R.B. 17/FEV/09 ''Boas novas ao chefe''

--------------------------------------------------------------------------------
R.B.

"Boas novas ao chefe"

São Paulo, 17 de fevereiro de 2009 (TERÇA-FEIRA).
--------------------------------------------------------------------------------
Mercados:

HOJE
- A BOVESPA deve subir, dando seqüência a recuperação iniciada no final do pregão de ontem e influenciada pelas ''apostas'', cada dia maiores, de que a economia brasileira sairá ''mais importante e mais fortalecida'' da atual crise que abala os mercados mundiais.
- O DÓLAR pode cair, ''ajustando-se'' a melhora do ''humor'' na Bovespa após o fechamento do mercado cambial de ontem, influenciado pelos mesmos motivos que devem levar à alta da Bovespa e também pelo fluxo positivo de recursos externos.

ONTEM
- BOVESPA 0,4%, abriu em queda e, com bom volume de negócios (R$ 4,9bi) para um dia de feriado em NY, manteve a trajetória negativa ao longo de ''quase'' todo pregão, invertendo a trajetória apenas no leilão de fechamento, impulsionada pela valorização de Petro (1,1%) e Vale (0,7%).
- DÓLAR 0,7% à R$ 2,28, já abriu em alta e, com baixo volume de negócios devido ao feriado em NY, manteve a trajetória ascendente ao longo de todo pregão, apesar do anuncio de que a balança comercial brasileira ficou positiva na primeira quinzena de FEV/09 em US$ 696mi.
- Na ÁSIA, sem um tendência única, JAPÃO -0,4%, diante do anuncio de que o PIB do país sofreu contração de -12,7% no quarto trimestre de 2008, o que representa a pior queda em 35 anos, CHINA 3,0%, a segunda alta consecutiva, desta vez beneficiada pelas expectativas de que o governo local irá lançar novas medidas de estímulo econômico para o setor industrial e CORÉIA -1,4%, com destaques de queda para ações de bancos e de siderúrgicas, como Shinhan Financial (-2,1%), KB Financial (-3,7%), Posco (-3,9%) e Hyundai Steel (-3,9%).
- Na EUROPA, com baixo volume de negócios devido ao feriado em NY e prejudicadas por um estudo do Instituto de Estudos Econômicos da Alemanha que aponta para uma retração maior do que o esperado da economia local, INGLATERRA -1,3%, FRANÇA -1,2% e ALEMANHA -1,1%, novamente pressionadas pelo declínio das ações de empresas do setor financeiro, em meio aos receios dos investidores com a saúde dos bancos, como Santander (-4,0%), Credit Suisse (-4,9%), Deutsche Bank (-6,5%) e Lloyds Banking (-8,1%)
- Nos EUA, S&P, DJ e NASDAQ permaneceram fechadas devido ao feriado do dia presidente.
--------------------------------------------------------------------------------
Economia:

Trazendo ''boas novas ao chefe'', Mantega, ministro da Fazenda, ''garantiu'' a Lula que os últimos números apresentados pela economia brasileira, como as vendas da indústria automobilística e os anúncios de novos investimentos, dão sinais de melhora na atividade econômica.

Com o objetivo de aumentar ainda mais a transparência e a segurança do setor bancário brasileiro, que aliás deveria servir de modelo na reforma do sistema financeiro mundial, o BC exigirá que os bancos e as grandes instituições financeiras "não bancárias" divulguem na internet, regularmente, informações referentes à gestão de riscos e à adequação do seu capital a esses mesmos riscos.

Conseguindo novos aliados para a próxima reunião do G-20, que acontecerá em ABR/09 em Londres, Celso Amorim, ministro brasileiro das Relações Exteriores, recebeu o chanceler do Canadá, Lawrence Cannon, com quem concordou que a crise global não pode afetar o livre-comércio, ressaltando também que a situação econômica mundial poder se agravar caso se adotem medidas protecionistas.

Impulsionadas pela queda de cerca de 15% nos preços dos fertilizantes e pelo aumento no valor de algumas commodities agrícolas importantes, as vendas de adubos, que vinham caindo desde SET/08, alcançaram cerca de 1,2 milhão de toneladas em JAN/09, superando em 20% a média histórica para o período.

Dando novos sinais de controle da inflação, o que deve ''encorajar'' o Copom a seguir cortando a taxa básica e juros, o IPC apontou inflação de 0,45% na segunda quadrissemana de FEV/09, valor abaixo do esperado (0,48%) e aquém do resultado anterior (0,49%).

Fazendo a balança comercial brasileira finalmente apresentar superávit no ano, agora de US$ 172mi, na semana passada as exportações brasileiras atingiram US$ 2,4bi e as importações ficaram em US$ 2,2bi, gerando um saldo positivo de U$ 225mi.

- A Positivo subiu 78,8%, diante de ''rumores'', ainda não confirmados, de uma aquisição por uma multinacional estrangeira e de que a empresa vencerá uma licitação para vender notebooks para as escolas publicas de SP.
--------------------------------------------------------------------------------
Política:

Mostrando que o senador peemedebista Jarbas Vasconcelos está certo ao afirmar que o seu partido é corrupto, 8 dos 20 senadores do PMDB respondem atualmente a inquéritos ou ações penais no Supremo Tribunal Federal por crimes como corrupção, formação de quadrilha, falsidade ideológica, lavagem de dinheiro, compra de votos e sonegação fiscal.

Como não tem ''força'' e nem coragem para expulsar seu ''companheiro'' Jarbas Vasconcelos, Michel Temer, presidente nacional do PMDB e da Câmara, negou a intenção de o senador pernambucano, ressaltando que as denuncias são ''genéricas e não precisas.

Ignorando solenemente as ameaças da oposição, que lhe acusa de fazer campanha pela candidatura de Dilma, Lula fez um balanço positivo do encontro nacional de prefeitos, realizado na semana passada em Brasília.

Como não encontrou ''espaço político'' no PSDB, no PPS e no PP, Paulo Skaf, presidente da FIESP, agora ''namora firme'' com o PSB, sigla pela qual quer realizar seu sonho de concorrer ao Palácio dos Bandeirantes ou, num plano B, ao Senado, em 2010.
--------------------------------------------------------------------------------
Crítica:

Começando a revelar os podres da invasão do Iraque, autoridades do novo governo Obama começaram a investigar o papel de militares de alta patente no uso indevido de US$ 125bi destinados à reconstrução do Iraque após a queda de Saddam Hussein, o que pode se tornar a maior fraude da História dos EUA.
--------------------------------------------------------------------------------
PAZ, amor e bons negócios;
Alfredo Sequeira Filho
--------------------------------------------------------------------------------
O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer critica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alcabi@uol.com.br
--------------------------------------------------------------------------------

Nenhum comentário:

Postar um comentário