R.B. 22/DEZ/08 ''Perpetuando uma mamata''

São Paulo, 22 de dezembro de 2008 (SEGUNDA-FEIRA).

--------------------------------------------------------------------------------

Mercados:

HOJE
- A BOVESPA pode subir, tentando uma recuperação após 3 pregões consecutivos de queda, ainda com ''boas chances'' de fechar o ano acima dos 40.000pts, diante das ''apostas'' de boas vendas no Natal e de redução da taxa básica de juros já na primeira reunião do Copom em 2009.
- O DÓLAR deve cair, já que, apesar das ''apostas'' de redução da Selic logo na primeira reunião de 2009, o BC deve seguir vendendo a moeda norte-americana e taxa real de juros da economia brasileira (cerca de 7,0%) ainda é muito ''atraente''.

SEXTA-FEIRA
- BOVESPA -1,0%, abriu ''de lado'', para na máxima avançar 0,6%, porem, com baixo volume de negócios (R$ -3,1bi), definiu a trajetória negativa na parte da tarde, seguindo as perdas das bolsas de NY e recuo dos preços das commodities, já que atualmente poucos tem ''coragem'' para comprar antes do final de semana.
- DÓLAR 0,1% à R$ 2,36, abriu em alta, para na máxima atingir R$ 2,47, porem, em um pregão marcado pela forte volatilidade, perdeu ''forças'' na parte da tarde, pressionado pelos leilões de venda do BC.
- Na ÁSIA, sem uma tendência única, JAPÃO -0,9% (4,3% na semana), realizando lucros após o mercado digerir o corte da taxa de juros local, de 0,30% para 0,10%, CHINA 0,1% (3,3% na semana), sustentada pelas ''esperanças'' de mais afrouxamento monetário e de adoção de medidas adicionais de estímulo econômico pelo governo local e CORÉIA 0,4%, a quinta alta consecutiva, desta vez impulsionada pela melhora das perspectivas para os setores de tecnologia, construção e automobilístico.
- Na EUROPA, seguindo a abertura negativa das bolsas de NY, INGLATERRA -1,0%, FRANÇA -0,3% e ALEMANHA -1,3%, com destaques de queda para bancos, como HSBC (-2,1%), UBS (-3,7%) e Fortis (-2,6%), e mineradoras, como Xstrata (-11,3%) e Anglo American (-8,9%).
- Nos EUA, também sem uma trajetória definida, S&P 0,3% (0,8% na semana), DJ -0,3% (0,7% na semana) e NASDAQ 0,8% (1,5% na semana), divididas entre a aprovação de um pacote de US$ 17bi para o socorro ao setor automotivo e a nova queda do petróleo (-6,5%), que aliás recuou -26,8% na semana e fechou aos US$ 33,80, o que é a menor cotação desde 2/ABR/04.
--------------------------------------------------------------------------------

Economia:

Após ''prometer'' novas medidas para incentivar setores específicos da economia e conter os efeitos da crise financeira internacional, Lula, mostrando otimismo, ''garantiu'' que não haverá recessão no Brasil e que, com a provável queda da taxa de juros, o crescimento será de 4% em 2009.

Acreditando que os investimentos públicos em obras, principalmente de infra-estrutura, são uma ótima opção para o Brasil ''driblar'' a crise externa e se preparar para um novo ciclo de crescimento da economia mundial, o governo federal prepara para JAN/09 um novo pacote que aumentará em R$ 6bi os investimentos.

Já afetada pela crise externa, em NOV/08 a taxa de desemprego no Brasil ficou em 7,6%, ante 7,5% em OUT/08, porem o movimento nos shopping centers e nas feiras das grandes capitais ainda não registra retração neste mês e, com a entrada do 13º salário na economia, o comércio ainda espera um bom aumento de vendas neste Natal.

Dando mais um sinal de controle da inflação e ao mesmo tempo mais um ''argumento'' para aqueles que defendem o corte da taxa básica de juros, o IPCA-15 de DEZ/09 ficou em 0,29%, resultado abaixo dos 0,49% apurados em NOV/08 e aquém das ''apostas do mercado'' (0,45%), e com isto acumulou alta de 6,10% em 2008, valor bem acima do ano passado (4,37%) mas abaixo do teto da meta (6,5%).

- A Congás subiu 1,4% e, após o fechamento do pregão, o governo de SP confirmou que autorizou um reajuste de 19% do preço do gás cobrado dos grandes consumidores industriais do produto no Estado.
--------------------------------------------------------------------------------

Política:

Dispostos a ''quase tudo'' para atrapalhar os planos de Lula, os tucanos, menos de 1 semana após a aprovação, no voto, do Fundo Soberano, planejam entrar com uma Ação Direta de Inconstitucionalidade no Supremo Tribunal Federal contra o projeto, que aliás deve receber R$ 14,2bi destinados à investimentos em obras de infra-estrutura.

Com o objetivo de ''turbinar'' a candidatura da petista Dilma, o governo federal planeja inaugurar em 2010, ano da sucessão presidencial, 107 das 348 grandes obras em andamento por todo o Brasil, o que representará 1 inauguração a cada 3,5 dias.

Após fazer um balanço positivo do seu terceiro mandato à frente da prefeitura do RJ, o democrata Cesar Maia, que segundo uma pesquisa recente tem a aprovação de apenas 22% dos cariocas, confirmou que apóia a candidatura do tucano Serra à presidência da República em 2010, quando também avalia a possibilidade de lançar-se candidato ao governo do Estado.

--------------------------------------------------------------------------------

Crítica:

Indicando que, alem da ''ganância especulativa'' e da ''incompetência operacional'', a crise financeira internacional também é fruto da ''irresponsabilidade administrativa'', segundo uma pesquisa recente os mesmos Bancos norte-americanos que agora estão obtendo planos de resgate financeiro às custas dos contribuintes premiaram seus ''executivos top'' com cerca de US$ 1,6bi em salários, bônus e outros benefícios no ano de 2007, período em que já registraram resultados fracos.

''Perpetuando uma mamata'' que vem desde os ''tempos de Cabral'', segundo uma recente pesquisa mais de 50% dos cartórios no Brasil são administrados por tabeliães que não passaram por concurso público, o que significa que o cargo, que tem caráter vitalício, é ocupado por parentes que herdaram os tabelionatos ou por antigos funcionários que foram nomeados "provisoriamente".

--------------------------------------------------------------------------------

PAZ, amor e bons negócios;
Alfredo Sequeira Filho
--------------------------------------------------------------------------------

O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização e qualquer critica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alcabi@uol.com.br

--------------------------------------------------------------------------------

Nenhum comentário:

Postar um comentário