R.B. 15/MAI/13 ‘’Trabalhando na base do lobby’’


R.B.

"Trabalhando na base do lobby"

 

São Paulo, 15 de maio de 2013 (QUARTA-FEIRA).


Mercados:

 

HOJE

-    A BOVESPA deve subir, ainda tentando ''recuperar terreno'' para fazer frente aos patamares recordes auferidos nas bolsas do ''primeiro mundo'', desta vez ''animada'' com a elevação da ''nota'' da Grécia, que mostra que as medidas adotadas para tirar a Europa da crise já começam a dar resultado.

-    O DÓLAR pode voltar a cair, rompendo o ''suporte'' dos R$ 2,00 e acompanhando a provável melhora do ''humor'' na Bovespa, diante da perspectiva de que mais dinheiro poderá entrar no país com o aquecimento da demanda de investidores estrangeiros por títulos brasileiros.

 

ONTEM

-    BOVESPA 0,4%, já abriu em alta e, em um movimento de recuperação após 4 pregões consecutivos de alta, manteve a trajetória ascendente ao longo de todo pregão, acompanhando o movimento ascendente das bolsas dos EUA e beneficiada pela divulgação de bons resultados corporativos, como do Banco do Brasil, da Gol e da Marfrig.

-    DÓLAR –0,2% à R$ 2,00, já abriu em queda e, acompanhando a trajetória internacional da moeda norte-americana, manteve-se em território negativo ao longo de todo pregão, em uma sessão com baixo volume de negócios e pouca volatilidade.

-    Na ÁSIA, sem uma tendência única, JAPÃO 0,2%, CORÉIA 0,4% e CHINA –1,1%, divididas entre o aumento das ''apostas'' de recuperação da economia dos EUA e os ''rumores'' de que Pequim não deve afrouxar sua política apesar dos dados econômicos fracos de ABR/13.

-    Na EUROPA, revertendo uma abertura negativa, para fecharem nos maiores patamares em 5 anos, INGLATERRA 0,8%, FRANÇA 0,5% e ALEMANHA 0,7%, auxiliadas por um conjunto de resultados corporativos acima do esperado e por sinais de que grandes investidores ainda estão com apetite pelo mercado acionário.

-    Nos EUA, batendo novos recordes históricos, S&P 0,7%, DJ 0,8% e NASDAQ 0,7%, impulsionadas por um persistente otimismo dos investidores, que aproveitaram a queda do dia anterior para entrar no mercado, desta vez principalmente comprando ações de bancos.


Economia:

 

Dando novos sinais positivos da economia brasileira, (1) em ABR/13 a procura de pessoas físicas por crédito aumentou 5,3% na comparação com MAR/13 e 17,5% na comparação com ABR/12, (2) nos 4 primeiros meses deste ano o número de cheques devolvidos por falta de fundos caiu –7,1% na comparação com o mesmo período de 2012 e (3) nos 4 primeiros meses deste ano o nível de emprego na indústria de transformação paulista subiu 2,34% na comparação com o mesmo período de 2012.

 

A indústria brasileira de fundos de investimentos é a sexta maior do mundo, com mais de US$ 1,2tri em ativos sob gerenciamento e, segundo Aldo Mendes, diretor de Política Monetária do BC, ela precisa adaptar suas estratégias às novas condições da economia local, como taxas de juros baixas e dívida menor do governo, principalmente elevando o financiamento a novos investimentos privados.

 

Confirmando como é grande o interesse pela exploração de petróleo e gás no Brasil, ontem, no primeiro leilão da ANP em 5 anos, a referida agencia arrecadou R$ 2,8bi, o que representa um recorde entre os leilões já realizados, com a venda de 142 dos 289 blocos ofertados e com um ágil médio de 797% sobre o preço mínimo estabelecido para as concessões que foram arrematadas.

 

Após afirmar que a Petrobras conseguirá fazer frente ao aumento da demanda por combustíveis no país mesmo sem expandir sua capacidade de refino no curto prazo, Graça Foster, presidente da empresa, ressaltou que a captação feita pela estatal no exterior, por meio da qual levantou US$ 11bi, demonstrou e confirmou a confiança do mercado na companhia.

 

-    A OGX subiu 5,4%, após surpreender o ''mercado'' já que, mesmo acumulando prejuízos, problemas operacionais e dívidas, foi uma das surpresas do leilão da ANP ao fazer lances para blocos em cinco bacias, arrematando, ao todo, 13 áreas.

-    A Marfrig subiu 12,9%, após anunciar que encerrou o primeiro trimestre com resultado bem acima das expectativas do mercado.

-    A Gol subiu 3,3%, também beneficiada por divulgar um resultado melhor que o esperado, principalmente no tocante a redução do seu endividamento.


Política:

 

Nesta madrugada, após um longo período de discussões, a Câmara Federal aprovou o texto base da MP dos Portos, porem ainda falta concluir a votação de 14 destaques e por este motivo o presidente da Casa, que é o deputado peemedebista Henrique Eduardo Alves, convocou sessão extraordinária para as 11 horas desta quarta-feira para a conclusão da análise da referida MP.

 

Estrategicamente fora dos holofotes após a divulgação de que seu governo ainda não entregou as casas prometidas para os desalojadas das enchentes ocorridas em Pernambuco 3 anos atrás, Eduardo Campos, governador do referido Estado, trocou a superexposição dos últimos meses por articulações de bastidores, porem, apesar das pressões que vem sofrendo de Lula, não alterou seu propósito de rivalizar com a presidenta Dilma nas próximas eleições presidenciais.

 

Cada vez mais no núcleo do poder federal e afastando a possibilidade de se candidatar ao governo de SP em 2014, Aloizio Mercadante, ministro da Educação, afirmou ontem que estará na coordenação da campanha para reeleição da presidenta Dilma em 2014.

 

Fazendo uma ''excelente analogia'', o deputado Federal tucano Walter Feldman afirmou que nunca antes na história deste país a base governista se pareceu tanto com o Titanic, já que é grande, populosa e está pronta para o naufrágio.

 

''Trabalhando na base do lobby'', ontem (1) foi aprovado um projeto na Comissão de Meio Ambiente do Senado, que é presidida pelo senador Blairo ''moto-serra'' Maggi, que vai permitir o plantio de cana-de-açúcar na Amazônia Legal e (2) Henrique Alves, presidente da Câmara dos Deputados, pediu a retirada da proposta de rotular bebidas alcoólicas com mensagens sobre o mal do álcool à saúde.


Crítica:

 

Podendo ajudar a reduzir os enormes danos ecológicos causados pela pecuária de corte, o pesquisador Mark Post desenvolveu um hambúrguer feito com carne cultivada em um laboratório e agora pretende leva-lo para ser comido em um evento público em Londres para assim tentar buscar potenciais fontes de financiamento para sua pesquisa.


PAZ, amor e bons negócios;

Alfredo Sequeira Filho


O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer critica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alcabi@uol.com.br


Conheça e indique nosso Blog http://relatoriobrasil.blogspot.com

Conheça e indique minha página no Facebook http://facebook.com/Alfredosequeirafilho


Nenhum comentário:

Postar um comentário