R.B. 29/NOV/12 ‘’Consumistas e endividados’’


R.B.

"Consumistas e endividados"

 

São Paulo, 29 de novembro de 2012 (QUINTA-FEIRA).


Mercados:

 

HOJE

-    A BOVESPA deve subir, tentando zerar as perdas acumuladas no ano de 2012 (-0,4%) e no mês de NOV/12 (-0,9%), beneficiada pela melhora do ''humor'' nas demais bolsas mundiais e também impulsionada pelos sinais de que a taxa básica de juros da economia brasileira permanecerá baixa por um longo período.

-    O DÓLAR pode cair, reduzindo parte da forte alta acumulada no mês (2,9%) e no ano (11,7%), diante da avaliação de que mesmo com a manutenção da taxa básica de juros em 7,25% ao ano, os juros reais do Brasil (atualmente em 1,82%) continuam sendo o quarto maior do mundo. em abaixo dos 2% ao ano, em 1,82%.

 

ONTEM

-    BOVESPA 0,5% (aos 56.539pts), abriu em queda, para na mínima recuar –1,0%, porem passou a subir na parte da tarde, com investidores reagindo positivamente às declarações de lideranças dos EUA, que indicaram que o país conseguirá chegar a um acordo e evitar o chamado ''abismo fiscal''.

-    DÓLAR 0,5% à R$ 2,09, já abriu em alta e, mesmo com a melhora do ''humor'' na Bovespa, manteve-se em território positivo ao longo de todo pregão, acompanhando a trajetória internacional da moeda norte-americana e diante da crescente convicção de que o BC permitirá que o câmbio supere o patamar de R$ 2,10.

-    Na ÁSIA, acompanhando as perdas das demais bolsas mundiais no dia anterior, JAPÃO –1,2%, CORÉIA –0,6% e CHINA –0,9%, refletindo a declaração dada ontem pela Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico de que o fracasso para evitar o chamado "abismo fiscal" nos EUA aumenta o risco de uma recessão global.

-    Na EUROPA, também revertendo uma abertura negativa, INGLATERRA 0,1%, FRANÇA 0,4% e ALEMANHA 0,2%, com destaques de alta para as exportadoras, na expectativa de que legisladores consigam evitar o chamado "abismo fiscal" nos EUA.

-    Nos EUA, em um pregão marcado pela volatilidade, S&P 0,8%, DJ 0,8% e NASDAQ 0,8%, beneficiadas no final do dia por declarações do presidente da Câmara dos Deputados, o republicano John Boehner, que se mostrou aberto a um acordo para evitar que o ''abismo fiscal'' gere uma reviravolta no mercado.


Economia:
 
Conforme esperado por mais de 90% do ''mercado'', ontem, após o fechamento do pregão, o Copom, após 10 cortes seguidos, decidiu manter a taxa básica de juros da economia brasileira em 7,25% (o menor patamar da história), por unanimidade, sem viés e ressaltando que considerou o risco para a inflação, a recuperação da atividade doméstica e a complexidade que envolve o ambiente internacional.
 
Finalmente ''caindo na real'', Mantega, ministro da Fazenda, afirmou que está preocupado com o ritmo fraco dos investimentos e ''prometeu'' que o governo Dilma vai tomar mais medidas "pró-crescimento" da economia, como (1) a prorrogação por mais um ano do Programa de Sustentação do Investimento, (2) a inclusão de novos setores na lista dos beneficiados pela desoneração da folha de pagamento e (3) a concessão ao setor privado dos aeroportos do Galeão (RJ) e de Confins (Grande BH).
 
Dando novos sinais positivos da economia brasileira, (1) em NOV/12 o índice que mede a expectativa do consumidor ficou em 117pts, o que representa o maior nível desde DEZ/10, (2) em OUT/12 a taxa de desemprego caiu para 10,5%, ante 10,9% em SET/12, (3) em SET/12 o número de ações judiciais por falta de pagamento de locação apresentou queda de -20% na comparação com AGO/12 e (4) segundo o levantamento da consultoria Robert Half, 7 em cada 10 diretores de recursos humanos de empresas brasileiras estão mais dispostos a negociar salários com os candidatos em busca de um emprego atualmente do que há 12 meses.
 
Reabrindo um importante mercado para os exportadores brasileiros, ontem a Rússia anunciou que suspendeu o embargo às exportações brasileiras de carnes dos Estados do Rio Grande do Sul, do Paraná e de Mato Grosso.
 
Como fruto do envelhecimento da população brasileira, que tem cada vez menos jovens e mais velhos, em OUT/12 a População Economicamente Ativa caiu –0,3% na comparação com SET/12, o que representa a primeira queda em 20 anos.
Política:
 
Incentivando o setor ferroviário, porem sem se esquecer de agradar também o setor automotivo, ontem a Câmara aprovou um medida provisória que autoriza a concessão de benefício fiscal para empresas que comprarem caminhões, vagões e locomotivas até 31/DEZ/13.
 
Ajudando a reduzir os gastos da saúde publica e a melhorar a qualidade de vida da população brasileira, ontem a Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania do Senado aprovou uma Proposta de Emenda à Constituição que veda a cobrança de impostos sobre medicamentos de uso humano, o que pode levar a reduções nos preços dos remédios na ordem de 25%.
 
Apesar de ainda ser parlamentar, o deputado petista João Paulo Cunha, presidente da Câmara quando estourou em 2005 o escândalo do mensalão, foi condenado pelo Supremo Tribunal Federal a 9 anos e 4 meses de reclusão por lavagem de dinheiro, peculato e corrupção passiva.
 
Diante da nova suspeita de corrupção envolvendo integrantes do governo, Leonardo Steiner, secretário-geral da CNBB, sugeriu que o conceito da ficha-limpa fosse aplicado à nomeação dos cargos comissionados no governo.
Crítica:
 
Em janeiro de 2005 a taxa básica de juros da economia brasileira estava em 18,25% e 4,6% da renda mensal dos brasileiros era gasta com pagamento de juros aos bancos, atualmente a Selic está em 7,25% porem, como os brasileiros estão mais ''consumistas e endividados'', 7,6% da renda mensal da população vai para o pagamento de juros aos bancos.
 
Apresentando uma excelente novidade em prol da sustentabilidade, a empresa norte-americana Agilyx desenvolveu uma técnica inédita de reciclagem que converte 75% do peso de um plástico velho em petróleo cru de excelente qualidade e pronto para ser refinado.

PAZ, amor e bons negócios;

Alfredo Sequeira Filho


O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer critica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alcabi@uol.com.br

Conheça e indique nosso Blog http://relatoriobrasil.blogspot.com
Conheça e indique minha página no Facebook http://facebook.com/Alfredosequeirafilho

Nenhum comentário:

Postar um comentário