R.B. 21/AGO/17 "Ala Joesley Batista do PSDB"



"Ala Joesley Batista do PSDB"

São Paulo, 21 de agosto de 2017 (SEGUNDA-FEIRA).

Mercados e Economia:

Hoje (1) a BOVESPA deve cair, devolvendo parte dos lucros acumulados no mês (4,2%) e no ano (14,1%), acompanhando o recuo das commodities e influenciada pela crescente percepção de que o Brasil está “empurrando seus problemas com a barriga” e (2) o DÓLAR pode subir, recuperando parte das perdas acumuladas no ano (-3,2%), influenciado pelos mesmos motivos que devem derrubar a bolsa tupiniquim e acompanhando a trajetória internacional da moeda norte-americana.

Sexta-feira, no BRASIL, (1) a BOVESPA subiu 1,1%, na contramão das principais bolsas mundiais, que registraram perdas, beneficiada pela valorização das commodities e com bom volume de negócios (R$ 9,0bi) e (2) o DÓLAR -1,0% à R$ 3,14, acompanhando o “humor positivo” na bolsa tupiniquim e influenciado pelos “rumores” de uma entrada acentuada de recursos externos devido à aproximação do cronograma de pagamentos da venda da Vigor para o mexicano Grupo Lala, anunciada no início do mês.

Também sexta-feira, nas principais bolsas (1) da ÁSIA, Japão -0,4% e China -1,2%, em meio a preocupações com uma nova crise política nos EUA e com o violento ataque terrorista na cidade espanhola de Barcelona, (2) da EUROPA, Inglaterra -0,9%, França -0,6% e Alemanha -0,3%, com destaques de queda para as ações das companhias aéreas e de lazer e turismo, como Easyjet (-0,9%), Ryanair (-2,0%) e Iberia (-2,1%), refletindo uma aversão a risco que se espalhou nos mercados globais devido a um ataque terrorista na Espanha, que deixou 13 mortos e mais de 100 feridos e (3) dos EUA, recuperando uma pequena parte das perdas da abertura, S&P -0,2%, DJ -0,3% e NASDAQ -0,1%, seguindo as perdas das bolsas europeias e com as tensões envolvendo a Casa Branca e o governo Trump ainda no radar.

Segundo Nilson Teixeira, economista-chefe do prestigiado banco de investimentos Credit Suisse, a economia brasileira deve sair com 3 sequelas da pior recessão de sua história (1) taxa natural de desemprego mais alta, (2) taxa de investimento menor e (3) taxa de crescimento potencial menor.

Enquanto a “vendida” S&P diz que está tudo bem com a economia tupiniquim, neste final de semana o FMI alertou que, segundo suas contas, a dívida pública brasileira já equivale a mais de 80% da renda nacional, um patamar que destoa entre os principais países emergentes, e só o Brasil apresenta uma trajetória explosiva de endividamento do governo, que por suas projeções não será interrompida antes de 2022.

A mentira, a dissimulação, a pirotecnia e a compra de concorrentes para depois elimina-los, como fará o Itaú com a XP, são as principais armas que os grandes bancos brasileiros tem usado para tentar reter clientes que, com toda a razão e seguindo o que acontece nos mercados desenvolvidos, passam cada dia mais a investir através de corretoras de valores independentes e com o auxílio de assessores de investimentos.

Fugindo da crise financeira, da violência e da falta de valores morais, o número de famílias que saem do Brasil para outros países continua crescendo, já que em 2016 os vistos de imigrante concedidos pelo governo norte-americano a brasileiros somaram 3.287, patamar que é o dobro do registrado em 2014.

Beneficiando os caloteiros, muitos deles parlamentares do Congresso Nacional, o Ministério da Fazenda indicou que aceitará baixar ainda mais o valor da entrada para adesão ao Refis, que é o programa de financiamento de dívidas tributárias cujas multas e juros serão também reduzidas em 99%.

Com o país tentando elevar sua presença no comércio global, (1) as negociações entre Mercosul e União Europeia para um acordo de livre-comércio seguem em ritmo acelerado, mas os europeus vêm relutando em melhorar sua proposta de abertura do mercado de bens agrícolas e (2) o brasileiro Roberto Azevêdo, diretor-geral da OMC, se reunirá com cerca de 100 empresários do país na próxima sexta (25/AGO/17), na sede da CNI, em Brasília.

Escancarando mais uma vez a insegurança jurídica do país, a juíza da 20ª Vara Federal do Distrito Federal Adverci Rates Mendes de Abreu determinou na sexta-feira a suspensão do aumento de tributos dos combustíveis em todo o país, em uma decisão liminar que cabe recurso.

O Brasil é o maior exportador de carne de frango do mundo e, após a indústria chinesa se queixar de que o país vende produtos abaixo do valor do mercado interno, o governo chinês abriu investigação antidumping sobre as importações de carne de frango brasileira.

-    A Petrobras subiu 4,2%, beneficiada (1) pela valorização internacional do petróleo, (2) pela discussão da cessão onerosa e (3) pela extensão do Repetro.

Política:

Usando o discurso de renovação para atrair a escória do PSDB, o DEM, com a ajuda do presidente Temer, quer filiar o quanto antes Aécio Neves e os deputados Paulo Abi Ackel e Marcus Pestana, que pertencem à “ala Jaburu” dos tucanos.

Em uma atitude pouco republicana, que infelizmente tem se tornado rotina nos últimos tempos, o presidente Temer participou no sábado passado de uma reunião não registrada em sua agenda oficial com Gilmar Mendes, ministro do STF e presidente do Tribunal Superior Eleitoral, E Rodrigo Mais, presidente da Câmara, supostamente para discutir reforma política e parlamentarismo.

A conhecida como “ala Joesley Batista do PSDB”, que defende Temer e Aécio, “vai partir para o tudo ou nada” esta semana e, caso Tasso Jereissati não seja afastado do comando do partido até sexta-feira, ao menos 10 parlamentares tucanos estariam dispostos a mudar de partido, possivelmente para o DEM.

Novo aliado de Doria, o pastor Silas Malafaia alertou o referido tucano que simpatizantes do pré-candidato à Presidência Jair Bolsonaro já atuam nas entranhas virtuais para "desconstruir" a boa imagem que o prefeito de SP vem cultivando com evangélicos.

De olho nos bilhões do fundo eleitoral, Daniel Braga, que é o marqueteiro de Doria e de Temer nas redes sociais, disse ao Estadão que precisará de 220 profissionais para tocar uma campanha nacional nas eleições presidenciais em 2018.

Provando que “defende seus amigos em qualquer situação”, Gilmar Mendes, ministro do Supremo Tribunal Federal, mandou novamente soltar Jacob Barata Filho, que foi preso no começo de JUL/17 por comandar um esquema de corrupção no setor de transportes do RJ, com a participação de empresas e políticos do estado, que teria movimentado R$ 260mi em propina.

Fazendo o que é certo, o Ministério Público Federal no RJ enviou ao procurador-geral da República, Rodrigo Janot, um pedido de impedimento de Gilmar Mendes para atuar no caso do seu “amigo” Jacob Barata Filho, argumentando que a filha de Barata é casada com o sobrinho do ministro, de quem ele foi padrinho de casamento.

Confirmando a falta de caráter dos parlamentares tupiniquins, 1 a cada 5 deputados federais recebeu nas eleições de 2014 doações de empresas ou pessoas que eles contrataram e às quais pagaram com dinheiro público.

Azedando ainda mais a relação entre Temer e os tucanos, foi revelado neste final de semana que foi FHC o autor da inclusão do termo "presidencialismo de cooptação" usado no programa do PSDB que causou o mais novo capítulo do racha no partido.

Em mais um capítulo do aprofundamento das divisões internas do PSDB, o diretório do partido na cidade de SP divulgou ontem uma nota em que "repudia veementemente" qualquer tentativa de articulação política entre o senador Aécio e o presidente Temer.

Crítica:

Sem nenhuma vergonha na cara, a Postalis fundo de pensão dos funcionários do Correio que foi dilapidado pelos picaretas do PT, está cobrando R$ 5bi do banco norte-americano BNY Mellon por, na condição de administrador, não ter vetado a compra de papéis com elevado grau de risco.

O homem tem consumindo muito mais do que o necessário, muitas vezes jogando fora coisas que poderiam ser reparadas, porém surgem cada dia mais, principalmente em países desenvolvidos, grupos de pessoas que se reúnem para concertar coisas quebradas, como laptops, ventiladores, toca-discos antigos e centenas de outros aparelhos.

PAZ, amor e bons negócios;
Alfredo Sequeira Filho

O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer crítica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alfredo@relatoriobrasil.com

Conheça e indique nosso Blog: www.relatoriobrasil.com
Curta nossa página no Facebook: www.facebook.com/relatoriobrasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário