R.B. 25/NOV/15 "Isto parece ser história de novela ruim"


R.B.

"Isto parece ser história de novela ruim"

 

São Paulo, 25 de novembro de 2015 (QUARTA-FEIRA).


Mercados e Economia:

 

Hoje (1) a BOVESPA deve cair, realizando lucros após fechar o pregão anterior no maior patamar desde 9/OUT/15 (aos 48.284pts), acompanhando o recuo das commodities e influenciada pela nova piora do cenário político tupiniquim, diante da prisão de um senador petista e de um banqueiro renomado e (2) o DÓLAR pode subir, respeitando o "suporte" dos R$ 3,70, recuperando perdas recentes e pressionado pelo mesmo motivo que deve derrubar a bolsa brasileira.

 

Ontem, no BRASIL, (1) a BOVESPA subiu 0,3%, para fechar em território positivo pelo sexto pregão consecutivo, recuperando as perdas da abertura, quando na mínima recuou –1,5%, com destaque de alta para as ações da Petrobrás (5,2%), que foi beneficiada pela valorização do petróleo (4,0%) e (2) o DÓLAR caiu –0,9% à R$ 3,70, seguindo a melhora do "humor" na bolsa brasileira, acompanhando a desvalorização da moeda norte-americana ante outras divisas, pressionado pelos leilões de venda do BC e também influenciado por uma percepção mais positiva sobre o cenário político tupiniquim.

 

Também ontem, nas principais bolsas (1) da ÁSIA, Japão 0,2%, sustentada pelas ações da farmacêutica Nitto Denko (5,3%), após anúncio recente de que um tratamento da empresa para fibrose no fígado será avaliado com rapidez pela agência regulatória dos EUA para medicamentos e alimentos, e da Sharp (13,6%), após notícias de que o fundo de apoio estatal Innovation Network Corporation pode investir no fabricante de eletrônicos se bancos locais concordarem em cancelar uma parcela não especificada da dívida da empresa e China 0,2%, beneficiada pela notícia de que Pequim não está mais exigindo as corretoras comprem mais ações do que vendem em negócios feitos com recursos próprios, (2) da EUROPA, Inglaterra –0,4%, França –1,4% e Alemanha –1,4%, com as incertezas com a economia voltando a estabelecer a aversão ao risco no mercado financeiro, principalmente após o anúncio de dados ruins da economia alemã e da notícia de que um caça russo foi derrubado pelas forças turcas e (3) dos EUA, em dia de volume reduzido de negócios por causa do feriado norte-americano desta quinta-feira, S&P 0,1%, DJ 0,1% e NASDAQ 0,1%, recuperando as perdas da abertura, diante do anúncio de que a taxa anualizada de crescimento do PIB do país no terceiro trimestre em relação ao primeiro trimestre foi revisada para 2,1%, de 1,5% na estimativa preliminar e com destaques de alta para as petrolíferas, como Chevron (1,5%) e ExxonMobil (2,0%).

 

Como os gringos estão acreditando que o Brasil está barato em dólar, já que apenas este ano o real se desvalorizou cerca de –40% frente a moeda norte-americana, segundo um levantamento sobre fusões e aquisições no país feito pela consultoria PwC, neste ano de 2015 a participação de companhias com sede no exterior no total de transações ultrapassou a das brasileiras pela primeira vez desde 2002.

 

Ontem, apenas 1 dia após a presidenta Dilma autorizar um aumento de 11% no auxilio reclusão, Joaquim Levy, ministro da Fazenda, foi obrigado a negar publicamente os "rumores" de que o governo esteja cogitando a possibilidade de adiar o reajuste do salário mínimo no próximo ano como forma de economizar despesas da Previdência.

 

Dando novos sinais negativos da economia brasileira, (1) no terceiro trimestre deste ano a taxa de desemprego nas 25 maiores capitais do país atingiu 8,9%, patamar bem acima dos 6,8% do mesmo de 2014 e a maior taxa da série histórica do IBGE, iniciada em 2012, (2) nos 9 primeiro meses deste ano o volume de compras de chapas de alumínio do exterior, usadas na fabricação das tampas de latinhas para bebidas, caiu –91% na comparação com o mesmo período de 2014 e (3) segundo um estudo do Dieese, quem entrou para trabalhar em uma empresa com carteira assinada recebeu em OUT/15, em média, 87,7% do salário pago a um trabalhador demitido.

 

Nos últimos anos a Argentina perdeu para o Chile o posto de principal destino dos investimentos brasileiros na América do Sul, mas o empresariado, que foi afugentado pelo intervencionismo da presidente Cristina Kirchner, tem esperanças de que a eleição de Mauricio Macri possa melhorar a situação no médio prazo.

 

Responsáveis, juntamente com MG e com o RJ, pela vitória da presidenta Dilma nas eleições presidenciais do ano passado, os estados do Nordeste atualmente tem as maiores taxas de desemprego do país, com destaques negativos para a Bahia (12,8%), Pernambuco (11,2%) e Alagoas (10,4%).

 

Contribuindo, e muito, para a retração da economia brasileira, em crise, o governo federal freou fortemente o ritmo de investimentos em 2015, já que, segundo dados oficiais, nos 10 primeiros meses deste ano apenas 7,7% dos R$ 80bi previstos foram pagos, o que parou ou reduziu o andamento de obras pelo país.

 

Como no mês passado ocorreram vários vencimentos de títulos públicos, o que obriga o governo a resgatar os papéis, em OUT/15, pela primeira vez desde JAN/15, a dívida do governo federal recuou –3,22% na comparação com SET/15, atingindo ainda estratosféricos R$ 2,6tri.

 

Finalmente destravando a maior obra do governo Federal, ontem o Ibama concedeu a licença ambiental para que a Usina de Belo Monte comece a operar no Pará, o que permite o inicio do enchimento do lago da usina e consequentemente o inicio da geração de energia.

Política:
 
Confirmando que os humores continuam acirrados em Brasília, ao comentar a expectativa para a votação da mudança na meta fiscal deste ano na sessão conjunta do Congresso na noite de ontem, Renan Calheiros, presidente do Senado, afirmou esperar que a sessão não se transforme em uma "guerrilha" entre governo e oposição.

 

Envolvendo peixes cada vez mais graúdos, na manhã de hoje a Polícia Federal, com a autorização do Supremo Tribunal Federal, prendeu o senador petista Delcídio Amaral, alegando que tem evidências de que ele tentava conturbar as investigações da Operação Lava Jato, e o banqueiro André Esteves, dono do BTG Pactual, que estaria envolvido nas irregularidades.

 

O deputado Fausto Pinato, do PRB de SP e atualmente relator do processo de cassação do mandato de Eduardo Cunha,  se posicionou ontem pelo prosseguimento da investigação contra o referido presidente da Câmara no Conselho de Ética da Casa, ressaltando que as denúncias apresentadas pela Procuradoria-Geral da República são "gravíssimas" e "merecedoras de uma análise detida por parte do colegiado parlamentar".

 

Mostrando que não existe mais o mínimo senso de justiça entre os parlamentares tupiniquins, o deputado Sergio Moraes, do PTB do RS, que se notabilizou nacionalmente em 2009 ao dizer que se lixava para a opinião popular, publicou em sua página no Facebook uma consulta para saber se vota pela cassação de Eduardo Cunha mesmo sob risco de inviabilizar o impeachment de Dilma.

 

Alheio ao caos de Mariana, o prefeito da cidade, Duarte Junior, pediu formalmente ao Ministério das Relações Exteriores para integrar a delegação brasileira que viaja a Paris para participar da COP 21.

 

Amigão pessoal de Lula, o pecuarista José Carlos Bumlai, preso ontem pela Polícia Federal, se insere em um esquema de corrupção e fraude para pagar dívidas da campanha da reeleição do referido ex-presidente, conforme os depoimentos de delatores e provas que embasaram sua decretação pelo juiz Sergio Moro.


Crítica:

 

"Isto parece ser história de novela ruim", como o cara ainda está solto se (1) os principais companheiros de partido do cara estão presos, (2) os financiadores das campanhas do cara estão presos, (3) a amante do cara foi pega vendendo cargos em estatais, (4) a mulher do cara ganhou um AP com elevador privativo no Guarujá, (5) os filhos do cara ficam ricos sem explicação lógica e (6) agora o melhor amigo do cara é preso.


PAZ, amor e bons negócios;

Alfredo Sequeira Filho


O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer crítica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alfredo@relatoriobrasil.com


Conheça e indique nosso Blog: www.relatoriobrasil.com

Curta nossa página no Facebook: www.facebook.com/relatoriobrasil



Nenhum comentário:

Postar um comentário