R.B. 13/NOV/12 ‘’Virando as costas para o PSDB’’


R.B.

"Virando as costas para o PSDB"

 

São Paulo, 13 de novembro de 2012 (TERÇA-FEIRA).


Mercados:

 

HOJE

-    A BOVESPA deve subir, novamente tentando uma recuperação após 4 pregões consecutivos de queda e após fechar o pregão anterior próxima do ''suporte'' dos 57.000pts (aos 57.064pts), influenciada pelas perspectivas positivas para a economia brasileira, que começa a dar novo sinais positivos.

-    O DÓLAR pode voltar a subir, mesmo após 4 pregões consecutivos de alta, acompanhando a trajetória internacional da moeda norte-americana, porem é importante ressaltar que o patamar atual é bom para vendas, principalmente diante da expectativa de manutenção do fluxo positivo de recursos externos oriundos de exportações, captações e ''investimentos''.

 

ONTEM

-    BOVESPA –0,5%, abriu em leva alta, para na máxima avançar o,4%, porem passou a cair ainda na parte da manhã, para na mínima recuar –0,6%, com baixo volume de negócios (R$ 3,9bi) e pressionada pelas ações das empresas do setor elétrico, como Cesp (-6,5%), Copel (-5,2%), Light (-5,0%) e Eletrobrás (-2,9%), já que a renovação das concessões do setor continua a desagradar os investidores.

-    DÓLAR 0,2% à R$ 2,05, já abriu em alta e, acompanhando a trajetória internacional da moeda norte-americana, manteve a trajetória ascendente ao longo de todo pregão, novamente com baixo volume de negócios, para fechar o dia no maior patamar desde 28/JUN/12, diante da crescente expectativa de que haverá no final do ano um aumento nas remessas de lucros de empresas estrangeiras instaladas no país.

-    Na ÁSIA, em mais um dia de perdas, JAPÃO –0,9%, CORÉIA –0,2% e CHINA –0,4%, já que preocupações com o abismo fiscal nos EUA e o programa de resgate da Grécia se somaram ao anuncio de que a economia do Japão encolheu -0,9% no terceiro trimestre deste ano em relação ao trimestre anterior.

-    Na EUROPA, mesmo com a aprovação do Orçamento de 2012 pelo parlamento da Grécia, INGLATERRA –0,1%, FRANÇA –0,3% e ALEMANHA –0,2%, diante da indicação dos ministros das Finanças da zona do euro de que a decisão sobre a liberação da próxima parcela de ajuda aos gregos não deve ser automática.

-    Nos EUA, novamente com poucos negócios e o operando quase que todo dia próximas da estabilidade, S&P 0,1%, DJ 0,0% e NASDAQ –0,1%, ainda com investidores limitando suas ''apostas'' antes do que pode ser uma prolongada batalha sobre o chamado "abismo fiscal".


Economia:
 
Dando novos sinais positivos da economia brasileira, (1) em OUT/12 as vendas domésticas de papelão ondulado cresceram 8,06% na comparação com o mesmo mês de 2011, (2) em SET/12 a venda de imóveis residenciais novos na cidade de SP cresceu 97,5% na comparação com AGO/12 e 13,5% na comparação com SET/11 e (3) em OUT/2 o Índice de Confiança das Micro e Pequenas empresas brasileiras atingiu 123pts, o que representa a sua mais alta pontuação desde que começou a ser calculado, em ABR/12.
 
Mostrando o otimismo de sempre, ministro brasileiro da Fazenda, afirmou que o Brasil voltou a crescer no segundo semestre deste ano e a expansão do PIB terá condições de ficar acima de 4% em 2013 se o investimento aumentar o dobro disso.
 
Ainda com o ''mercado no suporte do pessimismo'', pela quarta semana consecutiva as ''apostas'' para o crescimento da economia brasileira este ano se estabilizaram em 1,54% e, diante da alta dos alimentos, as previsões para a inflação de 2012 subiram, desta vez de 5,44% para 5,45%.
 
Diante da queda da taxa de juros e pela manutenção das baixas taxas de desemprego, em OUT/12, (1) após 7 meses consecutivos de alta, o número de ações de despejo por falta de pagamento caiu -1% em na comparação com OUT/11 e (2) a demanda por financiamentos cresceu 11,9% em relação ao mesmo mês do ano passado e 17,2% na comparação com SET/12.
 
Como o governo ainda não tem uma definição sobre como vai selecionar os operadores privados dos portos no pacote que prepara para modernizar o setor, já que Dilma não aceita que o critério principal seja o valor de outorga pago ao governo e também considera que a seleção por menor tarifa é difícil de colocar de pé, o lançamento do pacote de R$ 50bi ajuda aos portos foi adiado.
 
''Apostando'', antes tarde do que nunca, no Brasil, a Apple, indicando que deve abrir em breve sua primeira loja própria no país, publicou ontem em seu site ofertas de emprego para pessoas que queiram atuar em 12 ocupações relacionadas à venda direta de produtos.
 
-    A Petrobrás caiu –1,6%, já que diante da falta de ajuste no preço da gasolina e do diesel o Bank of America Merrill Lynch, um dos principais bancos norte-americanos, rebaixou sua recomendação e seu preço alvo para a petrolífera brasileira.

Política:
 
Confirmando mais uma vez sua motivação politica, ontem o ''nobre'' ministro Joaquim Barbosa, redator do Mensalão no Supremo, decidiu inverter a ordem previamente estabelecida e votar as penas dos condenados pelo núcleo político, que não tinham advogados presentes na corte, antes das penas do núcleo financeiro, o que causou a ira do ministro revisor Ricardo Lewandowski, que abandonou o plenário.
 
Se esquecendo que o Mensalão Mineiro, comandado pelo PSDB, deve ser o próximo caso político a ser julgado pelo Supremo, os Senadores da oposição afirmaram que a condenação do ex-ministro José Dirceu a mais de dez anos de prisão, pelo Supremo Tribunal Federal, é um marco do fim da impunidade no Brasil.
 
Conforme já era esperado, Kassab, ''virando as costas para o PSDB'', confirmou, após 2 horas de conversa com Dilma, que seu partido, o PSD, vai apoiar a reeleição da presidenta e negou que tenha sido tratado no encontro sua ida para um ministério.
 
Confirmando que petistas e tucanos são ''farinha do mesmo saco'', construtoras e empresas do setor imobiliário doaram pelo menos R$ 7,6 milhões em SP aos comitês de campanha do PT e do PSDB, partidos que disputaram o 2.º turno na eleição para a Prefeitura com Haddad e Serra, respectivamente, o que representa 62% das doações depositadas diretamente nas contas abertas duas legendas na capital paulista.

Crítica:
 
Dando um passo rumo à sustentabilidade, a McLaren anunciou que apoia a produção de novos carros de corrida movidos exclusivamente à energia elétrica, em preparação ao lançamento do campeonato mundial de Fórmula E, que começará em 2014.
 
De maneira legitima apropriada, já que segundo a Constituição o Brasil é um país laico, o Ministério Público Federal entrou com uma ação civil pública nem que pede que as novas cédulas de real passem a ser impressas sem a expressão "Deus seja louvado".

PAZ, amor e bons negócios;

Alfredo Sequeira Filho


O "R.B." representa uma opinião, não uma indicação, é proibida sua reprodução, sem a devida autorização, e qualquer critica, dúvida ou sugestão, favor contatar: alcabi@uol.com.br

Conheça e indique nosso Blog http://relatoriobrasil.blogspot.com
Conheça e indique minha página no Facebook http://facebook.com/Alfredosequeirafilho

Nenhum comentário:

Postar um comentário