R.B. 15/JAN/15 "Só invadir terras, traficar drogas e roubar"


R.B.

"Só invadir terras, traficar drogas e roubar"

 

São Paulo, 15 de janeiro de 2015 (QUINTA-FEIRA)


Mercados e Economia:

 

Hoje (1) a BOVESPA deve subir, tentando uma recuperação após 4 pregões consecutivos de baixa e acompanhando a leve melhora do "humor" nas principais bolsas mundiais e (2) o DÓLAR pode voltar a cair, com "boas chances" de testar o "suporte" dos R$ 2,60, seguindo a trajetória internacional da moeda norte-americana e influenciado pelos leilões de venda do BC.

 

Ontem, no BRASIL, (1) a BOVESPA caiu –0,8%, acompanhando as perdas das bolsas de NY e desta vez com destaque de queda para as ações da Vale (-7,7%), que seguiu o tombo dos preços do minério de ferro no exterior após o Banco Mundial ter cortado suas projeções de crescimento global em 2015 e (2) o DÓLAR caiu –0,6% à R$ 2,61, já que a cautela com a economia global foi amenizada em partes pelo otimismo em relação ao comprometimento da nova equipe econômica do governo com a situação fiscal brasileira.

 

Também ontem, nas principais bolsas (1) da ÁSIA, Japão –1,7% e China –0,4%, com destaques de queda para os produtores de materiais, prejudicadas pelo recuo nos preços do petróleo e do cobre, (2) da EUROPA, Inglaterra –2,3%, França –1,6% e Alemanha –1,2%, pressionadas por preocupações com a desaceleração do crescimento global após o Banco Mundial reduziu suas projeções para a expansão da economia mundial de 3,4% para 3,0% neste ano e de 3,5% para 3,3% em 2016 e (3) dos EUA, em queda pelo quarto pregão consecutivo, S&P –0,6%, DJ –1,1% e NASDAQ –0,5%, influenciadas pelos mesmos motivos que derrubaram as bolsas da Europa e da Ásia e também pela divulgação de um declínio inesperado nas vendas ao varejo do país em DEZ/14.

 

Segundo um ranking de competitividade montado pela Confederação Nacional da Indústria a partir da análise da qualidade da infraestrutura e da educação de cada país, do custo e da disponibilidade de mão de obra doméstica, do peso dos impostos, do custo do capital para as empresas, do ambiente macro e microeconômico e do nível de tecnologia e inovação das nações, o Brasil está no vergonhoso penúltimo lugar, ficando à frente apenas da Argentina.

 

Ajudando a acelerar a explosão da bolha imobiliária brasileira, a Caixa Econômica Federal, que detém 70% do crédito imobiliário no país, anunciou ontem que estuda reajustar as taxas de juros do financiamento imobiliário, mudança que deverá ter impacto nos juros dos demais bancos e no ritmo de atividade da construção civil.

 

Descobrindo aos poucos o "abacaxi" que tem nas mãos, Eduardo Braga, novo ministro de Minas e Energia, recomendou que os brasileiros reduzam o consumo de energia elétrica, ressaltando que o setor elétrico está sendo vítima do ritmo hidrológico, que esse recurso está mais escasso e que é preciso diminuir gastos.

 

Abaladas pela menor confiança de consumidores diante de uma inflação maior e pelo esfriamento da renda e do emprego, em NOV/14 as vendas do comércio varejista registraram expansão de apenas 1% na comparação com NOV/13, o que representa o pior resultado desde 2003.

 

Apesar da péssima qualidade dos aeroportos brasileiros, ontem, ajudando a pressionar ainda mais a inflação, a Agência Nacional da Aviação Civil publicou uma portaria que fixa reajuste de cerca de 14% nas tarifas aeroportuárias de embarque, pouso e permanência.

 

-    A Petrobrás caiu –2,9%, porem após o fechamento do pregão foi divulgado que a empresa deixou de recolher pelo menos R$ 7bi em tributos federais nos últimos 3 anos, beneficiada por uma lei feita sob medida para a companhia no último ano do governo Lula.


Política:
 
Como a decisão mais fácil é sempre não tomar decisão nenhuma, ontem a presidenta Dilma decidiu manter, ao menos por ora, as cúpulas dos três principais bancos públicos federais, com isso, Luciano Coutinho continua à frente do BNDES, Aldemir Bendine fica na presidência do Banco do Brasil e Jorge Hereda permanece no comando da Caixa.
 
-    PSDB, DEM e PPS, que são os principais partidos de oposição, coletaram assinaturas em DEZ/15 para abrir uma nova CPI da Petrobras, mas cada partido redigiu uma justificativa diferente para a investigação e agora o trabalho precisará ser unificado.
-    O governo federal não recebeu do governo de São Paulo qualquer plano de contingência para o caso de desabastecimento no Estado, apesar de a Sabesp já admitir abertamente que o Cantareira pode secar em MAR/15.
 
Acreditando que derrotar o candidato do PT é mais importante do que "marcar posição" bancando um nome da oposição com pouca chance de vitória, integrantes do PSDB e do próprio PSB passaram a questionar internamente a vantagem de manter o apoio à candidatura do deputado Júlio Delgado, do PSB de MG, à Presidência da Câmara.
 
-    A Procuradoria Regional Eleitoral do RJ pediu na Justiça a cassação do diploma de 8 deputados federais e estaduais, todos eles do PT ou do PMDB, eleitos no Estado e que são acusados de captação e gasto ilícito no último pleito.
-    Legislando em causa própria, os deputados estaduais de Pernambuco retornaram ao trabalho no começo desta semana, bem no meio do recesso parlamentar, para votar, e obviamente aprovar, um aumento de 26,34% dos seus próprios salários.
 
Enquanto com uma caneta aumenta impostos e reduz direitos trabalhistas, ontem, com outra caneta, a presidenta Dilma sancionou duas leis que aumentam os salários e subsídios dos ministros do Supremo Tribunal Federal e do procurador-geral da República de R$ 29,4 mil para R$ 33,763 mil.
 
-    Tentando se afastar totalmente de seu passado, a nova Executiva do PP-SP, presidida pelo deputado Guilherme Mussi, trocou as fechaduras da sede do partido, deixando aliados de Paulo Maluf sem a chave.
 
Mostrando que seu cliente está contrariado e possivelmente com vontade de "abrir o bico", Edson Ribeiro, advogado do ex-diretor da Petrobras Nestor Cerveró, afirmou que a justificativa para o Ministério Público Federal ter pedido a prisão preventiva de seu cliente "não tem cabimento" e que, se fosse válida, Graça Foster, presidente da Petrobras, também deveria estar presa pois também transferiu bens para os filhos.


Crítica:
 
Conforme já era de se esperar, segundo a BMW as companhias de tecnologia e anunciantes têm pressionado as montadoras para que repassem os dados recolhidos de seus carros conectados, que contam com rede sem fio que poderia transmitir informações de localização, velocidade, aceleração e os passageiros.
 
Em um texto infeliz, Silvia Pilz, colunista do prestigiado jornal O Globo, tentou fazer piada com questões delicadas, algo parecido com o que o cartunista francês fez e por isto foi vítima de psicopatas desalmados e armados, agora certamente a infeliz colunista brasileira vai apanhar de todos os lados e sorte dela que aqui nossos terroristas (MST, PCC e PT) querem "só invadir terras, traficar drogas e roubar".


PAZ, amor e bons negócios;

Alfredo Sequeira Filho


O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer crítica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alfredo@relatoriobrasil.com 


Conheça e indique nosso Blog: www.relatoriobrasil.com

Curta nossa página no Facebook: www.facebook.com/relatoriobrasil



Nenhum comentário:

Postar um comentário