R.B. 4/JUL/14 ''Degringolada''


R.B.

"Degringolada"

 

São Paulo, 4 de julho de 2014 (SEXTA-FEIRA).


Mercados e Economia:

 

Hoje (1) a BOVESPA deve subir, mesmo com baixo volume de negócios diante do feriado nos EUA e do jogo da Copa no Brasil, novamente impulsionada pelas empresas ligadas a commodities, que se beneficiam dos sinais positivos vindos das principais economias do mundo e do posicionamento mais "conservador" do BC norte-americano e (2) o DÓLAR pode voltar a cair, influenciado pelos leilões de venda do BC e pelos menos motivos que devem ajudar a bolsa brasileira.

 

Ontem, no BRASIL, (1) a BOVESPA subiu 1,6%, acompanhando o ''bom humor'' externo e com os investidores digerindo positivamente a pesquisa de intenções de voto para a eleição presidencial brasileira, que indicou que cresceram as chances de segundo turno e (2) o DÓLAR caiu –0,5% à R$ 2,21, seguindo a melhora do ''humor'' na Bovespa e o aumento do apetite por risco nos mercados globais, o que provocou a queda da moeda norte-americana frente às principais moedas emergentes.

 

Também ontem, nas principais bolsas (1) da ÁSIA, Japão –0,1% e China 0,2%, sem direção única, com os investidores aguardando a divulgação do relatório de emprego dos EUA e avaliando dados positivos da economia chinesa, (2) da EUROPA, próximas às máximas dos últimos 6 anos, Inglaterra 0,7%, França 1,0% e Alemanha 1,2%, impulsionadas por novos sinais de estímulos do BC Europeu após Mario Draghi, seu presidente, afirmar que está pronto para imprimir dinheiro no futuro se necessário e (3) dos EUA, com o DJ superando os 17.000pts pela primeira vez na história, S&P 0,5%, DJ 0,5% e NASDAQ 0,6%, diante da divulgação de dados mostrando que em JUN/14 o crescimento do emprego no país aumentou e que a taxa de desemprego se aproximou de mínima em 6 anos.

 

Mostrando mais um vez os efeitos negativos da Copa do Mundo no Brasil, os indicadores financeiros divulgados nos últimos dias mostram que os feriados do Mundial, somados à queda da produção industrial desde ABR/14, tiveram um forte impacto para a indústria brasileira e  geram uma perda de mais de R$ –45mi à economia.

 

Concorrendo cada dia mais com as LCA e com as LCI, que são isentas de imposto de renda e de IOF, e prejudicados pelas incertezas com relação ao futuro da economia brasileira, no primeiro semestre deste ano a captação liquida dos fundos de investimento ficou em R$ 1,98bi no Brasil, o que representa o pior resultado deste 2002, quando aliás esta pesquisa teve início.

 

Por conta da falta de capacidade gerencial do governo Dilma, que mostrou despreparo para reagir de forma adequada a falta de chuvas na região sudeste do Brasil, os consumidores residenciais e industriais da Eletropaulo deverão perceber um aumento de no mínimo 18% em suas contas de luz a partir desta sexta-feira, o que obviamente trará mais pressão inflacionária.

 

Com o objetivo de contribuir para o aumento da produtividade agrícola e para a menor flutuação dos preços do etanol ao longo da safra, o BNDES reeditou e turbinou em R$ 5bi a linha de credito de apoio à renovação e ampliação canaviais e de financiamento e estocagem de etanol para o ano de 2014.

 

Superando, e muito, as estimativas do ''mercado'', que estão em 5,91%, a inflação mediana projetada pelos consumidores brasileiros aumentou de 7,2% em MAI/14 para 7,4% em JUN/14

 

-    A Oi caiu -2,8%, em uma reação a reportagem do jornal Valor Econômico afirmando que os sócios da empresa e da Portugal Telecom, com quem está em processo de fusão, podem rediscutir a relação de troca de ações entre as duas operadoras caso a holding Rio Forte não honre seus pagamentos.

-    A BR Properties caiu -0,5%, apesar da notícia de que a família Klein, ex-Casas Bahia, comprou um fundo imobiliário da empresa por um valor total de R$ 606,6mi, incluindo dívidas.

-    A Vale subiu 2,1%, favorecida por indicador mostrando que em UN/14 a atividade do setor de serviços da China expandiu no ritmo mais rápido dos últimos 15 meses, o que também ajudou papéis de produtoras brasileiras de aço.

-    A Eletropaulo avançou 0,2%, após autorização dada pela diretoria da Agência Nacional de Energia Elétrica para que a empresa corrija as tarifas praticadas desde o ano passado em 18,06%.


Política:

 

Como mais um sinal de ''degringolada'' logo após a saída de Joaquim Barbosa, após autorizar Dirceu a trabalhar fora da cadeia o ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal, concedeu ontem uma liminar para permitir que o ex-senador Demóstenes Torres, que foi cassado pelo Senado por quebra de decoro parlamentar devido ao seu envolvimento com o empresário Carlos Cachoeira, volte a atuar como procurador de Justiça no Ministério Público de Goiás.

 

Ontem, que foi o penúltimo dia em que candidatos podem participar de inaugurações, a presidenta Dilma bancou a mestre de cerimônias de uma entrega coletiva de 5.460 unidades do programa Minha Casa Minha Vida em 11 localidades espalhadas pelo País, já que, ao custo de R$ 2mi, o evento foi transmitido por videoconferência para municípios de 7 diferentes Estados.

 

Quase dobrando o valor gasto oficialmente na sua última campanha presidencial (R$ 157mi), quando formalizar o registro da candidatura da presidenta Dilma o PT deve informar à Justiça Eleitoral que o teto de gastos do partido na campanha de reeleição será de R$ 290mi.

 

O juiz Sérgio Moro, da 13ª Vara da Justiça Federal do Paraná, enviou ontem ao Supremo Tribunal Federal documentos colhidos na Operação Lava Jato, da Polícia Federal, que indicam possível envolvimento do senador Fernando Collor, do PTB de Alagoas, com o doleiro Alberto Youssef.


Crítica:

 

Como parte dos esforços de seu presidente-executivo, Elon Musk, para ampliar o interesse por veículos de baixas emissões, a Tesla Motors, fabricante de carros elétricos, tomou uma decisão sem precedentes ao abrir seus segredos de tecnologia aos rivais, o que também reduziria o custo da infraestrutura de recarga de sua companhia.


PAZ, amor e bons negócios;

Alfredo Sequeira Filho


O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer critica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alfredo@relatoriobrasil.com


Conheça e indique nosso Blog: www.relatoriobrasil.com

Curta nossa página no Facebook: www.facebook.com/relatoriobrasil 



Nenhum comentário:

Postar um comentário