R.B. 30/DEZ/19 "Comendo lagosta e defecando na cabeça do povo"



"Comendo lagosta e defecando na cabeça do povo"

São Paulo, 30 de dezembro de 2019 (SEGUNDA-FEIRA).

Mercados e Economia:

Hoje (1) a BOVESPA deve voltar a cair, devolvendo mais uma pequena parte da forte alta acumulada no ano (32,6%) e acompanhando o movimento descendente das principais bolsas mundiais, porem deve-se ressaltar que a bolsa tupiniquim ainda está barata em dólar (cerca de -40% abaixo do topo histórico de 2004) e que o patamar é atraente para compras de quem "aposta" na recuperação da economia brasileira e (2) o DÓLAR pode subir, ampliando a valorização registrada no ano (4,5%), seguindo a trajetória internacional da moeda norte-americana e acompanhando a esperada realização de lucros na Bovespa.

Sexta-feira, no BRASIL, (1) a BOVESPA caiu -0,6%, realizando lucros após uma sequência de renovação de máximas históricas, acompanhando a instabilidade das bolsas de NY, prejudicada pelo recuo das commodities e com destaque de queda para as ações da monopolista e ineficiente B3 (-5,2%) e (2) o DÓLAR caiu -0,3% à R$ 4,05, para fechar o dia no menor patamar desde 5/NOV/19, diante das expectativas de aumento do fluxo positivo de recursos externos oriundos de exportações, captações e investimentos.

Também sexta-feira, nas principais bolsas (1) da ÁSIA, Japão -0,4% e China -0,1%, realizando lucros recentes, com baixos volumes de negócios e com destaques de queda para as ações das empresas dos setores de mineração e de alimentação, (2) da EUROPA, retornando do feriado de Natal, Inglaterra 0,2%, França 0,1% e Alemanha 0,3%, na esteira do otimismo com a perspectiva de assinatura da fase 1 do acordo entre EUA e China e (3) dos EUA, sem uma tendência única, S&P 0,1%, DJ 0,1% e NASDAQ -0,2%, com a baixa liquidez por conta das festas de fim de ano oferecendo espaço para a realização de lucros no setor de tecnologia.

Otimista após anunciar, em sociedade com a Mercedes, um investimento de R$ 70mi para a construção de um centro de testes veicular no interior de SP, Besaliel Soares Botelho, presidente da Bosch na América Latina, fez uma série de elogios à direção econômica do governo Bolsonaro e ressaltou que vê uma retomada constante e sustentável da indústria tupiniquim.

Bem melhor do que a meta para todo ano de 2019 (R$ -139bi), as contas do governo central (que incluem Tesouro, Previdência Social e Banco Central) acumularam um déficit de R$ -80,3bi nos primeiros 11 meses do ano, o que representa uma retração real de -12,4% em relação ao mesmo período do ano passado.

Prejudicando o crescimento da economia tupiniquim, o STF, cuja grande maioria dos ministros foi indicada por presidentes filiados à organização criminosa petista, ainda avalia 8 pontos da reforma trabalhista, 2 anos após sua aprovação e após sanção pelo então presidente Temer.

Indicando que, mesmo com a expectativa de aceleração da atividade econômica do País, em 2020 a inflação deve permanecer abaixo do centro da meta (4,0%) pelo quarto ano consecutivo, o BC, em seu Relatório Trimestral de Inflação de DEZ/19, projetou para o ano que vem um IPCA de 3,5%.

Dando um importante sinal positivo da economia tupiniquim, a taxa de desemprego do país caiu de 11,8% para 11,2% do trimestre encerrado em AGO/19 para o trimestre encerrado em NOV/19, resultado melhor que o esperado pelo "mercado" (11,4%).

Pressionada a mudar e evoluir, a CVM, que ainda é comandada por servidores indicados pelos governos da organização criminosa petista, abriu na sexta-feira passada uma audiência pública para discutir três propostas para incentivar a concorrência no mercado de Bolsa de Valores brasileiro, dominado atualmente pela monopolista, cara e ineficiente B3.

-    A B3 caiu -5,3%, diante da perspectiva de que venha a enfrentar concorrência no futuro, reflexo do precedente jurídico aberto pelo acordo assinado com a ATS Brasil, sinalizando para o fim do monopólio e a possibilidade de entrada de novos players nos segmentos de renda fixa e variável tupiniquim.

Política:

Prometendo um ótimo debate, o deputado federal José Nelto, do Podemos de Goiás, convidou o ministro Sergio Moro, os presidentes e vice do STF Dias Toffoli e Luiz Fux, o presidente do STJ, João Otavio Noronha, o procurador-geral Augusto Aras, e o presidente da OAB, Felipe Santa Cruz, para uma audiência pública sobre a PEC da segunda instância.

Eleitores, ao menos no segundo turno, do presidente, (1) o senador Álvaro Dias, líder do Podemos, afirmou que Bolsonaro, ao sancionar o Juiz de Garantias, está alinhado ao esquema a favor da impunidade, (2) Janaina Paschoal, deputada estadual de SP, disse ter certeza que o presidente "está sendo mal orientado" e (3) o senador Alessandro Vieira, vice-líder do Cidadania, ressaltou que são contrários à figura do Juiz de Garantias a AMB, AJUFE, MJSP, CGU, AGU, bancadas do Cidadania, Novo e Podemos, juízes e promotores que trabalham no combate à corrupção.

Brilhante e trabalhador, Paulo Guedes, ministro da Economia, planeja mandar, no pacote da reforma administrativa que será enviado ao Congresso no início de 2020, um projeto de lei para instituir e regulamentar o processo de desligamento de servidores estáveis por mau desempenho.

Tentando criar uma espécie de reserva de mercado, líderes de partidos da organização criminosa do centrão, que é comandada pelo nefasto Rodrigo Maia, querem votar já no início do ano legislativo, em FEV/20, um projeto do deputado Fábio Trad, do PSD do MS, que estabelece uma quarentena de 6 anos para juízes e procuradores que queiram se candidatar a cargos eletivos na política.

Por ter se empenhado para tentar emplacar Eduardo Bolsonaro como embaixador em Washington e principalmente por ter matado no peito a pressão pela CPI da Lava Toga, Davi Alcolumbre é considerado um dos mais fiéis aliados do Planalto e termina o ano em alta com o presidente Bolsonaro.

Bandido, canalha e agora também tucano, Eduardo Paes foi aconselhado a anunciar sua candidatura à Prefeitura do RJ já no início de 2020, porém já avisou que pretende se colocar oficialmente como pré-candidato somente depois do Carnaval.

A Aliança pelo Brasil, novo partido que Bolsonaro quer criar, anunciou que 100 mil pessoas preencheram a ficha de "apoiador" disponível no site da legenda, porem, para conseguir o registro formal no TSE, a sigla precisa apresentar 492 mil assinaturas.

"Comendo lagosta e defecando na cabeça do povo", o STF tupiniquim, atualmente presidido por um ex-advogado da organização criminosa petista que foi reprovado 2 vezes no concurso de juiz, é considerado ruim ou péssimo por 39% dos brasileiros, regular por 38% e bom ou ótimo por 19%.

Beneficiado pelos sinais de recuperação da economia, Bolsonaro teve uma leve melhora nos seus índices de rejeição, já que o percentual da população que considera seu governo ruim ou péssimo caiu de 38% em AGO/19 para 36% atualmente.

Comandado pelo nefasto Rodrigo Maia, o Congresso Nacional, que em AGO/19 era considerado ruim ou péssimo por 35% da população, termina o ano de 2019 sendo rejeitado por 45% dos brasileiros.

Crítica:

Provavelmente porque o Brasil está deixando de ser um país socialista, segundo dados divulgados pelo Ministério da Justiça, 5.026 cidadãos estrangeiros naturalizaram-se brasileiros nos 11 primeiros meses deste ano, o que representa um aumento de 202% na comparação com o mesmo período de 2018.

"Coincidentemente", ou não, depois que Temer deixou de mandar na área e até foi preso, a Receita Federal apreendeu neste ano, em 54 ações, 26,31 toneladas de cocaína no porto de Santos, o que representa um recorde histórico.

PAZ, amor e bons negócios;

O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer crítica, dúvida ou sugestão, favor contatar: rb@relatoriobrasil.com

Conheça e indique nosso Blog: www.relatoriobrasil.com
Curta nossa página no Facebook: www.facebook.com/relatoriobrasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário