R.B. 5/SET/18 "Mais dúvida e desconfiança no mercado"



"Mais dúvida e desconfiança no mercado"

São Paulo, 5 de setembro de 2018 (QUARTA-FEIRA).

Mercados e Economia:

Hoje (1) a BOVESPA deve seguir em queda, acompanhando as perdas das demais bolsas mundiais, prejudicada pelo recuo das commodities e com os investidores “ressabiados” com o cancelamento da divulgação de 2 pesquisas de intenções de voto para presidente e (2) o DÓLAR pode subir, seguindo a trajetória internacional da moeda norte-americana e também influenciado pela esperada piora do “humor” na bolsa tupiniquim.

Ontem, no BRASIL, (1) a BOVESPA caiu -1,9%, para fechar o dia no menor patamar desde 11/JUL/18, acompanhando as perdas das demais bolsas mundiais e com os investidores cautelosos com as eleições presidenciais tupiniquins e com o risco de contágio do país com as crises em outros países emergentes, principalmente Argentina e Turquia e (2) o DÓLAR subiu 0,1% à R$ 4,15, dividido entre os leilões de venda do BC e a alta generalizada da moeda norte-americana no exterior, após um pregão com boa volatilidade, já que na mínima recuou -0,3% e na máxima avançou 1,1%.

Também ontem, nas principais bolsas (1) da ÁSIA, sem uma tendência única, Japão -0,1%, diante do surgimento de temores de mudança futura na atual política monetária expansionista do BC local e China 1,1%, tentando uma recuperação após 5 pregões seguidos de queda, com papéis de seguradoras e companhias do setor imobiliário em destaque, (2) da EUROPA, Inglaterra -0,6%, França -1,3% e Alemanha -1,1%, em mais um dia de cautela com as discussões em torno do comércio global e (3) dos EUA, retornando do feriado, S&P -0,2%, DJ -0,1% e NASDAQ -0,2%, com destaques de baixa para as empresas de mineração, diante da queda generalizada nos preços dos metais, e também prejudicadas pelo anúncio de que o índice de gerentes de compras do setor industrial do país recuou de 55,3pts em JUL/18 para 54,7pts em AGO/18, registrando assim o menor nível em 9 meses.

Indicando que “precisa ser muito otimista para acreditar que a economia tupiniquim já está se recuperando”, em JUL/18 (1) a produção industrial brasileira recuou -0,2% na comparação com JUN/18, com destaques negativos para os setores de veículos automotores, reboques e carrocerias (-4,5%) e de equipamentos de informática, produtos eletrônicos e ópticos (-7,2%) e (2) as vendas dos supermercados do país cresceram apenas 0,3% em termos reais, que desconta a inflação, na comparação com o mesmo período de 2017.

Fruto de uma política econômica perversa, que estimula o consumo e o endividamento, em AGO/18 chegou a 60,7% o percentual de famílias brasileira com dívidas em atraso, patamar 1,1% superior ao auferido em JUL/18.

Apresentando um cenário bastante desanimador, Pedro Fernandes, chefe de negócios em agricultura do Itaú, afirmou que 18 usinas de açúcar e etanol do centro-sul do Brasil não estão gerando caixa suficiente para manter suas operações e outras 22 empresas mal têm conseguido gerar recursos suficientes para cobrir serviços da dívida e para manter níveis adequados de renovação dos canaviais.

Beneficiando o setor agrícola tupiniquim, a China, por conta da “guerra comercial de Trump”, substituirá quase inteiramente suas importações de soja dos EUA por grãos brasileiros e de outras origens na próxima temporada.

Causando uma imediata e consistente elevação do preço internacional do petróleo, a tempestade Gordon, que pode se tornar um furacão, já interrompe parte da produção de óleo e gás dos EUA no Golfo, que por sua vez representa 17% da produção total norte-americana.

-   A Nike caiu -3,2% na bolsa de NY, depois que a companhia disse que apresentaria Colin Kaepernick, o quarterback da Liga Nacional de Futebol que liderou protestos de jogadores durante o hino nacional, em uma nova campanha publicitária.
-     A Amazon.com avançou 1,3% na Bolsa de NY e fechou em US$ 2.039,51, superando brevemente o nível necessário para elevar seu valor de mercado acima de US$ 1tri.

Política:

Aumentando a possibilidade do Brasil se livrar do PT, Haddad, poste que Lula vai tentar eleger presidente após sua candidatura ser barrada no TSE, foi denunciado pelo Ministério Público de SP pelos crimes de corrupção, lavagem de dinheiro e formação de quadrilha com base na delação premiada de Ricardo Pessoa, dono da construtora UTC.

Como sabe que “pode mentir para seus eleitores mas não pode mentir para a justiça”, Alckmin, embora tenha negado publicamente uma reunião com um delator da Odebrecht que o acusa de ter recebido caixa 2, confirmou a realização do encontro em depoimento sigiloso que prestou à Procuradoria-Geral da República.

Fundador do MBL e candidato à Deputado Federal pelo DEM, Kim Kataguiri pediu, com toda razão, ao Tribunal Superior Eleitoral que Lula, o maior bandido da história do Brasil, seja punido pelo crime de desobediência do Código Eleitoral e que o PT seja proibido de veicular qualquer propaganda eleitoral no rádio e na TV em que o petista “se coloque como, ou que aparente ser, candidato à Presidência da República”.

Marina Silva, candidata à presidente pelo REDE que disputa para não ganhar, participou ontem à noite, no RJ, de um “encontro com 80 artistas de esquerda órfãos de Lula”, que foi organizado por Marcos Palmeira, Marco Nanini e Maitê Proença, apoiadores declarados de sua campanha, e cujo tema central foi o financiamento público para a cultura.

Sem perceber que a maioria dos eleitores de Bolsonaro é fiel a ele e consideram o PSDB um partido de esquerda e aliado ao PT, a estratégia nefasta de Alckmin ao bater forte no candidato do PSL ocorre pois o tucano acha que Haddad, o poste de Lula, está garantido no segundo turno.

Obviamente “se lixando para o PT” e principalmente para o Brasil, Lula, que aos poucos está percebendo que “sua casa caiu”, resiste o quanto pode para passar o bastão para Haddad, seu poste, o que certamente prejudicará seu partido.

Confirmando que “Lula não quer largar o osso”, ontem, conforme já era de se esperar, os advogados do referido presidiário VIP de Curitiba recorreram ao Supremo Tribunal Federal e ao Tribunal Superior Eleitoral para que ele possa ser candidato à presidente nestas eleições.

Muito mais realista que os tucanos, a campanha de Ciro, presidenciável do PDT, avalia que (1) o impacto da indicação de um herdeiro político do ex-presidente Lula, especialmente no Nordeste, é imensurável, (2) que o PT demorou a apresentar Haddad, o que poderia beneficiar o pedetista e (3) o voto de Bolsonaro se cristalizou e que, hoje, há só uma vaga no segundo turno em disputa.

Crítica:

Trabalhando, como de costume, para bandidos tucanos, petistas e peemedebistas, ontem Gilmar Mendes, ministro do Supremo Tribunal Federal, mandou soltar Laurence Casagrande Lourenço, ex-presidente da Dersa e ex-secretário do governo Alckmin, que estava enjaulado desde JUN/18 sob suspeita de favorecer empreiteiras na obra do trecho norte do Rodoanel.

Certamente causando “mais dúvida e desconfiança no mercado”, a pesquisa Ibope/Estadão/TV Globo sobre a disputa presidencial, que deveria ser anunciada ontem à noite e seria a primeira após o indeferimento da candidatura de Lula pelo TSE e o início do horário eleitoral gratuito no rádio e na TV, foi cancelada supostamente por uma cautela do referido instituto de pesquisa.

PAZ, amor e bons negócios;

O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer crítica, dúvida ou sugestão, favor contatar: rb@relatoriobrasil.com

Conheça e indique nosso Blog: www.relatoriobrasil.com
Curta nossa página no Facebook: www.facebook.com/relatoriobrasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário