R.B. 26/OUT/16 "Bastante acima do tom"



"Bastante acima do tom"

São Paulo, 26 de outubro de 2016 (QUARTA-FEIRA).

Mercados e Economia:

Hoje (1) a BOVESPA deve seguir em queda, ainda realizando lucros (9,4% no mês e 47,3% no ano), seguindo o recuo das commodities, acompanhando as perdas das demais bolsas mundiais e prejudicada pelo aumento da tesão política e (2) o DÓLAR pode subir, respeitando o “suporte” dos R$ 3,10, influenciado pelos mesmos motivos que devem derrubar a bolsa e tem um “ajuste técnico” após atingir o menor patamar desde 2/JUL/15.

Ontem, no BRASIL, (1) a BOVESPA caiu -0,3%, acompanhando as perdas das bolsas de NY, realizando lucros recentes, com bom volume de negócios (R$ 8,1bi) e com destaques de queda para as ações dos bancos, como Banco do Brasil (-2,4%), e da Petrobras (-1,1%) e (2) o DÓLAR caiu -0,3% à R$ 3,10, para fechar o dia no menor nível desde 2/JUL/15, diante da expectativa de aumento do fluxo positivo de recursos na medida em que se aproxima o final do prazo para regularização de recursos ilegais no exterior.

Também ontem, nas principais bolsas (1) da ÁSIA, Japão 0,8% e China 0,1%, sustentadas, mesmo diante da divulgação de dados revelando uma expressiva desaceleração no crescimento da Coreia do Sul, pelo anúncio de indicadores positivos da economia norte-americana no dia anterior, (2) da EUROPA, sem uma tendência única, Inglaterra 0,4%, com destaques de alta para Glencore (3,6%) e Antofagasta (2,95%), beneficiadas pela valorização do cobre, porem França -0,3% e Alemanha -0,1%, prejudicadas por noticias ruins de empresas como Thyssen Krupp (-3,1%), Deutsche Bank (-1,6%) e Peugeot (-1,3%) e (3) dos EUA, S&P -0,4%, DJ -0,3% e NASDAQ -0,5%, influenciadas negativamente pela queda da confiança do consumidor norte-americano e com as ações de consumo discricionário, como Whirlpool (-10,8%) e General Motors (-4,2%), liderando as perdas depois de uma série de relatórios de lucros decepcionantes.

Indicando que a redução da taxa básica de juros deve ser mais gradual e cautelosa do que se esperava, na ata da sua última reunião, quando decidiu reduzir a Selic em -0,25%, de 14,25% para 14%, o Copom mostrou preocupação com a evolução da inflação de serviços.

Com o governo Temer “cortando na própria carne”, principalmente para dar o exemplo, ontem Dyogo Oliveira, ministro do Planejamento, anunciou que cortou 3.290 cargos comissionados e funções gratificadas na administração pública federal, atingindo 76% da meta de redução proposta no início da atual gestão, o que vai gerar uma economia anual de R$ 176mi para os cofres públicos.

Com o país ainda “colhendo os frutos podres” da era PT, ontem foi divulgado o ranking Doing Business, criado pelo Banco Mundial para monitorar o ambiente de negócios dos países, que mostrou que o Brasil perdeu mais 2 posições e agora ocupa o 123ª lugar entre os 190 países da lista, que é liderada pela Nova Zelândia, seguida por Cingapura e Dinamarca.

Elevando o saldo positivo no mês para R$ 3,3bi e no ano para R$ 16,3bi, na última sexta-feira (21/OUT/16) os investidores estrangeiros, cada dia mais otimistas com a recuperação da credibilidade e da economia tupiniquim, trouxeram R$ 139,7mi para comprar ações na bolsa brasileira.

-    Segundo Marcos Pereira, ministro tupiniquim da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, o acordo entre o Mercosul e União Europeia, cujas negociações se arrastam há anos, deve ser assinado em 2018.
-    O volume de asfalto vendido no Brasil deve fechar 2016 em queda de -34% em relação ao ano passado, prevê a Abeda (associação das distribuidoras).
-    Diante da valorização do real e da leve melhora da confiança na economia, sem SET/16, pelo segundo mês consecutivo, o gasto dos brasileiros em viagens ao exterior cresceu na comparação com SET/15 (2,6%) e também na comparação com AGO/16 (0,2%).

-    A Apple subiu 0,5%, porem ontem, após o fechamento do pregão, a empresa anunciou que, com as vendas do iPhone 6S ficando abaixo do seu predecessor, o seu faturamento anual teve uma queda de -8%, o que representa a primeira retração nesta base de comparação em 15 anos.

Política:

“Bastante acima do tom”, algo que geralmente só acontece quando a pessoa perdeu totalmente a razão, o cacique peemedebista Renan Calheiros, presidente do Senado, afirmou que foram fascistas os métodos empregados pela Polícia Federal para prender integrantes da Polícia Legislativa, ressaltando que o magistrado que deu a ordem de prisão é um “juizeco” e que vai contestar tudo no Supremo Tribunal Federal.

Na mesma linha da Associação dos Juízes Federais, a ministra Carmen Lucia, presidente do Supremo Tribunal Federal, também saiu em defesa do juiz Vallisney de Souza Oliveira, classificado como “juizeco” pelo presidente do Senado, ressaltando que todos os magistrados merecem respeito e alertando que a cada agressão a um juiz, ela própria se sente agredida.

Com 7 votos a menos do que no primeiro turno, quando consegui 366, e 11 a menos do que se esperava (370), ontem o governo Temer teve 359 votos e assim conseguiu aprovar em segundo turno na Câmara Federal a PEC do teto dos gastos públicos, que agora segue para votação no Senado.

Podendo virar o país do avesso, apesar de ainda remota, a possibilidade do governo Temer não conseguir atravessar a turbulência da delação premiada da empreiteira Odebrecht passou a ser considerada e discutida entre lideranças de partidos diversos como PMDB, PSDB e o PT.

As dúvidas em relação à capacidade de o governo Temer aguentar o maremoto que se anuncia surgiram depois de informações de que a delação da Odebrecht atingir os 3 principais auxiliares do presidente (1) Eliseu Padilha, ministro da Casa Civil, (2) Geddel Vieira Lima, da Secretaria de Governo, e (3) Moreira Franco, do Programa de Parcerias de Investimentos.

Faltando 5 dias para o segundo turno das eleições municipais, segundo as ultimas pesquisas divulgadas, (1) em BH Alexandre Kalil, do PHS, que tem 52% e João Leite, do PSDB, tem 48%, (2) em Recife Geraldo Júlio, PSB, tem 59% e João Paulo Lima, do PT, tem 41% e (3) no RJ Crivella, do PRB, tem 63% e Freixo, do PSOL, tem 37%.

Alexandrino Alencar, ex-executivo da Odebrecht e que tinha bastante proximidade com ex-presidente Lula, mudou a atitude em relação ao acordo de delação que está negociando com a Lava Jato e passou a entregar informações sobre a reforma do sítio em Atibaia frequentado pelo petista e as viagens que fez com ele para países da África e América Latina.

-    Como obviamente não quer lagar o osso, o DEM corre atrás de jurisprudências que embasem sua consulta à Comissão de Constituição e Justiça sobre a possibilidade de Rodrigo Maia concorrer à reeleição à presidência da Câmara.

Crítica:

Podendo ajudar a reduzir o transito, o enorme desperdício de energia e a apropriação indébita do espaço público que ocorrem quando apenas 1 pessoa usa 1 carro com 5 lugares para se locomover pela cidade, o israelense Noam Bardin, que é um dos criadores do Waze, anunciou ontem que em breve o popular aplicativo de transito vai começar a ajudar a organizar caronas.

PAZ, amor e bons negócios;
Alfredo Sequeira Filho

O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer crítica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alfredo@relatoriobrasil.com

Conheça e indique nosso Blog: www.relatoriobrasil.com
Curta nossa página no Facebook: www.facebook.com/relatoriobrasil


Nenhum comentário:

Postar um comentário