R.B. 21/JUN/18 "Um apoio, e principalmente um eleitor, importante"



"Um apoio, e principalmente um eleitor, importante"

São Paulo, 21 de junho de 2018 (QUINTA-FEIRA).

Mercados e Economia:

Hoje (1) a BOVESPA deve cair, devolvendo parte da recuperação acumulada nos últimos 2 pregões, acompanhando o recuo das commodities e prejudicada pela piora do cenário político e econômico no país e (2) o DÓLAR pode subir, reagindo negativamente a manutenção da Selic e seguindo a esperada piora do “humor” na bolsa tupiniquim.

Ontem, no BRASIL, (1) a BOVESPA subiu 1,0%, mesmo após fechar o pregão anterior registrando a maior alta desde 14/FEV/18, desta vez acompanhando a melhora do “humor” nas principais bolsas mundiais e a valorização internacional das commodities e (2) o DÓLAR subiu 0,7% à R$ 3,77, mesmo diante dos leilões de venda do BC e da melhora do “humor” na Bolsa tupiniquim, com as atenções dos agentes voltadas para a expectativa pelo final da reunião do Comitê de Política Monetária (Copom).

Também ontem, nas principais bolsas (1) da ÁSIA, Japão 1,2% e China 0,3%, apagando parte das fortes perdas que registraram no pregão anterior, diante dos sinais de que haverá uma pausa temporária na tensão comercial global, (2) da EUROPA, Inglaterra 0,3%, França 0,1% e Alemanha 0,2%, beneficiadas por declarações de Mario Draghi, presidente do BC europeu, que reafirmou seu compromisso em manter um "grau amplo de acomodação monetária" pelo tempo necessário para que a meta de inflação de quase 2% do BCE seja atingida e (3) dos EUA, com o NASDAQ fechando novamente no maior patamar da história, S&P 0,2%, DJ 0,1% e NASDAQ 0,7%, diante do otimismo em torno de possíveis flexibilizações por parte de Trump na questão imigratória no do país, já que os imigrantes representam cerca de 25% da força de trabalho das empresas norte-americanas de ciência e tecnologia.

Ainda sem entender, ou fingindo que não entende, a forma de negociar de Trump, ontem os principais líderes dos maiores BCs do Mundo divulgaram um comunicado conjunto alertando que  a “guerra comercial” em andamento entre as maiores economias do mundo está pesando sobre a confiança empresarial e pode forçar a redução das perspectivas econômicas.

Como quem avisa que “o gato subiu no telhado”, o Copom, apesar de manter a taxa bacia de juros no menor patamar da história (6,5% ao ano), pela terceira vez seguida e como queria e esperava mais de 90% do “mercado”, retirou do comunicado a indicação usada nas vezes anteriores que sinalizava juros estáveis no futuro, o que indica que na próxima reunião pode ocorrer uma alta da Selic, porem também ressaltou que a elevada ociosidade da economia tupiniquim, que atualmente é a maior em 20 anos, vai absorver possíveis impactos inflacionários.

Conforme já era de se esperar, Paulo Caffarelli, presidente do Banco do Brasil, afirmou que as concessões de crédito do referido banco estatal a empresas recuaram após a paralisação dos caminhoneiros.

Registrando o pior resultado do ano, em MAI/18 a economia do Brasil criou de 33,7 mil empregos com carteira assinada, patamar também abaixo do auferido em MAI/17 (34,3 mil postos de trabalho), ainda com destaque positivo para a agropecuária.

Para fazer a operação acontecer, já que a demanda estava baixa por conta das condições de mercado, o Agibank, que tenta lançar ações na bolsa tupiniquim, já reduziu em -17% o preço inicial das ações.

Antes tarde do que nunca, a CVM abriu um processo sancionador contra os 12 integrantes do conselho de administração da Petrobras, inclusive a ex-presidenta Dilma, à época da compra da refinaria de Pasadena, nos EUA, em 2006, acusando os conselheiros de não terem atuado no melhor interesse da companhia ao aprovar a operação.

-    A Petrobrás disparou 5,1%, acompanhando o preço do petróleo no mercado internacional e com a retomada da votação do Projeto de Lei da Cessão Onerosa, porem mesmo assim acumulando queda de -36,7% nos últimos 30 dias.
-    Facebook, com lata de 2,3%, Netflix subindo 2,9% e Amazon ganhando 0,9% fecharam nos seus maiores patamares da história.

Política:

Assistencialista, com o dinheiro dos trabalhadores, o Tribunal Superior do Trabalho tem estimulado, em acordos coletivos, sindicatos e empresas a impor o desconto de meio dia da jornada dos trabalhadores como uma alternativa para irrigar o caixa de entidades de representação de categorias.

Por fazer seu trabalho de fiscalização, “batendo de frente” com o ministro da agricultura Blairo “motosserra” Maggi, Maurício Lopes, presidente da Embrapa, deixa o cargo em 12/OUT/18, período que encerra seu mandato de 6 anos.

Fazendo algo útil, ontem a Câmara dos Deputados aprovou o texto base do projeto de lei que altera as regras do pré-sal e permite que outras empresas possam operar nos blocos hoje controlados pela Petrobras na área conhecida como cessão onerosa.

Considerado um modelo de líder para quem defende a volta do regime militar, o general Eduardo Villas Boas, comandante do Exército tupiniquim, recebeu hoje Fernando Haddad e postou uma foto do encontro em sua conta oficial do Twitter.

Destacado por Rodrigo Maia para analisar, e se tudo correr como eles esperam aprovar, o requerimento da CPI que quer acabar com a Lava Jato, o corregedor da Câmara, deputado Evandro Gussi, do PV, avisou que já tem seu parecer no qual ressalta que “há fato determinado para a abertura da CPI”.

Esquecendo-se que precisa dos votos dos eleitores, Alckmin, com cada vez menos votos em SP, reuniu-se ao longo do dia de ontem com os presidentes do DEM, ACM Neto, do PTB, Roberto Jefferson, e do PRB, Marcos Pereira.

Sonhando com uma vaga de vice presidente, ontem, Logo após se reunir com Alckmin, ACM Neto foi jantar com Ciro Gomes e saiu de lá afirmando que a plataforma política do pedetista não é incompatível com a do seu partido, o DEM.

Considerado uma espécie de apaziguador de Ciro Gomes, candidato do PDT à presidente, Cid Gomes, seu irmão, afirmou, com uma boa dose de razão, que o povo brasileiro deseja cada vez mais um presidente com um perfil que fala o que pensa.

Atraindo cada dia mais tucanos, o senador Álvaro Dias, pré-candidato presidencial do Podemos, fez ontem campanha no Amazonas ao lado do prefeito de Manaus, Arthur Virgílio, que é um dos principais líderes do PSDB e este ano ensaiou disputar as previas contra o ex-governador de SP.

Podendo conseguir “um apoio, e principalmente um eleitor, importante”, Marina Silva, que atualmente é a candidata com maiores chances de vitória se for para o segundo turno, jantou na casa do apresentador Luciano Huck, cogitou se lançar à presidência e que apresentou para a candidata do rede as propostas do Agora!.

Crítica:

Consciente, evoluída e principalmente com a habilidade e a humildade de aprender com os próprios erros, a União Europeia estabeleceu como meta reduzir -1/3 de seu consumo de energia antes de 2030.

Contando com um lobby eficiente e produtivo, ontem, menos de um mês após o governo anunciar a redução de créditos tributários concedidos a fabricantes de refrigerantes para reparar as perdas de arrecadação provocadas pelo acordo com caminhoneiros, avançou no Senado uma proposta que restabelece o benefício ao setor.

PAZ, amor e bons negócios;

O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer crítica, dúvida ou sugestão, favor contatar: rb@relatoriobrasil.com

Conheça e indique nosso Blog: www.relatoriobrasil.com
Curta nossa página no Facebook: www.facebook.com/relatoriobrasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário