Carlyle pode pagar cerca de US$ 250mi por aproximadamente 60% da CVC Turismo, que é a maior operadora turística do país.
--------------------------------------------------------------------------------
Política:

Após cometer uma ''gafe'' em Copenhague ao afirmar que o meio ambiente é prejudicial ao desenvolvimento sustentável, Dilma, mostrando mais uma vez que não tem perfil para ser a candidata à presidente, voltou a desautorizar o ministro do Meio Ambiente, Carlos Minc, ao afirmar que o Brasil, em nenhum momento, pediu recursos para se adaptar às mudanças climáticas.

Apesar dos protestos da oposição, que fez o que pode para barrar o processo, ontem o Senado brasileiro, por 35 votos a 27, aprovou o protocolo de adesão da Venezuela ao Mercosul, o que abre caminho para que o país vizinho passe a integrar o bloco econômico.

Se aquecendo no ''banco de reservas'', Ciro Gomes, aproveitando-se dos deslizes constantes da Ministra da Casa Civil, afirmou que Dilma não terá capacidade de vencer as próximas eleições presidenciais.
--------------------------------------------------------------------------------
Crítica:

Com o Brasil, apesar das ''gafes'' de sua Ministra da Casa Civil, avançando cada dia mais na geração de energia através de fontes renováveis e ecologicamente corretas, ontem o BNDES aprovou o financiamento de R$ 837,8mi para a construção de 10 parques eólicos, nos municípios de Água Doce e Bom Jardim, ambos em Santa Catarina.

Cumprindo uma de suas promessas de campanha, ontem Obama, presidente dos EUA, determinou que seu governo compre uma prisão subutilizada numa pacata cidade rural de Illinois para abrigar os suspeitos de terrorismo detidos na base militar norte-americana em Cuba.
--------------------------------------------------------------------------------
PAZ, amor e bons negócios;
Alfredo Sequeira Filho
--------------------------------------------------------------------------------
O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer critica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alcabi@uol.com.br
--------------------------------------------------------------------------------

Nenhum comentário:

Postar um comentário