R.B. 12/MAR/19 "Esdrúxulo termo feminicídio"



"Esdrúxulo termo feminicídio"

São Paulo, 12 de março de 2019 (TERÇA-FEIRA).

Mercados e Economia:

Hoje (1) a BOVESPA deve seguir em alta, beneficiada pela valorização das commodities, impulsionada pelos sinais positivos da economia tupiniquim, acompanhando a valorização das principais bolsas mundiais e ainda influenciada pelo crescimento das "apostas" de aprovação da nova Previdência e (2) o DÓLAR pode voltar a cair, para fechar em território negativo pelo terceiro pregão consecutivo, seguindo os mesmos motivos que devem animar a bolsa tupiniquim.

Ontem, no BRASIL, (1) a BOVESPA subiu 2,8%, para fechar o dia registrando a segunda maior alta do ano, acompanhando a melhora do "humor" nas principais bolsas mundiais e principalmente impulsionada pelos sinais de que a nova Previdência começará a avançar esta semana no Congresso Nacional e (2) o DÓLAR caiu -0,7% à R$ 3,84, reduzindo uma parte da forte valorização acumulada no mês (2,6%), seguindo a melhora do "humor" na bolsa tupiniquim e influenciado pelo fluxo positivo de recursos externos.

Também ontem, nas principais bolsas (1) da ÁSIA, Japão 0,5% e China 1,9%, diante das "apostas" e que o governo chinês oferecerá mais estímulos para conter a desaceleração da economia local, (2) da EUROPA, apesar da cautela por conta da votação do Brexit, marcada para hoje no Parlamento britânico, Inglaterra 0,4%, França 0,7% e Alemanha 0,7%, em um pregão marcado pelo forte avanço nas ações do Commerzbank (5,8%) e do Deutsche Bank (3,7%), diante dos "rumores" de que os 2 maiores bancos alemães planejam uma fusão e (3) dos EUA, S&P 1,5%, DJ 0,8% e NASDAQ 2,0%, com destaques de alta para as ações das empresas de tecnologia, como Tesla (2,4%), Apple (3,5%) e Nvidia (7,0%), e também impulsionadas pelo anúncio de que em JAN/19 as vendas no varejo do país subiram mais do que o esperado.

Um pouco mais pessimista, já que a pesquisa foi feita na semana passada, o "mercado" (1) reduziu, de 2,30% para 2,28%, suas "apostas" para o crescimento da economia brasileira em 2019 e (2) elevou, de 3,85% para 3,87%, suas projeções para a inflação medida pelo IPCA neste ano.

Podendo ascender a luz amarela, (1) o IPC que mede a inflação de SP subiu 0,54% na primeira quadrissemana de MAR/19 e (2) o IGP-M, que é usado para reajuste dos contratos de aluguel, subiu 0,71% na primeira prévia de MAR/19.

Dando mais um sinal positivo da economia tupiniquim, em FEV/19, segundo dados oficiais da Anfavea, foram produzidos 257,2 mil veículos no Brasil, patamar 20,5% maior que o auferido no mesmo período de 2018 e o maior para o mês desde FEV/14.

Apresentando apenas um dos inúmeros exemplos que mostram a injustiça do atual sistema previdenciário tupiniquim, segundo um estudo feito pela prestigiada Instituição Fiscal Independente (IFI), a aposentadoria média do servidor público federal equivale a até 19 vezes a média paga ao trabalhador do setor privado, sendo que a maior disparidade ocorre entre os servidores do Poder Legislativo federal, que na média se aposentam recebendo 18,9 mais do que um "trabalhador comum".

"Apostando" no crescimento sustentável da economia tupiniquim, a companhia aérea Azul decidiu investir R$ 406 milhões para comprar 30 aeronaves, 70 slots (autorização de pousos e decolagens) e certificado de operador aéreo da sua concorrente Avianca Brasil, que está em recuperação judicial.

Após registrar nas 2 primeiras semanas de MAR/19 exportações de US$ 5,1bi e importações de US$ 2,7bi, a balança comercial tupiniquim já acumula em 2019 um saldo positivo de US$ 8,3bi, patamar 6,4% maior do que o auferido no mesmo período de 2018 (US$ 7,8bi).

-    A Boeing despencou -5,3% na bolsa de NY, diante da segunda queda em 6 meses de uma aeronave 737 Max 8, produzida pela companhia.

Política:

Usando uma das mais clássicas moedas de troca usadas entre Executivo e Legislativo, o governo Bolsonaro, com o objetivo de fazer avançar a reforma da previdência, já liberou R$ 1bi em emendas parlamentares, que são usadas para obras em estados e municípios e que em alguns casos estavam congeladas desde 2014.

Trabalhando em benefício dos bandidos que infestam a justiça tupiniquim, ontem a procuradora-geral da República, Raquel Dodge, determinou o arquivamento da representação feita por integrantes da Operação Lava Jato que, baseados em uma conversa claramente criminosa, pediam a suspeição do nefasto ministro Gilmar Mendes, do STF, no caso que envolve o ex-senador e ex-terrorista tucano Aloysio Nunes Ferreira e o executivo picareta conhecido como Paulo Preto, que é o operador de propinas do PSDB.

Também atuando em defesa dos bandidos, PT e PSOL começam a articular institucionalmente na Câmara dos Deputados para derrubar o acordo que procuradores da Lava Jato fecharam com a Petrobras para administrar um fundo de R$ 2,5bi cujo objetivo será combater a corrupção tupiniquim.

Mostrando que a organização criminosa petista está fadada ao fracasso, ninguém menos do que a ex-presidenta Dilma foi "escalada" para ser a porta-voz internacional da campanha "Lula Livre" e deve começar em breve uma peregrinação por vários países.

Corroborando com o jornalista José Nêumanne, que alertou que é praticamente impossível quebrar a inimputabilidade dos chefões da altíssima corte tupiniquim, senador Alessandro Vieira, do PPS, afirmou que o arquivamento do pedido de suspeição de Gilmar Mendes "só reforça a necessidade da CPI da Lava Toga".

Indicando que sua intenção é ser inimigo de todos, o ex-presidenciável Ciro Gomes, 1 dia após voltar a chamar o brilhante vereador paulista Fernando Holiday de capitãozinho do mato, acusou a nefasta petista Gleisi Hoffmann de ser a chefe da quadrilha de Lula.

Por ter coragem de criticar o "esdrúxulo termo feminicídio", ressaltando que já existe o homicídio e que apenas 8% do número total de assassinatos no Brasil ocorrem contra mulheres, a DJ Pietra Bertolazzi, diretora do Fundo Social de SP no governo Doria, é alvo de um abaixo-assinado pedindo que ela seja exonerada do cargo.

Crítica:

Ainda sem saber as motivações do crime bárbaro e covarde, hoje a polícia prendeu 2 pessoas acusadas de matarem a vereadora do PSOL do RJ Marielle Franco, sendo que um deles é o policial militar reformado Ronnie Lessa, apontado como autor dos disparos contra a vereadora e seu motorista, e o outro é o policial militar Élcio Vieira de Queiroz, que estava dirigindo o automóvel.

PAZ, amor e bons negócios;

O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer crítica, dúvida ou sugestão, favor contatar: rb@relatoriobrasil.com

Conheça e indique nosso Blog: www.relatoriobrasil.com
Curta nossa página no Facebook: www.facebook.com/relatoriobrasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário