R.B. 17/SET/13 ‘’Um pouquinho mais otimista’’


R.B.

"Um pouquinho mais otimista"

 

São Paulo, 17 de setembro de 2013 (TERÇA-FEIRA).


Mercados:

 

HOJE

-    A BOVESPA deve cair, realizando lucros e acompanhando o movimento de cautela predominante nas principais bolsas do mundo antes da reunião de amanhã do FOMC (''Copom'' dos EUA), porem deve-se ressaltar que o patamar ainda é interessante para compras diante da gradativa melhora das perspectivas econômicas, tanto do Brasil como dos EUA, da China e da Europa.

-    O DÓLAR pode subir, acompanhando a provável realização de lucros na Bovespa e em um ''ajuste técnico'' diante da forte baixa já acumulada neste mês de SET/13 (-4,5%), porem deve-se ressaltar que no ano a moeda norte-americana ainda acumula uma forte alta (11,34%) e que o patamar atual não é atraente para compras.

 

ONTEM

-    BOVESPA 0,1%, abriu em alta, para logo atingir a máxima do dia avançando 1,2%, porem passou a cair na parte da tarde, para na mínima recuar –0,4% e fechou próxima da estabilidade, com baixo volume de negócios (R$ 9,3bi) para um dia de vencimento de opções e destaques positivo para o desempenho das ações da Petrobrás (1,8%).

-    DÓLAR –0,3% à R$ 2,27, já abriu em queda e, influenciado pela notícia de que o ex-secretário do Tesouro dos EUA Lawrence Summers desistiu de concorrer à vaga de presidente do Fed (''BC'' dos EUA), manteve a trajetória descendente ao longo de ''quase'' todo pregão.

-    Na ÁSIA, acompanhando, com baixos volumes de negócios, o fechamento positivo das bolsas dos EUA na sexta-feira passada, JAPÃO não teve pregão devido a feriado local, porem CORÉIA 1,0% e CHINA 0,2%, ''comemorando'' a decisão de Lawrence Summers de retirar seu nome da disputa para suceder Ben Bernanke no cargo de presidente do Fed (''BC'' dos EUA), o que em um primeiro momento atenuou as preocupações dos investidores sobre uma rápida redução dos estímulos econômicos na maior economia do mundo.

-    Na EUROPA, começando a semana com viés positivo, INGLATERRA 0,6%, FRANÇA 0,9% e ALEMANHA 1,2%, também beneficiadas pela vitória dos aliados da chanceler da Alemanha, Angela Merkel, nas eleições da Baviera, pelos últimos dados de inflação da zona do euro e pelo avanço nas negociações para evitar um ataque unilateral dos EUA à Síria.

-    Nos EUA, sem uma tendência única e devolvendo a maior parte dos ganhos acumulados na abertura, S&P 0,6%, DJ 0,8% e NASDAQ –0,1%, com a diminuição do entusiasmo com a retirada da candidatura do ex-secretário do Tesouro Lawrence Summers para a presidência do Fed (''BC'' local) e o Nasdaq pressionado pela forte queda das ações da Apple (-3,2%), ainda refletindo a decepção dos investidores com os produtos lançados pela empresa na semana passada.


Economia:

 

Assim como na semana passada ''um pouquinho mais otimista'', o ''mercado'' elevou, desta vez de 2,35% para 2,40%, suas projeções para o crescimento do PIB brasileiro neste ano e manteve em 5,82% suas perspectivas para a inflação brasileira em 2013.

 

Podendo ajudar a melhorar a péssima posição do Brasil no ranking de empreendedorismo do Banco Mundial (a 42.ª posição entre 60 economias pesquisadas), ontem a Secretaria de Micro e Pequena Empresa da Presidência da República apresentou uma medida que, quando implementada, ajudará a reduzir o tempo médio gasto para abrir empresas no país de 6 meses para 5 dias.

 

Assim como um empresário que, não conhecendo nada de governança corporativa, usa dinheiro do caixa de sua empresa para pagar despesas pessoais, desde 2012 o dinheiro arrecadado com a multa adicional de 10% paga pelas empresas ao FGTS quando demitem sem justa causa tem ajudado o Tesouro Nacional a cobrir perdas de arrecadação no caixa oficial.

 

Com o objetivo de viabilizar o leilão da BR-262/MG-ES, que fracassou em sua primeira tentativa diante da falta de interessados, o governo Dilma vai garantir compensações financeiras ao futuro concessionário caso o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes não cumpra sua parte na duplicação do trecho da rodovia no Espírito Santo e, para evitar novos ''vexames'' como este, ficou acertado que os próximos leilões serão de apenas um trecho de rodovia a cada vez.

 

''Apostando'' no Brasil, a marca de automóveis de luxo Audi anunciou ontem, em Brasília, que investirá R$ 500 milhões para fazer adaptações na fabrica da Volkswagen em São José dos Pinhais e assim retomar a sua produção de carros no país.

 

Após uma longa ginástica do governo federal para diminuir as tarifas do setor elétrico, o corte anunciado há pouco mais de um ano pela presidenta Dilma e em vigor desde 24/JAN/13 ficou, na prática, abaixo do prometido à indústria e o principal ''vilão da história'' foi o uso excessivo das termoelétricas, mais caras e poluentes.

 

Ressaltando que a venda é mais uma das decisões em que se rasga a Constituição e as leis para favorecer empresas estrangeiras, Carlos Lessa, ex-presidente do BNDES, e Ildo Sauer, ex-diretor da Petrobras, estão bombardeando o governo Dilma com ''fogo amigo'' para tentar cancelar o leilão de venda do campo de Libra, na bacia de Santos.


Política:

 

No momento em que a fraca oposição a Alckmin promove campanha para instalar uma CPI que investigue a atuação de um cartel em licitações de trem e metrô em SP, a Assembleia Legislativa, totalmente dominada pelos tucanos, inicia nesta semana a atividade de três comissões que não têm o Executivo estadual como foco e cujos temas são (1) as causas da violência contra a mulher, (2) o desaparecimento de pessoas e (3) a regularidade dos serviços prestados pela AES Eletropaulo.

 

O Palácio do Planalto deve enfrentar nesta terça-feira no Congresso a segunda votação de vetos presidenciais da chamada "pauta-bomba" que, se derrubados, vão impactar os cofres públicos, porem a ''promessa'' dos principais aliados do governo Dilma Rousseff, como PMDB e PT, é pela manutenção dos vetos.

 

''Abrindo as portas'' para um novo retorno ao governo federal, ontem a justiça de SP determinou o arquivamento de investigação sobre supostos crimes tributários atribuídos ao ex-ministro da Casa Civil Antonio Palocci e à empresa dele, a Projeto.

 

Ontem, após mais uma noite de festa e bebedeira no Rock in Rio, Aécio Neves, presidente nacional do PSDB e potencial candidato à Presidência da República, convocou a imprensa para dizer que está "pressentindo" que estará junto ao ex-governador Serra nas eleições de 2014.


Crítica:

 

Como todo ''menino mimado'', que ao ver o fracasso da sua empreitada coloca a culpa nos outros, ontem Eike Batista afirmou, durante uma entrevista que concedeu ao The Wall Street Journal, que o fracasso da OGX ocorreu por culta dos executivos da petroleira, que antes ele costumava chamar de ''dream team'', e dos investidores, que foram ''covardes'' e saíram do negócio precocemente.


PAZ, amor e bons negócios;

Alfredo Sequeira Filho


O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer critica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alcabi@uol.com.br


Conheça e indique nosso Blog http://relatoriobrasil.blogspot.com

Conheça e indique minha página no Facebook http://facebook.com/Alfredosequeirafilho


Nenhum comentário:

Postar um comentário