R.B. 7/AGO/18 "O desespero de quem torce para os socialistas do PT e do PSDB se alternarem eternamente no poder"



"O desespero de quem torce para os socialistas do PT e do PSDB se alternarem eternamente no poder"

São Paulo, 7 de agosto de 2018 (TERÇA-FEIRA).

Mercados e Economia:

Hoje (1) a BOVESPA deve subir, recuperando as perdas do pregão anterior, acompanhando o movimento ascendente das commodities e beneficiada pela valorização das principais bolsas mundiais e (2) o DÓLAR pode cair, seguindo a esperada melhora do "humor" na bolsa tupiniquim e também a trajetória internacional da moeda norte-americana, diante da redução das expectativas de uma alta de juros mais intensa nos EUA.

Ontem, no BRASIL, (1) a BOVESPA caiu -0,5%, revertendo uma abertura positiva, a despeito da alta vista nas bolsas de NY, com baixo volume de negócios (R$ 7,6bi), pouca volatilidade e com os investidores começando a perceber e a temer que o apoio dos bandidos do centrão à candidatura de Alckmin não necessariamente trará mais votos ao referido tucano e (2) o DÓLAR subiu 0,7% à R$ 3,73, acompanhando a piora do "humor" na bolsa tupiniquim e em um movimento de cautela dos mercados globais diante dos conflitos comerciais entre EUA e China.

Também ontem, nas principais bolsas (1) da ÁSIA, Japão -0,1%, com destaques de queda para as ações do setor financeiro, após o SoftBank, cujas ações recuaram -2,2%, divulgar resultados piores do que o esperado e China -1,3%, no menor patamar desde FEV/16, diante da intensificação das tensões comerciais com os EUA, (2) da EUROPA, com pouca volatilidade, Inglaterra -0,1%, França -0,1% e Alemanha -0,1%, prejudicadas pelas incertezas sobre o Brexit, pela escalada das tensões comerciais entre Washington e Pequim e pelo resultado ruim das encomendas à indústria alemã e (3) dos EUA, recuperando as perdas da abertura, S&P 0,3%, DJ 0,2% e NASDAQ 0,6%, sustentadas pelo avanço dos papéis de empresas de tecnologia, que por sua vez foram impulsionadas pelas expectativas cada dia melhores para a economia norte-americana.

Acreditando que a taxa básica de juros permanecerá em 6,5% até o final do ano, o "mercado", sem saber o que vai acontecer na política, manteve em 1,50% e em 4,11%, exatamente como na semana passada, suas "apostas" respectivamente para o crescimento da economia e para a inflação do país neste ano de 2018.

Mostrando mais uma vez seu lado socialista, Alckmin, candidato tucano à presidente e "queridinho do mercado", afirmou ontem que, se eleito, não privatizará bancos públicos como Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal, além da exploração de petróleo em águas profundas, feita pela Petrobras.

Atraindo cada dia mais investidores tupiniquins, que provavelmente vão "pagar o pato" da nova bolha que está surgindo, no primeiro semestre deste ano Portugal registrou a criação de 23.691 empresas, o que representa um crescimento de 14% na comparação com o mesmo período de 2017.

Fazendo o país perder competitividade, o Brasil, por ter uma mão de obra barata e também pouco qualificada, está apenas na posição 39 do ranking mundial de 44 países e que mede o nível de automação de empresas.

Mostrando que o brasileiro segue sendo um analfabeto financeiro, a caderneta de poupança, que só é boa para os bancos, registrou entrada líquida de R$ 3,748bi em JUL/18, o que representa o melhor resultado para o mês desde 2014.

Elevando o saldo negativo acumulado no ano para -7,3bi, os investidores estrangeiros, preocupados com os rumos da política e da economia brasileira, retiraram R$ -1,1bi da bolsa tupiniquim nos 2 primeiros pregões de AGO/18, porem mesmo assim o Ibovespa ainda acumula uma alta de 6,1% em 2018 e de 19,3% nos últimos 12 meses.

Mesmo com a alta do dólar, que acumula valorização de 19,5% nos últimos 12 meses, em JUL/18 as vendas externas de calçados caíram -40,0% em volume e -26,4% em valor, ambos na comparação com o mesmo período do ano anterior.

-    A Linde recuou -1,6% na bolsa da Alemanha, depois que a companhia de gás industrial informou que reguladores podem exigir mais vendas de ativos do que o esperado em troca de aprovação antitruste para a fusão planejada com a Praxair.
-    O Facebook subiu 4,4% na bolsa de NY, após o Wall Street Journal publicar que a empresa estaria fazendo um acordo com grandes bancos dos EUA para utilizar dados de clientes a fim de oferecer novos serviços.

Política:

Apesar de estar certado pelos bandidos do centrão, pertencentes a partidos nefastos como DEM, PP, PR, PRB, SD, PTB, PSD e PPS, Alckmin "garantiu" não haverá indicações políticas para as agências reguladoras e que apenas usará recursos do FGTS para moradia, infraestrutura, saneamento e mobilidade.

Mostrando que tudo pode sempre piorar na política tupiniquim, Renan Filho, peemedebista, picareta e filho de Renan Calheiros, que disputava praticamente sozinho a reeleição para o governo de Alagoas, agora terá como adversário o senador Fernando Collor, do PTC, que disputará o governo de seu estado natal com o apoio do PSDB, do PSB, do PP e do DEM.

Para "o desespero de quem torce para os socialistas do PT e do PSDB se alternarem eternamente no poder", segundo um relatório divulgado ontem pela consultoria Arko Advice Bolsonaro "sai na frente para conseguir um lugar no segundo turno e terá que ser violentamente desconstruído para ficar de fora", já que desde OUT/17 o candidato do PSL mantém sua intenção de votos acima dos 20%.

Levantando suspeitas de que está usando drogas pesadas, Meirelles, que tem no máximo 1% nas pesquisas de intenções de voto para presidente, "garantiu" ontem que acredita que vencerá as eleições já no primeiro turno.

Coberto de razão, o senador Alvaro Dias, que é candidato ao palácio do Planalto pelo Podemos, criticou a aliança do PSDB de Alckmin com o centrão, ressaltando que o objetivo do agrupamento público é manutenção do atual sistema político, que foi posto em xeque pela Lava Jato.

"Comemorando" hoje 4 meses de cadeia, Lula, maior e pior bandido da história tupiniquim, além de colocar em risco o futuro do PT, insistindo em sua candidatura impossível, humilha publicamente o PCdoB e Manuela D'Ávila que, tradada como uma "política de segunda classe", foi obrigada a desistir de sua candidatura presidencial para ficar à disposição dos petistas aguardando a definição da justiça para assumir a vaga de vice na chapa encabeçada por Haddad.

Crítica:

Por conta da falta de investimentos em saneamento básico, apenas no ano passado o Brasil deixou de economizar R$ 39,8bi na saúde pública.

PAZ, amor e bons negócios;

O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer crítica, dúvida ou sugestão, favor contatar: rb@relatoriobrasil.com

Conheça e indique nosso Blog: www.relatoriobrasil.com
Curta nossa página no Facebook: www.facebook.com/relatoriobrasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário