R.B. 8/MAI/14 ‘’O pior e também mais popular investimento do Brasil’’


R.B.

"O pior e também mais popular investimento do Brasil"

 

São Paulo, 8 de maio de 2014 (QUINTA-FEIRA).


Mercados e Economia:

 

Hoje (1) a BOVESPA deve seguir em alta, agora com o patamar dos 54.000pts como ''suporte'', acompanhando com a melhora do ''humor'' nas principais bolsas do mundo, diante da redução das tensões na Ucrânia e dos sinais de que os estímulos econômicos devem continuar nos EUA e (2) o DÓLAR pode cair, rumo aos R$ 2,20, influenciado pelos leilões de venda do BC e também pelo aumento do fluxo positivo de recursos externos.

 

Ontem, no BRASIL, (1) a BOVESPA subiu 0,5% (aos 54.052pts), revertendo uma abertura negativa, novamente impulsionada pela valorização das ações da Petrobras (1,9%), que diante do crescente aumento das chances de derrota de Dilma já subiu 47,8% desde 17/MAR/14 e (2) o DÓLAR subiu 0,1% à R$ 2,22, com o mercado dividido entre os leilões de venda do BC e a valorização internacional da moeda norte-americana.

 

Também ontem, nas principais bolsas (1) da ÁSIA, Japão 2,9% e China -0,9%, acompanhando as perdas das demais bolsas mundiais no dia anterior e com a bolsa japonesa se ajustando após 2 dias de feriado, (2) da EUROPA, Inglaterra -0,1%, França 0,4% e Alemanha 0,5%, com os investidores digerido os  comentários pessimistas da presidente do FED (''BC'' dos EUA) e ''animados'' com a evolução positiva da crise Ucrânia e (3) dos EUA, também sem uma tendência única, S&P 0,6%, DJ 0,7% e NASDAQ -0,3%, divididas entre o desempenho positivo das ações de empresas do setor financeiro e de serviços públicos e o desempenho negativo dos papéis do Yahoo! (-6,6%), que agora terá que dividir as atenções, e os investidores, com o Alibaba Group, que por sua vez entrou com pedido para oferta pública inicial de ações.

 

Confirmando mais uma vez que o processo de retirada de estímulos monetários da maior economia do mundo será ''gradual e lenta'', ontem Janet Yellen, presidente do FED (''BC'' dos EUA), afirmou que a economia norte-americana ainda precisa de muito apoio, principalmente quando analisadas (1) a "capacidade ociosa considerável" no mercado de trabalho, (2) a fraqueza no setor imobiliário e (3) as tensões geopolíticas.

 

Contando história ''para inglês ver'', o que obviamente reduz cada dia mais a credibilidade do governo Dilma, segundo o secretário do tesouro Arno Augustin, mesmo com os gastos adicionais com o reajuste de 10% do programa Bolsa Família e com a correção de 4,5% na tabela do Imposto de Renda, a meta do superávit primário de 1,9% do PIB em 2014, que representa R$ 99bi, será alcançada.

 

Indicando que, diferentemente do que diz a propaganda do governo, o PIB deste ano será novamente ''raquítico'', no primeiro trimestre deste ano, diante de empresários com o otimismo reduzido e o pé no freio nos investimentos e de consumidores menos dispostos a comprar por conta de juros maiores e crédito escasso, a indústria tupiniquim avançou apenas 0,4% na comparação com o mesmo período de 2013.

 

Como reflexo dos seguidos aumentos da taxa básica de juros, que elevam a atratividade de investimentos como CDB e fundos de renda fixa, em ABR/14, pela primeira vez desde FEV/12, os saques da caderneta de poupança, ''o pior e também mais popular investimento do Brasil'', superaram os depósitos, desta vez em R$ 1,3bi, porem no ano, como fruto da péssima educação financeira do brasileiro, a captação líquida ainda está positiva em R$ 4,1bi.

 

Mesmo diante dos ''temores'' com o desempenho da economia brasileira, em ABR/14, já refletindo o aumento das ''apostas'' de derrota de Dilma nas eleições presidenciais, o fluxo cambial para o Brasil ficou positivo em US$ 2,78bi, o que representa o melhor resultado mensal desde MAI/13.

 

-    A CSN caiu -3,5%, após divulgar um lucro líquido de R$ 52mi, patamar abaixo da expectativa do mercado para o primeiro trimestre.

-   P Magazine Luiza subiu 0,1% e, após o fechamento do pregão anunciou que seu lucro líquido no primeiro trimestre de 2014, impulsionado pelo bom desempenho das vendas e da operação da financeira Luizacred, atingiu R$ 20,5mi, frente a R$ 800 mil no primeiro trimestre do ano passado.


Política:

 

A escolha do petista Arlindo Chinaglia, que já é líder do governo, para vice-presidente da Câmara, sinaliza um futuro embate entre o PT e o PMDB, já que ele já comandou a Casa e agora ficou numa posição estratégica para voltar à sua presidência, o que iria contrariar o acordo de rodizio feito com os peemedebistas.

 

Pressionado por todos os lados, porém ainda se mostrando fiel ao governo Dilma, ontem Renan Calheiros, o presidente do Senado, determinou a instalação de duas CPIs mistas, uma para investigar a compra de trens para o Metrô de SP e outra sobre a Petrobras, e abriu o prazo de cinco sessões para os líderes dos partidos indicarem os integrantes das comissões.

 

Fazendo uma prévia do ''baixo nível'' que novamente teremos nas eleições presidenciais deste ano, algo que obviamente só interessa ao governo, com a presidenta Dilma como ''estrela'' o PT começou a fazer propaganda na TV atacando diretamente os seus dois principais adversários na disputa.


Crítica:

 

Ressaltando que as obras prioritárias do setor elétrico para a Copa do Mundo já foram concluídas e que "atrasos pontuais" não prejudicarão, ontem o Ministério de Minas e Energia ''garantiu'' que o sistema elétrico tupiniquim está "adequado" para receber o referido evento e que as empresas do setor estão preparadas para resolver eventuais emergências.

 

Como se não tivesse nada mais importante ou urgente para fazer, depois do piso de cerâmica e dos azulejos, as construtoras do Minha Casa, Minha Vida analisam outro pedido da presidenta Dilma, que desta vez quer a instalação de "cercas vivas" para separar uma unidade habitacional da outra.

 

Quando a população de um país julga, condena e executa sentenças com as ''próprias mãos'', como no lamentável caso da dona de casa do Guarujá que foi espancada até a morte por ser confundida com uma sequestradora de crianças, temos um sinal claro de que esta sociedade perdeu totalmente seus valores mais básicos e está à beira de um colapso.


PAZ, amor e bons negócios;

Alfredo Sequeira Filho


O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer crítica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alfredo@relatoriobrasil.com


Conheça e indique nosso Blog: www.relatoriobrasil.com

Curta nossa página no Facebook: www.facebook.com/relatoriobrasil 


 

Nenhum comentário:

Postar um comentário