R.B. 10/JUL/09 "Demonização"

--------------------------------------------------------------------------------
R.B.

"Demonização"

São Paulo, 10 de julho de 2009 (SEXTA-FEIRA).
--------------------------------------------------------------------------------
Mercados:

HOJE
- A BOVESPA deve subir, tentando uma recuperação após 5 quedas consecutivas e, com boas chances de retomar o patamar dos 50.000pts, ''ajustando-se'' a melhora do ''humor'' nas bolsas mundiais durante o feriado em SP.
- O DÓLAR pode cair, para voltar a fechar abaixo dos R$ 2,00, seguindo a provável melhora do ''humor'' na Bovespa e o ainda positivo fluxo de recursos externos oriundos de exportações, captações e ''investimentos''.

QUARTA-FEIRA
- BOVESPA -0,5%, abriu em alta, para na máxima avançar 0,8%, porem passou a cair na parte da tarde, para fechar no menor patamar desde 15/MAI/09, pressionada pela divulgação de indicadores fracos das economias norte-americana e europeia, que apontam para uma retomada mais lenta do que inicialmente esperado.
- DÓLAR 1,1% à R$ 2,01, abriu em queda, para na mínima recuar -0,3%, porem também reverteu a trajetória no inicio da tarde, seguindo a piora do ''humor'' na Bovespa e pressionado pelos leilões de compra do BC e pela elevação do risco-Brasil (3,7%).

ONTEM
- Na ÁSIA, sem uma tendência única, já que se movimentaram conforme dados internos, JAPÃO -1,4%, a sétima queda seguida, com os investidores preocupados com o atual ritmo da economia, tanto a local como a mundial, CORÉIA -0,1%, pressionada por papéis de tecnologia, como LG (-1,8%) e Samsung (-2,1%) e CHINA 1,4%, beneficiada pela pelas notícias corporativas internas e com destaques de alta para montadoras e seguradoras.
- Na EUROPA, recuperando-se após 5 pregões consecutivos de queda, INGLATERRA 0,4%, FRANÇA 0,5% e ALEMANHA 1,3%, com destaques de alta para os papéis de mineradoras, como Anglo American (2,5%), Xstrata (5,4%), diante do aumento dos preços do cobre e de outros metais.
- Nos EUA, tentando iniciar um movimento de recuperação, porem com os investidores ainda cautelosos diante da divulgação de balanços corporativos, S&P 0,3%, DJ 0,1% e NASDAQ 0,3%, com destaques de alta para as ações de tecnologia e de commodities e também beneficiadas pelo anuncio de que os pedidos por seguro-desemprego caíram em 52 mil na semana passada, atingindo o menor patamar já registrado desde JAN/09.
--------------------------------------------------------------------------------
Economia:

Acreditando que não se deve colocar a raposa para tomar conta do galinheiro, Lula defendeu, em discurso na cúpula do G-8, o fim da "ditadura" das agências de rating, que aliás davam grau de investimento a muitos fundos e empresas que quebraram e até foram responsáveis pela atual crise financeira global, ressaltando que agências públicas teriam melhores condições para qualificar o risco das economias.

Corroborando com a opinião do governo brasileiro, Sarkozy, presidente da França, defendeu uma rápida evolução das reuniões do G8, ressaltando que sua representatividade já não é mais suficiente e propondo a criação do G-14, que cuidaria de temas como segurança alimentar, energia e clima, enquanto que o G-20 tratara de temas econômicos e financeiros.

Com o governo federal fazendo o que pode para incentivar a economia interna, que pelo que tudo indica já passou pelo pior momento, nos últimos 12 meses findos em JUN/09 o BNDES desembolsou R$ 96,6bi e aprovou R$ 147,1bi em empréstimos, o que, alem de ser um recorde histórico, representa um crescimento, na comparação com os 12 meses anteriores, de 23% nos desembolsos e 37,2% nas aprovações.

Dando mais um sinal de controle da inflação, que pode fazer o Copom seguir cortando a Selic, a primeira prévia do IGP-M de JUL/09 registrou deflação de -0,23%, resultado bem abaixo do verificado um mês antes (0,29%), e com isto agora este índice acumula deflação de -0,47% nos últimos 12 meses.

Confirmando que a crise financeira internacional está afetando menos as empresas brasileiras, 5 empresas tupiniquins se mantiveram e até subiram de posição na lista mais recente das 500 maiores companhias do mundo elaborada pela revista norte-americana "Fortune", são elas: Petrobras, Vale, Itaúsa, Bradesco e Banco do Brasil.
--------------------------------------------------------------------------------
Política:

Apesar do PT ter se juntado ao DEM e ao PSDB pedindo seu afastamento, Sarney ainda resiste à idéia de se licenciar do cargo, porem, além de pedir ao Ministério Público e ao Tribunal de Contas da União que investiguem as denúncias, a oposição também vai reforçar a pressão para a instalação imediata do Conselho de Ética da Casa.

Após uma reunião com líderes dos partidos da base governista, o peemedebista Romero Jucá, líder do governo no Senado, divulgou que a instalação da CPI da Petrobras será na próxima terça-feira da semana às 15h, ''coincidentemente'' 3 dias antes do início do recesso parlamentar.

Alertando que a "demonização" de Sarney é uma tática para que os escândalos do Senado terminem em "pizza", Dilma, ministra da Casa Civil, ressaltou que o governo é a favor de "apurar" e que discorda da idéia de colocar ''na conta'' de apenas 1 pessoa problemas estruturais que duram mais de 15 anos e que envolvem grande número de pessoas.
--------------------------------------------------------------------------------
Crítica:

Certamente fazendo FHC se contorcer de inveja, após receber da ONU um premio pelo combate a pobreza no mundo, que aliás geralmente é dado a personalidades que depois recebem o prêmio Nobel da Paz, Lula recebeu de Obama a ''missão'' de convencer o Irã a usar o seu programa nuclear para fins pacíficos, já que segundo o presidente dos EUA as estreitas relações do Brasil com o Irã oferecem uma oportunidade para que o governo brasileiro possa reforçar a posição do G-8 sobre o programa nuclear de Teerã.
--------------------------------------------------------------------------------
PAZ, amor e bons negócios;
Alfredo Sequeira Filho
--------------------------------------------------------------------------------
O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer critica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alcabi@uol.com.br
--------------------------------------------------------------------------------

Nenhum comentário:

Postar um comentário